Autoconhecimento Convivendo

Felicidade é​ essa ​janela serena, dentro de si, só aguardando o sol da alegria entrar ​pelas suas frestas​

Jéssica Sojo
Escrito por Jéssica Sojo
Você já parou um segundo do seu dia e prestou atenção no que você pensa? Você já se questionou sobre o real significado daquilo ao qual a sua mente te faz pensar? Se te faz ficar ansioso e preocupado com o futuro? Ou triste com o passado? Ou tranquilo e presente no agora? Você – de acordo com o enredo que a sua mente cria – é uma pessoa triste ou feliz?

Às vezes eu paro para observar as pessoas em suas singularidades, gesticulidades, andanças, expressões faciais e é cada vez mais notório o quanto a sociedade moderna é triste – e o quanto algumas pessoas buscam constantemente por algo que às vezes nem elas mesmas sabem de fato o que é – simplesmente para preencher algo de fora.

As pessoas têm essa tendência em começarem a criar um enredo na mente e instigarem buscar a felicidade fora de si – geralmente em coisas supérfluas e em lugares errados. Esquecem que a felicidade não é uma coisa – mas um estado mental. É sentir a felicidade em si. Na sua totalidade.

Esquecem que a felicidade não é uma coisa – mas um estado mental.

Marcelo Jeneci citou certa vez em uma música: “Felicidade é só questão de ser”, e gente, felicidade é isso! É ser – sem cobranças, sem receios, sem medo do que o outro vai pensar, porque afinal, o outro é só e apenas o reflexo daquilo ao qual você está pensando e emitindo ao universo – e só.

Felicidade é buscar no seu íntimo aquilo que você é. É meditar e estar presente no agora. É entender que a vida tem um propósito e buscar o sentido disso. É sorrir para o mundo, independentemente dos obstáculos aos quais você se encontra. É valorizar a vida ao qual você tem e não ficar procurando se lastimar e comparar a sua vida com a do outro. É buscar fazer algo diferente a cada novo dia. É ser livre, feliz e considerar apenas as suas necessidades – sem ficar alimentando desejos da sua mente ilusória. Felicidade é modificar todos os maus hábitos e os cauterizar com os seus contrários, os bons hábitos. Felicidade é o nosso livre arbítrio.

Felicidade é essa janela serena, dentro de si, só aguardando o sol da alegria entrar pelas suas frestas.

Sobre o autor

Jéssica Sojo

Jéssica Sojo

Extremamente curiosa por entre os quatro cantos do mundo – e viciada em chás. Minimalista e tentando viver uma vida perto do zero-lixo. Vegana e ativista voluntária da Mercy of Animals. Fascinada pela África e sonhadora em morar nesse país fabuloso e cheio de ensinamentos fundamentais a nossa cíclica vida. Palmeirense. Budista. TILSP e apaixonadíssima pela Cultura Surda <3. Conversadeira sobre diferentes possíveis e até impossíveis assuntos – dentre outras coisas mais, é custoso classificar quem eu sou – sendo que eu sou o todo que me cerca – outro você que é outro eu e juntos, nós somos UM. Eu poderia começar partilhando que foi inicialmente e com base na minha experiência como acadêmica na Faculdade de Medicina – com a esperança de trabalhar com o ser humano e as suas limitações, que eu despertei para um lado ao qual eu não fazia a menor ideia de que existia dentro de mim e de que eu também poderia usufruir desse lado despertando em outras pessoas o sentimento de sempre brilharmos como o sol, mesmo nos momentos mais inoportunos da nossa cíclica vida.

Digo sempre que nós somos semelhantes ao sol, assim como há dias nublados e ensolarados – como for – os nossos dias, são como a nossa cíclica vida, que também brilha, e isso independe do momento que passemos. Continuemos a brilhar, independente desses nossos momentos, difíceis e necessários para a nossa evolução, ou não tão difíceis, a nossa vida brilhará sempre. Cabe somente a nós, decidirmos brilhar ou sombrear. Despertarmos e incentivarmos o mesmo ao nosso próximo ou nos enclausuramos e perdemos a grandiosa oportunidade de ser como o radiante e brilhante sol. Meu designo aqui no Portal EuSemFronteiras é exatamente compartilhar as minhas experiências, junto a cada leitor e leitora, e em troca do nosso entrosamento, brilharmos e despertarmos uns nos outros, o nosso saudoso e caloroso sol. Ressoando todo o nosso conhecimento e transformando a nossa revolução humana com base nos nossos dias ensolarados e nublados, sem perdermos a esperança.

Meu propósito é trazer sempre em pauta a primordialidade de enxergarmos além do que nos é visível aos olhos - e como a minha mãe sempre comenta, é através do meu brincar com as palavras, que eu tenho total gratidão em estar aqui e em semear em cada pessoa que me acompanha a sementinha de ter total empatia e perceber a essência no coração do nosso próximo. Elevando não só o meu, mas todo o nosso estado de vida e tomando extremo cuidado para não nos perdermos nos detalhes – sendo honestamente sincero conosco mesmos com base no nosso próprio coração e em busca da transformação do despertar de cada um que nos torna UM.

Que a nossa esperança em brilhar em todas as adversidades da nossa vida cíclica nunca se perca em meio as nossas peregrinações na sociedade.

Com todo o meu coração e toda a minha gratidão, em especial, aos meus pais que me permitiram chegar aqui e a minha família que sempre me apoia;

A cada um que me acompanha aqui e ao pessoal que faz parte do portal do EuSemFroteiras.

Um saudoso e caloroso abraço em cada um, que possamos emanar ensolaradas felicidades uns aos outros, sempre.

Contatos:

Email: [email protected]
Instagram: @rubiojer
Site: @jerbsojo