Filosofia

Quem foi Sócrates e quais foram suas contribuições para a humanidade?

“Só sei que nada sei”. Em algum momento, na vida, você já deve ter topado com essa frase por aí, quem sabe até já tenha feito uma piada com ela. E você sabe quem é o autor dessa sabedoria? É o grego Sócrates, considerado por alguns o filósofo mais importante de todos os tempos.

Se você não conhece muito bem a vida, a obra e os principais pensamentos de Sócrates, confira o artigo que preparamos sobre ele a seguir.

Quem foi Sócrates?

Sócrates foi um pensador e filósofo grego que viveu, em datas aproximadas e inexatas, entre 469 a.C. e 399 a.C. Como não deixou nenhum escrito e se recusou a fundar uma escola, porque gostava de debater com pessoas comuns, quase tudo que sabemos dele chegou até nós por meio de um dos seus discípulos, Platão.

Uma pintura do francês Jacques-Louis David que retrata a morte de Sócrates, ingerindo o veneno que lhe foi dado. No centro, Sócrates, tomando o veneno, e o entornando, seus aprendizes.
Gordon Johnson / Pixabay

Segundo Platão, Sócrates amava andar descalço, não tomava banho e tinha interesse em sexologia. Era comum que ele ficasse catártico, enquanto andava, e parasse, ficando imóvel por horas, em suas reflexões.

Sócrates foi condenado por suas ideias e por corromper os jovens com seus ensinamentos de liberdade de pensamento, além de também não cultuar os deuses gregos. Deram a ele as opções de se exilar de Atenas, permanecer e ter sua língua cortada ou escolher a morte. Ele escolheu morrer e, assim, foi morto.

Principais ideias de Sócrates

O principal pilar dos ensinamentos de Sócrates é o diálogo. Enquanto outros pensadores da época fundaram escolas de conhecimento pagas para lecionar sua sabedoria, Sócrates discutia seus saberes em praça pública e com pessoas comuns, trocando ideias com elas.

Um busto de Sócrates. Ao fundo, prateleiras de livros.
Bar Harel / Wikimedia Commons

Outra ideia central em tudo que ensinou é o “culto à ignorância”, como alguns estudiosos chamam. Não que ele valorizasse a ignorância e a defendesse, mas ele entendia que somente aquele que se reconhece como ignorante, como desconhecedor de muitas coisas, é que pode vir a finalmente se tornar sábio, pois é humilde.

Por fim, Sócrates renegava a religião, o governo e, até mesmo, os livros como fontes de conhecimento primárias. De acordo com ele, a verdadeira sabedoria vinha do interior de cada um, e, ainda que possamos buscar um pouco dela no exterior, é dentro de nós que ela se encontra em maior quantidade.

Frases de Sócrates que marcaram o trabalho dele

“Para conseguir a amizade de uma pessoa digna, é preciso desenvolvermos em nós mesmos as qualidades que naquela admiramos.”

Você consegue imaginar uma pessoa honesta cercada de amigos mentirosos, falsos e desonestos? Difícil, não é? Pois, para que possamos conviver com as pessoas que admiramos, é preciso que aprendamos com elas essas características que tanto admiramos. Caso contrário, podemos até mesmo fazer mal a ela.

“Sábio é aquele que conhece os limites da própria ignorância.”

Aquele que sai dizendo por aí que sabe muito, que é muito sábio ou muito inteligente é o pior ignorante de todos. Porque quem é sábio de verdade pode até ter bastante conhecimento, mas automaticamente sabe também que há uma infinidade de coisas sobre as quais não faz a menor ideia.

“Uma vida sem desafios não vale a pena ser vivida.”

Uma mulher saltando entre duas extremidades de um declive montanhoso.
Sasin Tipchai / Pixabay

Há quem prefira viver numa zona de conforto estável e estagnada. Mas aqueles que querem algo mais da vida, que querem evoluir e se expandir, esses devem topar desafios, agarrar oportunidades e encarar riscos e perigos, porque somente assim é que é possível crescer, evoluir e se desenvolver.

“O amigo deve ser como o dinheiro, cujo valor já conhecemos antes de termos necessidade dele.”

Dizem por aí que é nos momentos de necessidade que conhecemos os verdadeiros amigos, mas não é bem verdade… Aqueles que são amigos de verdade, nós já conhecemos há muito tempo, já temos plena consciência de que estarão ao nosso lado. Então não precisa acontecer nada de ruim para que cheguemos a essa conclusão.

“Conhece-te a ti mesmo e conhecerás o universo e os deuses.”

Sim, há muito conhecimento no mundo exterior, “lá fora”, mas o conhecimento mais rico de todos, que mais nos permite entender a vida e toda a sua diversidade está em nós mesmos, que somos um universo à parte, deuses de nossas próprias existências. Quando focamos nosso estudo em nós mesmos, evoluímos infinitamente.

“Existe apenas um bem, o saber, e apenas um mal, a ignorância.”

Aquele que comete erros geralmente comete por desconhecer os riscos e perigos ou por conhecê-los, mas desconhecer a prudência. Por isso é que a sabedoria, o estudo e o conhecimento são os únicos caminhos possíveis para aqueles que querem ser bons e que desejam fazer o bem no mundo.

“A sabedoria começa na reflexão.”

Um homem de bruços no chão contemplando uma fonte de luz forte não identificada.
Benjamin Balazs / Pixabay

Ainda que os livros, os mestres e tantas outras fontes de conhecimento nos ajudem a estudar e a aprimorar nossas habilidades e nossos pensamentos, é na reflexão, no nosso tempo com nós mesmos, que mais aprimoramos quem somos e quem podemos ser na vida. Vá lá fora, mas sempre se volte para si mesmo!

“Creio que tenho prova suficiente de que falo a verdade: a pobreza.”

No mundo em que vivemos, comandado pelo dinheiro e pelo acúmulo dele, é difícil que pessoas honestas, verdadeiras e que evitam mentiras acumulem tanto capital. É por isso que a pobreza, normalmente, é um atestado de honestidade. E não pobreza no sentido de não ter nada, mas no sentido de não enriquecer explorando os outros.

“Se todos os nossos infortúnios fossem colocados juntos e, posteriormente, repartidos em partes iguais por cada um de nós, ficaríamos muito felizes se pudéssemos ter apenas, de novo, só os nossos.”

Muitas vezes, quando estamos sofrendo, acreditamos que não existe sofrimento pior do que aquele pelo qual estamos passando, quando, na verdade, desconhecemos a realidade de outras pessoas e nem imaginamos quanto elas sofrem… Se soubéssemos, talvez aceitássemos melhor o nosso próprio sofrimento.

“Se alguém procura a saúde, pergunta-lhe primeiro se está disposto a evitar no futuro as causas da doença; em caso contrário, abstém-te de o ajudar.”

Adianta querer ajudar a sair de uma situação ruim uma pessoa que não está disposta a evitar cometer os erros que a colocaram ali, em primeiro lugar? É como não querer ter problemas cardíacos, mas se recusar a adotar uma rotina e uma alimentação saudáveis… Se queremos evoluir, tratemos as causas dos nossos problemas, não somente eles.

Você também pode gostar

E aí? O que você achou da vida e dos principais pensamentos de Sócrates, um dos maiores filósofos de todos os tempos? Acha que os ensinamentos dele “cabem” em sua vida e que é possível aprender alguma coisa com eles? Se sim, compartilhe conosco!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br