Autoconhecimento Parapsicologia

Seja o que for, que seja por inteiro

Carla Bettin
Escrito por Carla Bettin
Você já reparou e parou para pensar em quantas coisas fazemos de forma automática no dia a dia?

Quando o tempo passa e algo que consideramos ruim acontece, um problema, uma doença, etc, a gente logo se pergunta: Onde foi que eu errei? O que fiz de mal? Quando foi que essa doença começou?

E é assim que muitas vezes, quando nos damos conta, terminamos a faculdade, os filhos cresceram, nosso corpo está fraco, envelhecemos e… “Meu Deus, quando foi que isso aconteceu? Onde eu estava esse tempo todo que não percebi?”…

Essa é uma ótima pergunta: Onde está nossa consciência enquanto a vida está acontecendo segundo a segundo?

Viver uma vida plena e aproveitar cada minuto dessa existência, requer um novo aprendizado, o aprendizado de diminuir o ritmo, de estar alerta, de reiniciar, de estar presente, habitar este corpo e sentir.

Sentir a vida.

Sentir o cheiro do sabonete e a espuma sobre a pele durante o banho, sentir o cheirinho da comida sendo preparada, segurar a colher de pau e colocar aquela pitadinha ainda quente na palma da mão para sentir o sabor da alquimia dos alimentos, sentir a temperatura, perceber o movimento natural das coisas, o vento balançando as folhas das árvores e os nossos cabelos, e porque não até mesmo aquelas coisas automáticas e repetitivas, que ganham vida quando recebem atenção.

Nós precisamos estar inteiros nos nossos relacionamentos, para que amanhã ou depois não haja culpa e a sensação de que as coisas ficaram para trás e pela metade, quando estamos inteiros na vida de alguém, mesmo que por um breve momento, podemos seguir com a clareza de que fizemos o que podíamos com o melhor que sabíamos e não mais caminhamos pela vida como se estivéssemos em falta ou em débito com algo ou alguém. Não haverá o que perdoar ou que ser perdoado, pois em cada momento a consciência fez-se presente.

Não haverá o que perdoar ou que ser perdoado, pois em cada momento a consciência fez-se presente.

Somente estando presente, por inteiro, podemos seguir adiante, sendo protagonistas da própria vida, sabendo que a cada momento criamos nosso futuro, com a consciência no agora que estamos vivendo, fazendo uso de nossas faculdades humanas e podendo escolher quais atitudes tomar, tendo a oportunidade de ficar em paz consigo e assumindo total responsabilidade pelas nossas escolhas.

Então, seja o que for, com quem for e onde for… Que seja por inteiro!

Sobre o autor

Carla Bettin

Carla Bettin

Formada em Administração e mais recentemente em Parapsicologia Clínica pela linha científica do Sistema Grisa. Atuação de trabalho com técnicas como: Reprogramação mental, análise da Tabela Familiar (Genetograma), Regressão, Hipnose, Orientação Parapsicológica individual, em grupo, familiar ou empresarial.

Carla Bettin - Parapsicóloga Clínica
Blog Carla Bettin
E-mail: [email protected]