Autoconhecimento Comportamento

Introspectivo – Quais são as características dessas pessoas?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Cada pessoa possui um conjunto de características que forma a sua própria personalidade. Dentre os tantos traços que geram o ser singular de cada um, há inúmeras variações que podem ser confundidas e mal vistas pela sociedade. Um indivíduo introspectivo pode ser entendido como desanimado e até mesmo depressivo. Veja a seguir o que é introspecção e saiba quais são as suas características.

O que significa ser introspectivo?

Sempre examinar o próprio íntimo é a principal característica de um indivíduo introspectivo. Nessa constante autoanálise, ele entra contato profundo com as suas emoções e sentimentos. Dessa forma, possui grande facilidade para entender tudo o que acontece consigo internamente e possui um autoconhecimento quase que invejável.

De modo geral, pessoas introspectivas são um pouco mais retraídas e não costumam falar muito, mas isso não significa que elas não gostem de interagir socialmente ou que não tenham apreço pelo mundo externo. Por viverem sempre analisando o seu próprio ser, acabam não se deixando influenciar tanto por estímulos extrínsecos e, como consequência, encontram o descobrimento a partir do seu interior, então criam maior intimidade com o interno.

É válido enfatizar aqui que sentimentos negativos, como tristeza e desânimo, não têm nada a ver com a introspecção, que é um traço de personalidade que simplesmente faz com que um indivíduo conheça mais o seu próprio íntimo e, por conseguinte, trabalhe as emoções diante do mundo, mesmo não sendo tão comunicativo ou expressivo.

Imagem de um garoto jovem triste olhando pela janela de um trem. Lá hora tem a imagem de árvores e arbustos. A janela está com alguns pingos de chuva.
Imagem de Free-Photos por Pixabay

Conheça 10 características de um ser introspectivo:

1. Pensar muito antes de agir ou de tomar decisões

Pessoas introspectivas pensam muito antes de qualquer atitude ou palavra. O lado positivo disso é que, por não serem impulsivas, acabam analisando mais as situações e pesam as possíveis consequências. O negativo é a falta de atitude em momentos que pedem mais ação, o que pode resultar na perda de diversas oportunidades.

2. Gostar do silêncio

Ficar quietinho em um ambiente tranquilo é algo que introspectivos adoram! Gostam de ficar sozinhos pensando e refletindo sobre tudo e algumas vezes sobre nada também!

3. Diálogo mais “cabeça”

Conversas vazias resultam na impaciência para um introspectivo. Para ele, qualquer diálogo superficial é completamente descartável, um grande sinal de falta de sinceridade. Tudo o que é raso não lhe agrada! Por ser uma pessoa mais profunda e sensível, prefere “mergulhar” em assuntos mais complexos e conhecer os outros de forma mais aprofundada. É claro que o introspectivo não possui aversão a pessoas mais superficiais, ele apenas não aprecia a falta de interesse que tudo o que é raso pode gerar.

4. Falta de atitude

É normal que um ser introspectivo seja mais passivo diante de certas situações. Estar sempre sozinho no meio de um grupo de pessoas é comum para pessoas assim, pois não possuem tanta iniciativa e sempre esperam pelo outro – seja para iniciar uma conversa, um trabalho em grupo ou até mesmo fazer parte de um time, por exemplo.

5. Ser um grande observador

Introspectivos não são nada distraídos! Estão sempre em contato consigo e, ao olhar para o mundo externo, possuem um olhar mais aguçado, então se atentam aos detalhes. Sempre analisam todas as situações e processam qualquer informação visual de uma forma mais profunda e intensa do que os outros (que muitas vezes deixam os detalhes mais importantes de um dia passarem despercebidos).

Imagem de uma garota usando tranças. Ela está encostada em um árvore olhando para o por do sol em frente ao mar.
Imagem de StockSnap por Pixabay

6. São quase escritores!

Um dos seus traços mais pontuais é a facilidade de escrever. Como não têm tanto interesse em se comunicar verbalmente com pessoas, indivíduos introspectivos geralmente externam tudo o que sentem e se expressam melhor por meio da escrita, seja escrevendo em um diário, poemas, músicas, textos etc. Olhar para o que é externado por si mesmo faz com que eles mais uma vez analisem tudo o que sai do seu íntimo.

7. Escolhem com quem interagir

Não é sempre que eles interagem com os outros! Se não sentem vontade de conversar com alguém, sempre dão um jeito de sair de fininho de alguma situação. Isso pode ser melhor entendido em momentos em que recebem alguma ligação e simplesmente não atendem!

8. Afastamento

Além de geralmente viver em maior contato com o seu interno, um indivíduo introspectivo tende a preferir morar longe de ambientes movimentados e barulhentos. Sempre na busca da tranquilidade, ele prefere não ter que lidar com relações praticamente obrigatórias, como aquela relação forçada entre vizinhos.

9. Nada de se promover!

A autopromoção é sinônimo de aversão para os pensadores! Eles odeiam forçar contatos e se sentem falsos ao fazerem uma propaganda de si mesmos com um objetivo definido e quase que superficial. Pessoas que possuem a introspecção como um traço de personalidade precisam de interações e relações autênticas para se sentirem bem!

10. Estudiosos

Por não serem tão propensos a tudo o que ocorre na sua volta, esses indivíduos têm grande facilidade de concentração e tendem a manter o foco em apenas uma coisa, seja uma atividade ou no estudo. É provável que eles desenvolvam alguma habilidade específica no decorrer da vida, pois a dedicação é o que os move!

Imagem de um  homem sentado na guia de uma calçada. Ele veste uma roupa preta e usa uma touca da blusa sobre a sua cabeça.
Imagem de Rudy and Peter Skitterians por Pixabay

Lados positivos introspecção

Como já dito anteriormente, um ser introspectivo não é nada impulsivo e sempre avalia as consequências que uma decisão ou atitude pode resultar. Conhecer bem o próprio íntimo é de grande valia diante de um mundo que foge dos próprios sentimentos e ignora questões internas mal-resolvidas. Nos quesitos autoconhecimento e olhar interior, ele é expert!

Você também pode gostar

Por refletir bastante, ele consegue analisar todas as situações e problemas até encontrar alguma solução, além de estipular metas e segui-las sem distrações. Introspectivos são pessoas que podem agregar muito ao nosso ser e se tornarem inspiração para diversas áreas da nossa vida.

Lados negativos da introspecção

É importante ressaltar que não existe nenhum problema em ser introspectivo, apenas é necessário um certo cuidado com as pessoas à sua volta, pois indivíduos com essa característica comumente são mal-interpretados e vistos como tristes pelos outros. De qualquer forma, a falta de ação do introspectivo pode resultar em perda de oportunidades e até de grandes vivências. O pensamento excessivo pode desencadear certa passividade diante da vida e fazer com que ele sempre esteja na espera pelo primeiro passo de outra pessoa.

Imagem de um homem olhando para uma janela de madeira. Ele tem barba e bigode. Usa uma touca de lã e um moletom cinza. Seu olhar é de tristeza.
Imagem de StockSnap por Pixabay

Diferenças entre timidez e introspecção

Muitas pessoas confundem o introspectivo com o tímido, mas tal comparação é um grande erro! A timidez representa a vergonha e é nitidamente a dificuldade que um indivíduo tem nas relações sociais. Os tímidos são inseguros e geralmente se sentem incapazes de agir, enquanto o introspectivo reflete sobre si, tem coragem e sabe como lidar com as situações. Pessoas introspectivas passam segurança aos demais, pois estão em constante evolução, mesmo quando em silêncio; já os tímidos frequentemente precisam de ajuda na hora de tomar uma atitude, mesmo conseguindo pensar sobre tudo.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]