Autoconhecimento

Aprendendo a se desprender…

desapego
Thais Lima
Escrito por Thais Lima
Você tem o hábito de fazer aquelas “limpas” nas suas coisas? Eu era muito apegada aos meus objetos e roupas, até uns 3 anos atrás.

Sabe aquela camiseta que tem tantaaaaa história? E aquela blusa que a minha avó me deu? Eu tinha pavor de tirar as coisas do armário, era como se uma parte de mim ou mesmo da minha história fosse se perder. E o que a minha avó lá no céu pensaria sobre eu doar a blusa que ela me deu?

Eram tantos pensamentos e sentimentos em torno dessas coisas que acabava tirando só aquilo que tinha rasgado, estragado ou não entrava mais nem por um decreto! Não sei se eu já te contei, mas minha família mudou muito, mas muito mesmo! (risos). Moramos em vários estados diferentes e casas diferentes… mas a mais ou menos 15 anos eu já não moro com eles.

Os primeiros anos longe da minha família também foram animados – mudei de apartamento 3 vezes em dois anos. Finalmente, depois disso as coisas acalmaram! E foi na minha última mudança que percebi como eu já carregava comigo tantas coisas. Logo quando eles se aposentaram e mudaram de estado, acredito que eu tinha umas 10 caixas de mudança só para mim… e 10 anos depois eu já tinha um caminhão!!!!! Isso foi um choque!

desapego

Foi nessa época que eu resolvi começar a olhar e rever tudo que eu guardava. Cadernos da época da faculdade, roupas que eu não usava a mais de dois anos… caixas vazias de aparelhos que já quebraram… lembrancinhas de aniversário que nem me lembrava mais de quando tinha sido, convites de casamento, de aniversários e por aí a coisa ia…

Foi só depois que eu comecei a me reencontrar comigo mesma que consegui ver que, no fundo no fundo, as histórias sempre estariam guardadas no meu coração e que era necessário abrir espaço para o novo. Era como se guardar tudo aquilo pudesse me lembrar de quem eu era, das conquistas que tive… mas a verdade é que todo dia eu mudo um pouco.

Todo dia eu aprendo algo, eu escorrego, eu me decepciono, e aquilo tudo que eu tinha foi um dia instrumento para que eu pudesse sair do lugar, para que eu pudesse viver novas histórias… Então, porque eu precisava ficar tão apegada às velhas?

Depois de um tempo, institui uma regra para mim mesma! A cada coisa nova que entrasse em meu armário, uma antiga deveria sair. Como foi difícil no começo! Eu ficava quase uma hora para tirar uma peça do armário, mas com o tempo eu fui percebendo que, de verdade, não fazia falta. Hoje, já cheguei no estágio de fazer isso e ainda o saldão anual da doação!

Sabe o que é o saldão? Eu vou cômodo a cômodo da minha casa e tiro coisas. O ano passado foram 70 peças de roupa e mais de 20 livros doados. Esse ano, o saldão ainda está na fase de seleção… mas já foram 30 livros e quase 40 peças de roupa! E como é bom abrir espaço, abrir tempo, abrir oportunidades para o novo.

Topa fazer um saldão também?

Com carinho,
Thais Lima

Sobre o autor

Thais Lima

Thais Lima

Advogada não atuante, virginiana, na casa dos 30 e muitos quilômetros rodados por essa vida… Quilômetros que trouxeram uma bagagem muito grande... Bagagem de superação e transformação.

Coach pela Abracoaching e Mentora Certificada Internacionalmente. Instrutora. Ativista Quântica, estudante de Reprogramação Cerebral, PNL, Flow, Gestão de Projetos e várias outras coisas que fazem seus olhos brilhar!

Contato:

Fan Page: Thais Lima Coach
Instagram: @thaislimacoach
LinkedIn: linkedin.com/in/thais-lima-coach
YouTube: youtube.com/coachementorathaislima
Site: ateliedasuperacao.com.br

WhatsApp/ telefone: (11) 98114-8448
E-mail: [email protected]