Convivendo

Quarto montessoriano e as filosofias de ambiente para crianças

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Você já ouviu falar do método do quarto montessoriano? Pois bem, esse método, criado no ano de 1907, pela educadora e médica italiana Maria Montessori, defende que o quarto das crianças deve ser feito especialmente para elas, e não para os adultos. O principal objetivo é que o lugar mantenha objetos e móveis na altura dos olhos dos pequenos, para que assim, ele possa desenvolver com total segurança, sua liberdade e autonomia, priorizando a autoeducação.

O quarto montessoriano é minimalista e funcional, ou seja, possui poucos móveis, além de ser um ambiente tranquilo, aconchegante e seguro. Tudo deve estar ao ponto de vista e alcance da criança, para que quando quiserem ou precisarem de algo, tenham acesso facilmente.

Assim, ao invés de camas altas por exemplo, os colchões devem ficar no chão. Dessa maneira, eles poderão levantar e deitar quando bem quiserem. Já os brinquedos devem estar dispostos para quando o pequeno quiser pegá-lo, consiga-o fazer facilmente.

Conheça aqui outras dicas para montar o quarto montessoriano do seu filho:

O espelho é uma peça que não pode faltar. Isso porque, é através dele que a criança é capaz de se autorreconhecer. Assim, ele visualiza não só o próprio rosto, mas é capaz de ver os movimentos que faz, proporcionando a si mesmo, além de autonomia, reconhecimento de si próprio como indivíduo. Para instalá-lo no quarto do seu filho, uma dica (caso seja um bebê) é colocá-lo rente ao chão, na posição horizontal. Lembre-se de fixá-lo na parede para que não corra o risco de cair, quebrar e machucar o pequeno. Conforme seu filho for crescendo, coloque-o na vertical.

Outra dica é montar um cantinho de brinquedos e de leitura. Este deve ter baús, prateleiras baixas, e nichos totalmente acessíveis para que a criança possa explorar facilmente o ambiente.

A barra fixa no quarto ajuda para que os pequenos fiquem de pé. Para instalá-las, fixe-as na parede, estimule a liberdade do seu filho.

Dê acesso livre às roupas. Uma boa dica é deixá-las expostas em armários mais baixos, araras ou gavetas. Dessa maneira, seu filho se sentirá estimulada para fazer suas próprias escolhas, de maneira saudável e natural.

Mas, como tudo que envolve crianças, a montagem do quarto deve obedecer alguns aspectos de segurança. Por isso, não utilize quadros que contenham vidros, opte por acrílico; tome cuidado com móveis que podem tombar facilmente; evite elementos e móveis que possuam quinas; esconda todas as tomadas; evite utilizar pregos e utilize fita dupla face para fixar objetos em sua parede.


  • Texto escrito por Flávia Faria da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]