Autoconhecimento Comportamento

A Cura pelas Palavras

Mulher com megafone em ilustração
Assim como beijo de mãe cura tudo, uma palavra certa para a ferida do momento também pode curar.

Sempre pratiquei um olhar mais otimista e, consequentemente, um discurso positivo. Muitas vezes, otimista demais para alguns, mas nunca me deixei levar pelos pessimistas que se autodenominam de realistas.

Sim, o copo de água pela metade pode estar meio cheio ou meio vazio, dependerá da interpretação do observador. E nós, como observadores, devemos nos acostumar a enxergá-lo mais cheio do que vazio, caso contrário, o veremos sempre vazio, por mais cheio que esteja.

Copo de água

É chegado o momento de treinarmos nosso olhar e nosso cérebro para percepções mais otimistas da realidade. O inconsciente coletivo já está repleto de copos vazios, com notícias negativas a todo momento. Manchetes de crises, acidentes e catástrofes acabam por tirar a esperança e desmotivar grande parte da humanidade.

Somos induzidos a viver no automático, sem parar e observar que o copo pode estar meio cheio e a vida, sim, pode ser bela, ainda que repleta de problemas e desafios.

Em tempo de redes sociais, onde somos todos escritores, é chegado o momento de levar mais esperança para as pessoas. Mais motivação, mais amor, mais cura.

Cuidado com o que você fala, escreve, compartilha ou publica. Não deixe que seu desabafo instigue os outros a perceberem o copo vazio. Traga mais cura ao invés de doença, traga mais amor ao invés de ódio, traga mais compaixão ao invés de vingança.

Mão segurando celular

Você também pode gostar de:

A pessoa que lhe escuta pode estar presa no copo meio vazio; mostre à ela também que está meio cheio. Talvez, você possa trazer novamente o sentido da vida à ela. Talvez, o copo meio cheio pode fazê-la viver de um novo modo. Um modo de vida com mais fé, otimismo e plenitude.

A ciência já provou que pessoas otimistas são mais felizes. Então, vamos olhar para nossas vidas com outros olhos, vamos falar com outras palavras, com palavras de cura. Talvez, assim, consigamos reconstruir um mundo melhor!

Sobre o autor

Úrsula Petrilli Dutra Christini

Úrsula Petrilli Dutra Christini

Blogueira com formação em Life Coach, Professional Coach e Leitura de Registros Akashicos. Criadora do site/blog www.reconduza.com e autora do livro “Gratidão, Traga-Me Mais”, da Editora AGE, com lançamento em novembro de 2019. Servidora pública, bacharel em direito, assessora jurídica. Voluntária da ONG Arte de Viver e responsável pela Meditação da Lua Cheia por mais de 4 anos. Blogueira do Zh Moinhos por 8 anos.

Apaixonada pela escrita motivacional, me realizo escrevendo, com a possibilidade de tocar o outro ser humano positivamente. Uso a meditação e o Acesso aos Registros Akashicos para a inspiração de meus textos.

Por meio de meus artigos, procuro aplicar o coaching para ajudar o outro ser humano a ir do “ponto A ao ponto B” ou quem sabe do “B reconduzir ao A ou ao C”.

Acredito no poder de uma “Postura” Positiva. Não é só o pensamento positivo. É um olhar positivo, crenças positivas, emoções positivas, palavras positivas, postura positiva. Aí, sim, podemos começar a falar em poder do pensamento positivo.

Nesse tempo de Despertar, trazer palavras de Luz para este universo digital, é algo que todos nós podemos fazer!

Fica a dica ?

Gratidão ao Eu Sem Fronteiras!?

Contatos:
Email: [email protected]
Site: reconduza.com
Facebook: facebook.com/ursula.christini
Instagram: @reconduza_por_ursula
Youtube: RE CONDUZA por Úrsula Dutra Christini
Twitter: @Reconduza_com