Autoconhecimento

Como descobrir o sentido da vida

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Como descobrir o sentido da vida? Essa talvez seja a pergunta mais antiga do ser humano. Muitas respostas já foram dadas para ela, algumas vindas da filosofia, outras da religião ou até mesmo de momentos de devaneio e meditação. Particularmente, eu gosto da resposta do Dalai Lama quando ele disse que o sentido da vida é ser feliz. Simples e claro, mas pode ser um tanto vago também. Porque, afinal, você sabe o que te faz feliz?

Motivado pela busca do sentido da vida, o palestrante norte-americano Steve Pavlina criou um método que qualquer pessoa (até mesmo aquelas que não acreditam no sentido da vida) podem utilizar para encontrar uma resposta a essa pergunta.

O método é bem fácil e vale a pena você fazer. Vamos lá!

Primeiro, certifique-se que você está em um lugar onde não vai ser incomodado, seja por pessoas, telefone, notificações do WhatsApp, barulho do vizinho ou qualquer outra coisa. Depois de conseguir um lugar e horário em que tem o silêncio para pensar sozinho, pegue uma folha, caderno ou até mesmo um editor de texto no computador e escreva: qual é o meu verdadeiro propósito na vida?

Happy family together, parents with their little child at sunset. Father raising baby up in the air.

Depois, comece a escrever o que vem na sua cabeça. Não se preocupe se vier alguma frase sem sentido ou incompleta. Até mesmo se você pensar: não existe sentido, escreva isso! Vá escrevendo sem julgar se está certo ou errado. Essa é uma forma de esvaziar os pensamentos que estão ocupando espaço demais no seu inconsciente.

Aos poucos, você vai perceber que vão surgir algumas respostas que mexem com as suas emoções de alguma forma. Atente-se a elas, mas continue escrevendo e refletindo sobre qual é o seu propósito da vida. Vai chegar uma hora em que você vai escrever uma resposta que vai te fazer se emocionar ao ponto de chorar. Pare nessa resposta. Esse é o sentido da sua vida.

Esse processo pode levar normalmente de vinte minutos até mais de uma hora, dependendo da pessoa. Se for pensar que o sentido da vida é uma reposta que você poderia passar a vida toda sem ter, é pouco tempo para descobrir, não é mesmo?

Mesmo que durante o exercício você sinta vontade de sair, desistir ou fazer outra coisa, persista. A resposta certa só aparece depois do seu inconsciente parar de lutar, e aí sim ele vai começar a liberar a sua mente em direção a resposta final. Pode levar até mesmo de cem a mais de 500 respostas para vir aquela que você vai se emocionar e saber que é a certa. Portanto, reserve um tempo livre para fazer isso e persista até acabar.

Quando encontrar a resposta, escreva em um lugar onde você possa ler diariamente e sempre se lembrar do sentido da sua vida. É muito fácil nos perdermos e deixar de lado o nosso real propósito de viver, mas isso nos leva a depressão e tristeza. Use essa frase como uma bússola para você se manter em direção ao seu propósito de vida.

Depois, conte para gente aqui nos comentários como foi a sua experiência. O seu relato pode servir de incentivo para que outras pessoas persistam nessa busca e encontrem a verdade em suas vidas.

Que a verdade esteja sempre com você. Até a próxima!


  • Escrito por Ricardo Sturk da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]