Autoconhecimento

Mérito nosso

Mulher no topo da montanha pulando com os braços para cima
Temo Berishvili / Pexels
Escrito por Vander Luiz Rocha

Assim com a água da fonte, em seu curso, corre por pedregulhos, lança-se em cachoeiras e se agiganta em torrente volumosa para ser merecedora do oceano; conosco lágrimas nos correm pelo rosto agitadas pelas pedradas da calúnia. Busquemos alívio no exemplo da água que se fez digna do mar, fortalecendo-nos ao usar do amor para conosco, não nos deixando marcar pela dor, para sermos merecedores do aconchego da vastidão espiritual à qual voltaremos.

Da mesma maneira que a poda desgalha a árvore, que no reviver dos ramos é enriquecida de frutos, também sentimos como se pedaços de nós fossem arrancados, quando entes amados se vão. No entanto, bendizendo com a paz os que foram e, com o equilíbrio, ajustando os que ficaram, estaremos, tal como o vegetal, frutificando-nos em espírito.

Ao trilharmos o caminho áspero da incompreensão alheia, somos feridos pelo escárnio daqueles que nos têm segundo seus conceitos. Apoiemo-nos, contudo, no exemplo do cacto que, embora incompreendido pelos seus espinhos, oferece frutos saborosos; continuemos em frente.

Nas olimpíadas, a prova nobre é a última delas, a maratona. O estádio repleto espera do vencedor e quando ele rompe a fita da chegada, a plateia, de pé, o aplaude.

Homem correndo em uma estrada
Tembela Bohle / Pexels

O maior mérito dele não foi ter vencido a corrida, foi o de acreditar em si e ter dado o primeiro passo. Os demais também chegaram um a um, não foram perdedores, pois persistiram, e o público deixou as arquibancadas após a passagem do último, aplaudindo-o também.

Tal como se vê na simplicidade da natureza e no exemplo olímpico, dá-se, com mais apuro, no nosso atual estágio de evolução espiritual, noviços que somos no seminário terreno.

Não é necessário que atinjamos a perfeição para entramos no cosmo divino, basta que acreditemos em nós e daremos o primeiro passo para o acerto, tal como o atleta. Na maratona há muitos competidores, nós só temos um: nós mesmos, difícil de ser vencido.

Sigamos por nossa estrada sem nos atentar para aqueles que, à margem, permanecem parados apedrejando os que caminham.

Você também pode gostar

Passo a passo vamos fazendo por merecer o infinito áureo, numa jornada sem fim, lutando a melhor das batalhas que é triunfar sobre nós mesmos.

A vida é eterna, em eterna atividade, não acaba. Ao superar as vicissitudes terrenas, aos poucos, encontramos o nosso verdadeiro eu, fortalecendo-nos cada vez mais, para que sejamos aplaudidos pelos que nos esperam no excelso etéreo e aos quais nos juntaremos após o declínio do nosso envoltório carnal.

Preparemos esse dia.

Obrigado por me ouvir.

Sobre o autor

Vander Luiz Rocha

Vander Luiz Rocha, nascido na cidade de Conselheiro Lafaiete, no estado de Minas Gerais, Brasil, em 1939.

Criado dentro dos princípios da tradicional família mineira, teve no catolicismo a sua primeira religião.

Na adolescência, dos 7 aos 14 anos, fez, como interno, o Seminário Menor da Ordem dos Redentoristas, na época em Congonhas do Campo, MG. Naqueles momentos o cenário de vida foi o barroco e o fundo musical o canto gregoriano.

Deixando o seminário, tornou-se não religioso e se dedicou aos estudos e ao trabalho em Belo Horizonte. Inicialmente se formou em contabilidade e, posteriormente, graduou-se em administração, com o título de bacharel. A sua vida privada foi alimentada por essas profissões.

Em 1973, mudou-se com a família, esposa e três filhas para São Paulo, indo residir no ABC Paulista, em São Caetano do Sul, trabalhando em empresas da região, tendo se interessado pelo espiritismo e adotando-o em 1976 como escola de vida.

Após preparar-se em cursos feitos sob supervisão da Federação Espírita de São Paulo, SP, tornou-se servidor, no segmento palestrante, e expositor de cursos em casas de socorro espiritual, e com os socorridos muito aprendeu.

Nos dias atuais, continua a se dedicar à filosofia espiritualista, adaptando as palestras para textos escritos.

Possui várias obras editadas e ganhou prêmios literários.

Vide seus livros em nossosliteratos.com.br/livros-vlr.html

Contatos:
Email: vander@nossosliteratos.com.br
Site: nossosliteratos.com.br
Facebook: nossos.literatos
Instagram: @vanderluizrocha
Youtube:
Vander Luiz Rocha