Convivendo

12 coisas que você nunca deve dizer a uma mãe

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Depois que os filhos nascem, as mulheres passam a ter a tendência a tentarem se tornar melhores pessoas, em diversas feições da vida. Tentam dormir mais cedo, mais disciplinadas, manter uma alimentação correta, serem mais calmas, serem mais otimistas. Isso tudo para se tornarem referências para seus filhos.

Por todo esse esforço que elas fazem, desde o nascimento de seus pequenos, há algumas coisas que nunca devem ser ditas a elas. Conheça algumas delas:

1. Nunca reclame de sua comida

Uma dica importante para manter um bom relacionamento com a sua mãe, é nunca reclamar que a comida dela está ruim. Ela pode ter tido pouco tempo para prepará-la, um dia ruim, mas com certeza a preparou com todo amor e carinho, pensando no seu melhor.

2. Nunca demore demais para atender as ligações dela

Quando você demora muito para atender ao celular quando sua mãe liga, não tem ideia de quantas coisas ruins podem estar passando pela cabeça dela? Então pense, um dia você também será mãe ou pai.

3. Em hipótese alguma, nunca diga que a odeia

Essa é uma das frases que nunca deve nem passar pela sua cabeça. Isso porque, possivelmente, ela não é verdade. Mas palavras ditas magoam demais. Tenha gratidão.

4. Nunca esqueça datas comemorativas

Uma flor, um cartão com dizeres bonitos, uma lembrancinha e até mesmo chocolate não mata ninguém. Por isso, nas datas comemorativas, como Dia das Mães ou aniversário delas, homenageie sua mãe, de formas simples, garanto que o coração dela se encherá de orgulho e satisfação.

5. Nunca ria dela

Nunca se deve rir de sua mãe, principalmente em momentos de mais nervosismo.

6. Nunca deixe de dar atenção

Nunca deixe de dar atenção para sua mãe. Vá passear no shopping, ao cinema, ao parque, ou qualquer outro lugar. Tire algumas horas do seu dia ou da sua semana para dar mais atenção a sua mãe.

7. Visite-a sempre

Os nossos dias são corridos. Mas, os meses, os dias e as horas passam sem que percebamos. Mas, até quando terá sua mãe para visitar? Aproveite da delícia de sua companhia antes que seja tarde demais.

8. Não mexa muito no passado

Falar do passado muitas vezes pode ser doloroso, e trazer à tona discussões e lembranças que geram tristeza e mágoas. O ideal é colocar um fim nesses assuntos mais delicados e passar a praticar o perdão.

9. Não é culpa dela

Obviamente, nossas mães acabam influenciando em muitas de nossas decisões. Mas, o responsável por finalizá-las somos nós mesmos. Por isso, nunca culpe a sua mãe pelas escolhas que fez. Não vai melhorar em nada a situação encontrar um culpado para os seus problemas.

10. Não as deixe nunca longe dos netos

O fato é que sua mãe, com o passar dos anos, passou a sonhar com os tão esperados netinhos. E um dia, os desejos dela irão se realizar, salvo em raras exceções. Por isso, por mais distante em que vocês estejam, nunca a deixe sem comunicação com os pequenos. A tecnologia inclusive, dá uma forcinha nessas horas e diminui a distância e fronteiras entre as pessoas.

11. Nunca as deixe envelhecer sozinhas

Depois de dedicar toda uma vida para a criação dos filhos, a maioria das mães acabam sem nenhum tipo de assistência de suas crias e envelhecem sozinhas.

Pode não ser fácil, mas é necessário ter paciência, porque velhos são mais teimosos, e não será sempre que sua mãe irá realizar os seus desejos. Mas, procure se lembrar sempre, ela é sua mãe e merece todo o seu respeito.

12. Nunca grite

Uma dica fundamental para um bom relacionamento com a sua mãe é nunca gritar com ela. Aliás, não se deve gritar com ninguém, porque é feio e demonstra muita falta de respeito.


Texto escrito por Flávia Faria da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]