Espiritualidade

O valor da Fé e do Respeito humano

Nada abala a vida do homem que tem fé. Para quem acredita, quem tem um porto seguro, a fé é a rocha que nada abala; podem-se abater sobre ela as piores tempestades, e ela continua ali, firme e forte.

Na vida do homem que não tem fé, tudo é temeroso. Os dias tornam-se sombrios, e o futuro é incerto. Nada lhe conforta o coração, pois a vida gira em todo do passageiro, e o efêmero é a sua força.

Quando o ser humano consegue unir fé e vida, tudo se torna pleno, e a vida caminha sem sobressaltos. Quando aprendemos a colocar as nossas preocupações nas mãos de Deus, a vida torna-se plena, realizada.

Uma vida realizada não é necessariamente uma vida sem preocupações, sem responsabilidades, sem nada a fazer. O ócio, a preguiça, não é coisa de Deus! É preciso muito esforço, dedicação, empenho, para ser bom!

As conquistas, as vitórias, os diplomas, o dinheiro, o sucesso, a casa própria, a saúde, o trabalho, o amor, tudo isso, mas tudo mesmo, para que aconteça em nossa vida, é preciso que tenhamos fé, sejamos éticos e tementes a Deus.

Tudo que acontece em nossa vida é resultado do nosso relacionamento com os nossos Irmãos, com a Natureza e com Deus. Esse tripé indica o caminho do sucesso de toda pessoa realizada, pessoal e profissionalmente.

Duas pessoas segurando a mão uma da outra.
Aarón Blanco Tejedor / Shutterstock

Quem não respeita a si próprio, o outro e a natureza não pode ser considerado uma pessoa religiosa. Toda religião procura ligar o ser humano com o divino, e o divino torna-se humano quando o humano é respeitado.

Esse sentimento moral ou religioso é o alimento mais vigoroso da evolução da alma humana, o que torna o ser humano ético; sem respeito, o ser humano torna-se um animal qualquer, perdendo até mesmo a própria dignidade.

Desde a mais tenra infância, a palavra que deve ser ensinada para todas as pessoas é o Respeito. Respeito pela religião do outro, pelas opiniões do outro, pela forma de ser, de falar, de comportar-se…

Respeito é a palavra que deve despertar, exprimir e engajar o cumprimento moral, religioso e cívico de todos; é a palavra que agrega e forma os valores e o deveres mais importantes na pessoa humana; e é a única palavra que desenvolve o senso crítico nos incultos.

O valor e o prestígio do respeito não devem ficar apenas na lei, no dicionário, nas palavras. Eles devem ser transformados em ação e passar a ser parte integrante da nossa vida. Quem tem o respeito como meta, tem uma vida prestigiada, realizada, contente, feliz.

Você também pode gostar

Nós, professores, comunicadores, escritores, religiosos ou não; pessoas realizadas, pessoas de sucesso, pessoas que que amam o que fazem, o que são, o que têm, coloquemos em prática estas duas palavras: fé e respeito. A prática dessas palavras nos torna seres melhores!

Sobre o autor

Luis Lemos

Luís Lemos é filósofo, professor, autor, entre outras obras, de “Jesus e Ajuricaba na Terra das Amazonas – Histórias do Universo Amazônico” e “Filhos da Quarentena – A esperança de viver novamente”.

Email: luisc.lemos@hotmail.com
Instagram: @luislemosescritor
Facebook: @luislemosescritor
Twitter: @luisclsilva
Youtube: Gota de Filosofia