Autoconhecimento

Aprendizagem ou evolução

Marcia Lima
Escrito por Marcia Lima

Sofrimento ou Evolução? Aprenda a produzir pérolas!

Quanto tempo mais você precisa sofrer até perceber que está no caminho errado? 

Afinal, o tempo não é generoso com a nossa falta de percepção, ele passa. O sofrimento é apenas uma das formas que a vida encontra para evoluir. Se você quiser, pode optar por entendê-lo, basta olhar para as dores que ele te trouxe, curando as feridas, trabalhando as dificuldades que elas te causaram, buscando ajuda e seguindo em frente. Mas a maioria das pessoas, e eu espero que esse não seja o seu caso, escolhem o caminho mais cômodo, aquele de permanecer no sofrimento esperando pelo momento mágico em que alguém ou algo lá fora venha e resolva isso tudo. 

O que a maioria das pessoas tarda a perceber é que não existe “o salvador” que vem do além para resolver os seus problemas. E se por acaso você já teve “salvadores” em sua vida, com certeza, eles apareceram depois, bem depois que você decidiu se curar. Entende? É a sua atitude de querer mudar que vai te tirar da situação em que você está. Porque todas as coisas acontecem de dentro para fora. Por mais que não pareça, sempre é do interior para o exterior, não o contrário. Nada que aconteça fora vai te livrar de um sofrimento sem que antes você tenha tomado uma atitude. 

Lembro de uma frase que ouvi muito durante a vida:

Você pode aprender pelo amor ou pela dor! 

Confesso que custei a entender o que diziam, parecia que me falavam em grego. Pois eu pensava: Como é possível aprender pelo amor? Amor não ensina nada. Amor é amor. É só um sentimento, sei lá! Hoje, eu entendo o que me diziam com essa frase pronta. O amor está longe de ser só sentimento. Quando é percebido dessa forma, deixa de ter função. O amor é um estado, uma direção, um caminho. 

Sim, amor é o caminho.

Quando você decide aprender pelo amor, perdoa por mais que te doa e percebe as dificuldades e desilusões como fontes de cura. Claro que ainda há sofrimento. Sofrer é parte da transformação. Estamos vivos e não existe melhor forma de crescimento do que passar pelos desafios da vida. Mas se o amor está na frente, ameniza a mágoa e abre as portas para os novos caminhos, isso vai fazer você escolher a maneira mais divina de passar pelas situações difíceis que surgirem em sua vida.

Complementando a frase, quando eu escolho aprender pela dor, quase sempre opto por aumentar o meu sofrimento psíquico e não resolvo nada. Porque o ódio é alimento para o problema. Então, fico ali quietinho, engolindo doses diárias de desgosto, raiva e tristeza, prejudicando todo o sistema energético, gerando sintomas no corpo, contaminando as minhas emoções e sentimentos mais profundos. 

Já é hora de entender que todas as experiências que temos na vida, boas ou ruins, são grandes ensinamentos para nós, não são castigos, pois carregam em algum nível muito aprendizado. 

Sabe a história das ostras? Uma ostra que não foi ferida não produz pérolas! 

Você aí… 

  • Já foi ignorado no momento em que mais precisava de ajuda? 
  • Já se sentiu ofendido pelas palavras duras que alguém disse? 
  • Já sofreu preconceito, foi rejeitado ou mal interpretado? 
  • Já se sentiu magoado com o descaso de alguém? 
  • Sente que não tem o lugar que merece no mundo? 

Produza uma pérola! 

Cabe a você decidir de que forma o seu desafio vai te trazer aprendizado, se pelas marcas de dor ou pelo olhar do amor. 

Eckhart Tolle diz: 

A vida vai lhe dar a experiência que for mais útil para a evolução da sua consciência. E como você sabe que essa é a experiência que você precisa? Porque essa é a experiência que você está tendo no momento.”


Você pode gostar de outro artigo desta autora. Acesse: Sabedoria Sagrada e o Feminino

Sobre o autor

Marcia Lima

Marcia Lima

Com formação em: Acupuntura | Medicina Tradicional Chinesa | Terapia Cognitivo Comportamental | Massoterapia com Linguagem do Corpo | Aromaterapia | Florais de Bach | Iridologia

Estudante de Psicologia e Psicanálise.

Apaixonada por Fotografia.

Blog: institutozhejin.blogspot.com.br
Email: [email protected]
Tel/Wats: (11) 98570-2267
Facebook: facebook.com/institutozhejin