Relacionamentos

Mais um Dia dos Namorados na quarentena

Coração sobre teclado de notebook.
velivinki / 123RF
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Celebrado anualmente no dia 12 de junho no Brasil, o Dia dos Namorados é uma data comemorativa para os casais apaixonados. Essa celebração sempre foi regada a muitas surpresas, a encontros, jantares e programas especiais feitos por casais que gostam de expressar e declarar seus sentimentos românticos — ou simplesmente comemorar a união. Mas, em 2020, o mundo foi surpreendido pela pandemia da Covid-19, o que fez com que a população aderisse à quarentena, evitando aglomerações, encontros e, principalmente, evitando sair de casa.

As consequências da pandemia ainda afetam o mundo. Estamos em 2021 e o contágio do vírus ainda está em processo de controle. O Brasil já começou a vacinação contra a doença, mas ainda há um longo caminho a ser percorrido até que todos sejam imunizados. Enquanto a vida não volta ao normal, precisamos ressignificar as datas festivas, incluindo o Dia dos Namorados. Mas como comemorar essa data que fomenta uma relação de amor tão próxima e íntima ainda vivendo em pandemia? Continue lendo e reflita sobre o assunto.

A importância do amor e do cuidado

Quando falamos em amor, automaticamente pensamos em contato — principalmente em contato físico. É preciso fazer uma análise do que esse sentimento realmente significa para o ser humano. Muitas pessoas pensam que quem ama necessariamente precisa estar junto ou demonstrar o que sente de forma material — não é à toa que o Dia dos Namorados é uma das datas mais importantes para o comércio.

Mulher sentada ao lado de flores e uma câmera fotográfica.
jasmin chew / Pexels

Nessa data, restaurantes sempre ficavam lotados, lojas tinham filas imensas, viagens longas eram programadas e surpresas incríveis eram feitas para a sua comemoração. Mas a pandemia reduziu e até mesmo eliminou as chances de essas opções serem possíveis — e é nessa hora que o amor entra em prova.

Amar durante a pandemia significa cuidar. Se você ama o seu parceiro e anseia comemorar o Dia dos Namorados com ele, o melhor a ser feito é zelar pela saúde, tanto do seu amor quanto das pessoas que vivem ao redor de vocês dois. É nesse momento que refletimos sobre o verdadeiro valor da vida e até mesmo sobre a força da relação — ora, se ela é tão imediatista e não pode ser paciente, será que se manterá firme diante das adversidades que poderão surgir no meio do caminho?

É preciso ter calma. Mas, claro, há quem pense que a distância possa afetar um vínculo amoroso ou esfriar a relação. Tudo depende da forma que você lidará com o momento e com o que você tem com o seu parceiro. É válido ressaltar que um relacionamento romântico não é construído apenas por contato físico. Os dois principais fatores que fazem com que um namoro seja duradouro são o conhecimento que cada um tem sobre o outro e o companheirismo. Óbvio que, quando juntos, o casal quer se beijar, transar e aproveitar os prazeres da relação carnal. Mas, na ausência disso, para que um relacionamento realmente seja verdadeiro e profundo, ele precisa se manter firme e constante do mesmo modo.

Sua relação é mantida apenas pelo contato físico?

Como diria Bauman, as relações que antigamente eram sólidas passaram a ser líquidas, pois o homem moderno é mais superficial e propenso a manter vínculos que possam ser rompidos a qualquer momento. Essa informação é baseada na superficialidade das relações dos dias atuais: as pessoas pouco se importam com o que realmente vale e focam muito mais no que é imediato.

Sendo assim, a conjunção carnal passou a ser um dos principais pilares de um relacionamento. Mas e na pandemia? E os casais que antes passavam a noite juntos no Dia dos Namorados, o que farão agora? Bom, é nesse ponto que reinventar a rotina e o amor entra em cena. Há inúmeras formas de comemorar essa celebração, assim como há inúmeras formas de manter o seu namoro vivo.

Corações enfileirados sobre fundo rosa.
Polina Tankilevitch / Pexels

Se você parar para pensar, perceberá que a quarentena proporcionou a todos um olhar mais íntimo sobre si mesmo e, ao mesmo tempo, um olhar mais profundo sobre as pessoas com quem se relaciona. Durante o isolamento, a saudade de quem amamos ocupou espaço em camas, sofás e em todos os cômodos da casa. O que você fez com essa saudade? Você a teve como amiga ou como alguém que não é bem-vindo na sua vida?

Independentemente da forma com que você lidou e tem lidado com seu namoro na pandemia, não se desespere no Dia dos Namorados! Há opções seguras e apaixonantes para você celebrar o seu romance durante esse momento tão atípico e difícil que estamos vivendo. Confira a seguir o que preparamos para você.

Dicas para comemorar o Dia dos Namorados na quarentena

Prepare-se para reinventar essa data tão romântica, surpreender o seu amor e ainda reforçar a união de vocês com estas dicas. Veja:

1. Dinner by call

Esse é o famoso jantar por ligação, para os casais que não moram juntos! Será como se vocês fossem juntos a um restaurante, mas de uma forma diferente. Você e o seu parceiro pedirão a mesma comida ou prepararão em casa o que desejam jantar. Farão uma videochamada e jantarão juntos, com direito a bebida especial e até um brinde virtual! Para deixar o clima mais romântico, vocês podem criar um ambiente com luz baixa, velas e o que mais a criatividade de vocês permitir. É uma ótima ideia para não deixar o Dia dos Namorados passar em branco e também de fazer algo diferente e inovador com o seu parceiro.

2. Surpresa em casa

Para os casais que moram juntos, uma surpresa é uma das melhores opções! Que tal, enquanto o seu amor dorme no dia anterior ao Dia dos Namorados, você decorar toda a casa com fotos, pétalas de flores, colocar bilhetinhos nas paredes, corações de papel e criar um clima bem amorzinho para encantá-lo? Você pode ainda preparar um café da manhã com as coisas que ele mais gosta e dedicar o dia à união de vocês. Essa é uma forma simples, rápida e muito barata de curtir a data!

Pétalas de rosa em volta de folha branca.
Karolina Grabowska / Pexels

3. Filme juntos

Mesmo à distância, é possível assistir a um filme junto com o seu parceiro — claro, com a ajuda da tecnologia! Você pode fazer uma chamada com o seu amor e dar play no filme escolhido ao mesmo tempo que ele. Assim, vocês assistirão ao filme juntos e poderão fazer até comentários sobre a trama. Na pandemia, o Dia dos Namorados pode ser muito mais criativo do que você imagina!

4. Presente

Dar um presente para o namorado ou a namorada continua sendo uma forma de celebrar o Dia dos Namorados. Você pode comprar pela internet algo que o seu amor quer e mandar entregar na casa dele. Se possível, envie também uma cartinha romântica reforçando que, assim que possível, vocês estarão juntos e pertinho novamente!

5. Playlist romântica

A tecnologia e a arte têm sido como respiros durante a quarentena. Por isso, você pode montar uma playlist com todas as músicas que vocês mais escutam e também com aquelas que marcaram o relacionamento de vocês. Depois, peça para que o seu amor passe o Dia dos Namorados escutando essa playlist e pensando em tudo o que vocês farão assim que a pandemia acabar. Tudo se torna especial quando é feito com muito amor!

Mesmo em meio à pandemia, é possível manter sua relação firme e comemorar o Dia dos Namorados com estilo! Não deixe de se cuidar e de cuidar de quem você realmente ama. O isolamento social é temporário, e logo você estará pertinho de quem tanto ama. Tenha paciência e abuse da sua criatividade para celebrar a data mais romântica do ano!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]