Categoria - Mãe Solo

Uma categoria toda dedicada para uma das funções mais sublimes que uma mulher pode ter: ser mãe. Não importa se você é mãe de primeira viagem ou se tem tantos filhos que já se questiona se vai dar conta da criação de todos eles, muito menos se você é mãe natural ou se resolveu adotar um pequeno para chamar de seu, protegê-lo e guiá-lo pela vida. Também não está em questionamento se você é do tipo mamãe tradicional ou se faz a linha mãe moderninha-produção-independente. Este espaço do EuSemFronteiras discute e coloca em pauta toda a gama de assuntos que envolvem a dor e a delícia de ser mãe, em seu mais amplo significado.

O destaque maior é para a relação entre mãe e filho, independentemente de existir um pai participando da relação. Afinal, as mulheres sabem que não podem nem querem renunciar a um filho que porventura tenha vindo fora da hora ou que não tenha sido planejado. Mulher precisa ser guerreira e enfrentar as mudanças que a vida mal anuncia. Mulher precisa lutar pelo seu filho com unhas, dentes e principalmente com as garras da leoa que ganha quando conhece o que é a maternidade.

Temas que vão desde a descoberta da gestação até o desenvolvimento da relação e a importância de ter consciência das suas atitudes diante do desenvolvimento do seu filho enquanto pessoa. Sentimentos, pensamentos e ideais que passam de mãe para filho e que constroem um ser humano mais forte e consciente do seu papel na sociedade. É preciso ter discernimento para entender que, quando se torna mãe, uma mulher também se torna o maior exemplo para seu filho, e essa é uma das maiores responsabilidades que pode ter. Ser mãe é amar incondicionalmente.