Convivendo Sustentabilidade

11 dicas para incluir atitudes de sustentabilidade na sua vida

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Para incluir a sustentabilidade em seu dia a dia não é necessário ter uma casa feita de barro e móveis ou objetos que você mesmo faz. Se já tem, ótimo. Mas pode-se começar com pequenas atitudes. Não precisa fazer grandes modificações. Sugerimos 11 dicas que podem fazer com que a sustentabilidade faça parte de sua vida. Confira as dicas:

1) Aproveitar a luz solar:

A luz elétrica é um verdadeiro impacto ambiental. Imagine quantos investimentos são necessários para produzi-la? Infelizmente no Brasil a maior produção de energia vem das Usinas Hidrelétricas que para serem construídas, tomaram o lugar de inúmeras reservas de árvores. Opte por lâmpadas fluorescentes ou as de led que duram mais tempo, e aproveite a luz solar da sua casa para gastar menos energia.

2) Reaproveitar a água da chuva:

Seja em uma casa ou apartamento dá para reaproveitar a água da chuva e usar para lavar a louça, roupas, limpar a casa… Se você mora em apartamento, pode colocar baldes de água na sacada. Para quem mora em uma casa, pode pegar uma pequena caixa de água e fazer como um suporte que capta a água da chuva. É barato e ajuda muito! E outra coisa, água do banho pode ser usada para limpar a casa.

3) Faça uma composteira:

Se você mora em um casa com pátio faça uma composteira. Além de contribuir para fertilidade do solo, ainda reduz a quantidade de lixo orgânico da residência.

4) Utilize transporte coletivo, ande de bicicleta ou vá a pé:

A frota de carros no Brasil aumenta ano após ano. Que tal repensar e deixar o carro mais tempo na garagem e usufruir de transporte coletivo? Além de poupar, evitar o estresse do trânsito, você pode conhecer pessoas. E se você mora perto do trabalho pode ir a pé ou até de bicicleta, assim contribui para a sua saúde.

5) Tenha uma horta em casa:

Casa ou apartamento. Aproveite o sol que entra em seu lar e plante em vasos maiores saladas verdes e temperos. É fácil e não sai caro.

6) Vá à feiras orgânicas e compre menos produto industrializado:

Tenha o hábito de frequentar feiras orgânicas. Além de comprar produtos naturais e de qualidade você estará ajudando o comércio local. E evite comprar produtos industrializados, além de ter uma grande indústria por trás que pensa apenas no lucro, você contribui para a sua saúde.

7) Faça a sua própria comida e produtos de beleza:

Aproveite o final de semana para preparar a sua comida para semana. Faça você mesmo. Convide a família e usufrua deste momento. E alguns produtos de beleza você mesmo pode fazer como sabonete e xampu.

8) Escolha móveis com vida longa:

Não compre materiais apenas porque estão na promoção. Este tipo de material não tem muita durabilidade e não vai demorar muito, você terá que comprar novamente, pois eles não são feitos para ter durabilidade e assim estará contribuindo para o aumento do lixo.

9) Recicle:

Aprenda a reciclar os materiais que você tem casa. Mesmo aquela TV que não funciona, mande para o concerto. Por que comprar uma nova? Com a reciclagem você pode fazer enfeites de decoração a partir de garrafas de vidro, caixas, cestas, sapateiras ou até um sofá com pallet. Pense antes de jogar fora. E valorize sempre o artesanato local. Além de ser feito com amor não prejudica tanto a natureza

10) Vá em brechós ou em feiras de troca:

Não consuma em excesso. Evite gastos desnecessários. Comece a frequentar brechós ou feiras de troca de roupa. Além de gastar menos, você estará impactando menos com a natureza.

11)  Saber de onde vem as coisas:

Pergunte e pesquise de onde vem os produtos que você consome, quais empresas e que tipo de serviço utilizam para extração da matéria-prima. Pesquise se ela possui algum envolvimento com cuidados com a natureza! Isso é um grande passo. E depois ajude a espalhar estas ideias sustentáveis.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]