Autoconhecimento Reiki

Jikiden Reiki – O que é e quais são suas diferenças?

Profissional usando a técnica de Reiki para tratar jovem mulher.
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras


O que é?

O trabalho conhecido como Reiki consiste em uma técnica oriental de manipular cargas energéticas. Acredita-se que os corpos humanos possuem cadeias de dutos que conduzem energia, como fios condutores em um sistema elétrico. Cada parte do corpo recebe uma carga energética específica, distribuída por meio desses dutos.

O processo do Reiki pode ser entendido como uma terapia energética que trabalha a cura, a partir da readequação e do desbloqueio dessa distribuição de energia. O resultado de um equilíbrio constante é a harmonia entre os aspectos físicos, emocionais e mentais do corpo.

Profissional usando a técnica de Reiki para tratar jovem mulher. Angulo frontal para a curandeira.

A técnica oriental é aplicada a partir de diferentes posicionamentos das mãos do(a) terapeuta sobre o corpo que será submetido ao Reiki. Esse contato entre os corpos é responsável por equilibrar o fluxo energético sem a necessidade de uma intervenção invasiva.

Há mais de sessenta e cinco anos, essa tradição se manifesta também por meio do Jikiden Reiki, uma variação da técnica Reiki. Idealizado por Chiyoko Yamaguchi e por seu filho Tadao Yamaguchi, o Jikiden Reiki foi desenvolvido com o objetivo de alcançar a pureza inicial desse processo, criado no Japão.

Variação do Reiki

A ideia dessa vertente do Reiki não é alterar a forma como a técnica é apresentada e desenvolvida, e sim, acrescentar métodos a ela. Esse conceito é explícito por meio da palavra “Jikiden”, que significa “ensinamento” (“den”) “direto” (“jiki”). A diferença entre as duas técnicas é a de que no caso do Jikiden não são feitos gestos de manipulação energética com as mãos, tendo como foco a cura, em vez de a técnica.

Profissional usando a técnica de Reiki para tratar jovem mulher. Angulo lateral para a curandeira.

A inovação do Jikiden está na presença de símbolos e mantras que atuam no processo de cura. Entre eles, estão os Shirushis (não devem ser pronunciados, apenas traçados), os Jumons (precisam ser traçados e pronunciados) e os Kotodamas (frases e palavras poderosas, ditas em voz alta).

Para aplicar o Jikiden Reiki, ou qualquer variação de Reiki, é preciso passar por níveis de aprendizado. São essas categorias que definem a aptidão de uma pessoa no conhecimento do Jikiden Reiki. Esses níveis se dividem em Shoden (nível para iniciantes), Okuden (segundo nível de formação), Shian Kaku (terceiro nível, que confere capacidade para se tornar professor(a) da técnica), Shian (título de professor(a)) e Dai Shian (classificação de mestres de Jikiden Reiki).


Você também pode gostar de outro artigo deste autor. Acesse: Limpeza espiritual para animais

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]