Cinesiologia Holística Saúde Integral

Sentimentos: seu corpo dando o recado



Nosso corpo é um livro de memórias onde está registrado tudo aquilo que nos acontece em nossa vida. Tanto as experiências boas quanto as que nos fazem sofrer, pensamentos positivos e negativos. Quando os conflitos permanecem por um período podem provocar alterações no nosso processo biológico e, consequentemente, alterar nosso esquema corporal. Ou seja, os desequilíbrios emocionais, químicos e energéticos vão interferir diretamente na harmonia dos nossos sistemas, deixando os mais fragilizados e mais propensos às enfermidades físicas.

shutterstock_267632876-2Na medicina alopática acredita-se que somos vítimas das bactérias, dos vírus, das alterações genéticas; na cinesioligia holística, acreditamos que fazemos parte de um todo… Acreditamos que estamos inseridos em sistema, que sofremos influências das nossas experiências, das experiências da nossa família, pelas crenças que adquirimos, pelos nossos sentimentos, pelas vontades que reprimimos, etc.

Todos os nossos órgãos possuem emoções básicas, vou exemplificar algumas:

  • Diabetes: excesso ou falta de doçura durante a vida.
  • Distúrbios na articulação do quadril: sentimento de desvalorização e impotência (não necessariamente sexual ).
  • Estômago: situações indigestas, dificuldade em lidar com algumas situações;
  • Intestino grosso: dificuldade em eliminar algumas situações, alguns sentimentos, algumas crenças.
  • Pulmão: nostalgia, pessoas presas ao passado ou a algo idealizado;
  • Ovário: relação com nossa feminilidade, com o nosso gênero. O lado direito está relacionado ao que nossa mãe nos ensinou como mulher; o lado esquerdo, como o nosso pai nos fez sentir como mulher (é muito importante que nosso pai nos elogie para que nos tornemos mulheres seguras).
  • Os seios: a vida social, a vida da relação. O direito tem que ver com adaptação a nossa feminilidade e o esquerdo, com o homem que nos relacionamos.
  • Sistema ósseo: é a comunicação espiritual, o suporte da vida.
  • Pele: nossa proteção.

Sempre que desenvolvemos uma doença devemos nos questionar como estamos vivendo, quais são as emoções que estão nos guiando, quais portas fechamos com o tempo, como estamos lidando com os problemas e as dificuldades… Antes de tudo é um momento de reflexão, de olharmos para dentro, um momento de aprendizado.

A cinesioligia holística busca equilibrar, nem sempre o tratamento começa pelo caminho que o paciente considera o mais importante, mas sim que o próprio organismo nos diz ser prioritário. O objetivo é que a pessoa possa se movimentar de forma mais livre e que possa estar preparada para cambiar em todas as situações da vida.

Sobre o autor

Maria Isabel Kanematsu

Maria Isabel Kanematsu

Fisioterapeuta há 10 anos com diversas formações, como: Programação Neurolinguística; Cadeias Musculares através do método Busquet; Cinesiologia Holística e Pilates pela escola Stott Pilates.

E-mail: [email protected]
Telefone: 11 9.4833-7361
Facebook: /cinesiologiaholisticalondrina