Convivendo

O que você precisa saber sobre e-commerce no Brasil

e-commerce no brasil
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Talvez, você já ouviu falar de comércio eletrônico, talvez, você já ouviu falar de lojas virtuais. Contudo, o assunto é extenso e você precisa saber mais sobre o e-commerce no Brasil.

Existem muitos rumores e verdades sobre o e-commerce no Brasil. Portanto, neste artigo você vai poder saber todas as informações reais para entender sobre o comércio eletrônico.

Quer saber fatos importantes sobre o que é e-commerce brasileiro? Continue lendo o artigo e saiba tudo o que precisa!

O que é e-commerce

Para explicar de forma mais direta o conceito de e-commerce no Brasil é melhor simplificar. E-commerce é nada mais, nada menos, que um comércio eletrônico.

É uma forma de comercializar produtos por meio da internet, usando eletrônicos como: smartphones, computadores e tablets.

Em outras palavras, podemos dizer que o comércio eletrônico é mais representado por lojas virtuais. Algumas pessoas chamam as lojas virtuais de lojas online, tudo é válido, pois o mercado digital possui variações de termos específicos.

Um e-commerce é verdadeiro quando é composto por produtos de uma única empresa em um site próprio. Em um e-commerce não existe intermediação de vendas, portanto, um marketplace possui suas diferenças.

Um marketplace oferece uma plataforma para diversas empresas venderem seus produtos. Desta maneira, o comerciante só precisa cadastrar os produtos e o site disponibiliza para vendas. Já no E-commerce os produtos são de uma única empresa.  

O crescimento do e-commerce é visível

Outro fator sobre o e-commerce no Brasil e que você não pode deixar de saber é o seu desenvolvimento. Ele vem registrando um visível crescimento e, todos os anos, os resultados são medidos por órgãos competentes.

De acordo com o 38° Webshoppers do Ebit, o e-commerce do Brasil teve um progresso de 12,1% já no primeiro semestre de 2018, a pesquisa foi feita em comparação com o avanço do ano anterior. O faturamento estimado foi de R$ 23,6 bilhões. Certamente, o comércio eletrônico é promissor.

Anteriormente, o e-commerce no Brasil havia obtido um avanço de 12% de acordo com o 37° Webshoppers. Com um faturamento de R$ 47 bilhões no ano de 2017, as expectativas continuaram promissoras para o comércio eletrônico.

De fato, se olharmos os anos anteriores, podemos ver a evolução do mercado e-commerce.

Expectativas para os próximos anos

De acordo com especialistas em comércio eletrônico, o e-commerce deve movimentar cerca de R$ 270 bilhões até 2020.

Para 2018, o referido estudo projetou uma movimentação de R$ 60 bilhões de reais no setor, sendo estimado até o fim do ano um crescimento de 15%, sendo que a movimentação em dinheiro poderia chegar até R$ 68 bi.

O uso de smartphones está cada vez mais comum no comércio eletrônico. De acordo com pesquisas realizadas pela PayPal. No ano de 2018, foram feitas 17,4 milhões de compras por meio de smartphones, ou seja, 32% do total de pedidos efetuados em todo o e-commerce brasileiro.

Produtos mais vendidos

A avaliação do e-commerce em 2017, de acordo com a pesquisa publicada no 37o. Webshoppers da Ebit, foram reveladas algumas das categorias que mais se destacaram em volume de pedidos. Dentre elas, destacam-se:

  • Cosméticos: 12,0%
  • Acessórios de moda e beleza: 14,02%
  • Celulares e telefonia: 9,2%
  • Livros: 8,3%
  • Design de casas e apartamentos: 10,5%
  • Produtos esportivos: 6,4%
  • Produtos de alimentação: 4,0%
  • Informática: 4,5%
  • Eletrônicos em geral: 3,6%

Muitas pessoas fazem pesquisas sobre quais os melhores produtos para serem vendidos em lojas virtuais. De fato, essas informações oferecidas por instituições competentes ajudam o empreendedor que deseja se destacar no comércio eletrônico.

Não adianta não saber como abrir uma loja virtual que não forneça os melhores produtos. Uma loja virtual precisa oferecer benefícios, assim como as lojas físicas. O fato de ser online, não dispensa o trabalho árduo.

Entretanto, com base nessas informações, podemos analisar e implementar estratégias em novas lojas virtuais. Portanto, se você está se perguntando como criar um e-commerce no Brasil, vamos lhe dar a resposta agora mesmo.

Como abrir um e-commerce no Brasil

Para abrir um e-commerce você precisa de um planejamento. No planejamento você vai escolher produtos, categorias e modelos de sites. Cada planejamento é diferente e, portanto, você precisa pensar em algo que realmente atenda às suas expectativas comerciais.

No entanto, você não está sozinho. Vamos mostrar o que é necessário para montar um e-commerce no Brasil. Confira os aspectos a seguir:

  • Você precisa escolher o nicho de mercado;
  • Escolher os produtos que vão ser comercializados;
  • Escolher a plataforma para a criação do site, por exemplo, a Shopfy que é a melhor;
  • Precisa montar o site e otimizar descrições títulos e tudo mais em SEO;
  • Não pode deixar de ter um blog;
  • Deve investir em divulgação nas Redes sociais e em toda a internet;
  • Medir os resultados do e-commerce.

Seguindo essa lista, você vai ter um e-commerce de sucesso no Brasil.

Certamente, é um desafio ter uma loja virtual profissional se destacando no mercado. Porém, quando você faz tudo como deve ser feito, chega a obter uma boa parte do faturamento que citamos acima.

Além de tudo, o comércio eletrônico no Brasil ainda é pequeno em comparação com os Estados Unidos. Portanto, quanto mais rápido você montar a sua loja virtual, mais chances o seu negócio terá de se destacar nos próximos anos.

Para abrir um e-commerce é preciso investir tempo no uso de todas as ferramentas citadas acima. É fundamental monitorar a concorrência e ficar por dentro das mudanças comportamentais do consumidor.

Existem maneiras de atrair as pessoas para as lojas virtuais e vender muitos produtos. Você deve aprender tudo o que for preciso. No entanto, você pode ter uma equipe e ainda contar com a ajuda de especialistas na área.

Agora você pode começar a montar o seu e-commerce e participar do crescimento do setor nos próximos anos. Se esse conteúdo te ajudou, compartilhe e colabore com mais pessoas.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]as.com.br