Comportamento

Dia do Leitor

Homem lendo nas escadas.
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Muitos não apreciam esse ato, mas deveriam. Dia 7 de janeiro é comemorado o dia do leitor no nosso país. No ano de 1928 e na data 7 de janeiro, é claro, o diária “O Povo” começou sua circulação em Fortaleza, no Ceará pelo poeta e jornalista Demócrito Rocha.

Em homenagem ao jornalista, a data foi oficialmente fundada para comemorar o dia do leitor. O jornal “O Povo” foi reconhecido como um dos melhores do Brasil após seu lançamento e por meio dele, grandes desmascaramentos políticos foram publicados contra a corrupção.

Mãos segurando livros.

Neste jornal havia um suplemento literário conhecido como “Maracajá” que foi um dos principais formatos de divulgação literária do Nordeste. A obras de Rocha são muito importantes para a cultura nordestina até hoje.

Praticar a leitura é muito importante! Por meio desse ato é que temos as chances de conquistar determinados conhecimentos. Por exemplo, se você não sabia de nada disso que estamos falando, certamente você sairá dessa leitura com uma bagagem de aprendizado.

Ler otimiza a mente, nutre as ideias e nos leva a lugares que nunca imaginaríamos ir. As histórias que encontramos em livros, sejam elas de ficção ou de história, valem muito para a mente humana. Ler é importante e faz muito bem!

Você também pode gostar

Quais são os aprendizados que a leitura nos proporciona?

Mulher lendo no ônibus.

Muitos são os benefícios, até já citamos a aquisição de conhecimento em nossa introdução. Porém, há muita coisa além disso para se beneficiar por meio da leitura. Você sabia que além de elevar o conhecimento, a leitura é capaz de melhorar a forma que nos comunicamos? Pois é, ler tem o poder de agregar novos vocabulários em nossas mentes e isso faz com que a elaboração de frases seja mais perfeita.

Além disso, ler pode nos tornar mais empáticos com os outros. Vamos supor que você compre um livro sobre uma história simples baseada na vida de alguém; certamente você começará a compreender os sentimentos daquela pessoa que foram escritos e repassados a você por meio da leitura. Esse voo por histórias pode ser não só fascinante mas também, te ajudar a se colocar mais no lugar das pessoas em relação a determinadas situações.

Outro ponto muito positivo em relação ao ato de ler é o estímulo que ele causa quando o assunto é criatividade. Pois é, ler faz com que nossa mente crie imagens para interpretar as histórias e essas, por sua vez, ajudam nossa mente a se tornar mais criativa. Por outro lado, a capacidade de memorizar as coisas é elevada com a prática da leitura!

Por fim e não menos importante, a leitura é capaz de adaptar nosso cérebro às etiquetas da concentração. Afinal de contas, para ler um livro é preciso estar concentrado para compreendê-lo e uma vez que você adquirir essa capacidade, qualquer atividade que exija concentração será feita com maior excelência por você.

As pessoas que abominam os livros e a leitura podem ser consideradas muitas vezes ignorantes e sem conhecimento. Se ler é o que agrega coisas novas em nossas mentes e abre leques para diversas realidades, quem não lê pode ser considerado uma pessoa sem muito conteúdo. Além disso, conversar com uma pessoa que não lê pode ser uma tarefa bem difícil pois elas não possuem uma comunicação estimulante para um bom bate-papo.

Como adquirir o hábito da leitura

Mulher lendo livro.

Se você não tem o hábito de ler e quer acabar com isso – e nós recomendamos imensamente – comece a praticá-lo. Você pode começar com leituras simples e de seu gosto! Se você gosta de assuntos que abordam a natureza, por exemplo, busque livros pequenos que falem sobre.

O que queremos dizer é que tudo começa aos poucos, seja pelo jornal local ou até mesmo por um conto que você encontrar na internet. O mais importante sempre será dar o passo inicial! Com o passar do tempo, você terá todos os benefícios citados acima em sua vida, além de uma bela coleção de livros de acordo com seus gostos.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]