Convivendo

5 perfis de pessoas tóxicas no trabalho

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
O trabalho pode até ser legal, mas conviver com colegas chatos, mandões ou até preguiçosos torna essa rotina um pouco mais problemática. O fato é que existem pessoas que são nocivas de trabalhar. Elas impedem o fluxo do trabalho, a concretização de alguns projetos e muitas vezes deixam a empresa em um ritmo lento.

As chamadas “pessoas tóxicas” estão em todos os lugares. E claro, em um ambiente de trabalho é possível encontrar algumas. Saber lidar com elas é fundamental.

Por parte do chefe ou patrão este precisa saber como enfrentar pessoas deste tipo, para que estas não impeçam o bom desempenho de trabalho da empresa. Conheça alguns tipos de pessoas que são nocivas para se trabalhar.

1 – Vítima

Existem pessoas que sempre se fazem de vítima. Seja em casa ou no ambiente de trabalho, elas se colocam como vítima da vida, dos problemas. São incapazes de afirmar que erram e enfrentar de cabeça erguida os problemas. Por parte da gestão, é preciso ter cautela, pois pessoas vítimas não assumem as suas responsabilidades, fazendo até com que colegas corretos assumam os seus erros.

[block]0[/block]2 – Controladora

Pessoas controladoras desafiam a própria gestão da empresa. Este tipo de pessoa assume o poder do chefe e sempre tentará dar a sua opinião, ideia, tentando controlar tanto os colegas como o ritmo de trabalho do ambiente. Elas observam e são capazes de cobrar a produção de um colega. Podem ser pessoas inseguras que no fundo querem se aproveitar de qualquer situação para se saírem melhor.

3 – Negativa

Uma pessoa negativa em um grupo de trabalho vai conseguir destruir qualquer harmonia que exista no ambiente. Reclamando, irritadas ou desconfiadas de tudo, elas deixam os colegas para baixos, mais cansados. Estes saem do trabalho como se estivessem trabalhando dias,  justamente pelo fato de conviver com uma pessoa negativa.

4 – Inconformada

Muito provável que algum momento da sua vida você vá conhecer algum colega inconformado com sua vida e colocando sempre a culpa nos outros pelos erros que ele próprio cometeu. É muito difícil conviver com pessoas assim, pois além de elas serem negativas, dificilmente aceitam ajuda e acreditam que nada tem solução. Pessoas inconformadas vão tentar quebrar as regras e nunca se contentarão com nada ali.

[block]1[/block]5 – Dramáticas

Estas pessoas são facilmente encontradas. Elas são fofoqueiras, gostam de espalhar notícias e fofocas sobre a empresa e seus funcionários principalmente coisas negativas. Elas gostam de ver “o circo pegando fogo”.


Apenas demitir funcionários que tem esse tipo de personalidade não contribui em nada. Talvez a gestão e chefia de determinada empresa conseguirá se ver “livre” de um funcionário assim.

Mas a verdade é que existem muitas pessoas que agem de alguma forma como dramáticas, inconformadas, vítimas. Algumas vezes este tipo de pessoa não tem culpa porque o próprio meio em que vivem lhe transformou desse jeito.

O que se pode fazer é tentar ajudar e não ir contra. É preciso ouvir esse funcionário, dar a ele uma chance, dialogar, aconselhar. Se depois de inúmeras tentativas você não conseguir perceber seu esforço aí é preciso partir para outra tarefa.

Será que você em algum momento está assumindo algum destes papéis? Vale a reflexão.

 

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]