Convivendo

Colo de Mãe

Menina branca sentada no colo de mulher branca na cama.
choreograph / 123rf

Quando somos pequenos, não há nada melhor do que um colo da mãe. Aquele lugar em que nos sentimos protegidos, seguros, em que a vontade de chorar vai sumindo aos poucos. Tenho vagas lembranças da época em que eu era bebê de colo, mas lembro-me nitidamente da sensação de ir para o colo da minha mãe, de saber que ela estava ali comigo.

Hoje, quando pego meu bebê de quase dois anos no colo e vejo-o se acalmando só porque estou com ele, sinto uma alegria imensurável. Percebo o mistério e a magia que envolve mãe e filho. A magia do colo é uma delas. Colo com abraço apertado, com beijo no rosto ou no joelho machucado. E não é que esse colo console só os filhos bebês. Os filhos crianças, adolescentes e, também, os já adultos sempre vão gostar de um colo de mãe.

Neste mês de maio, é tempo de honrar, agradecer às nossas mães, especialmente pelos inúmeros colos recebidos. Colos esses que nos ajudaram a nos sentirmos mais seguros para os desafios da vida. Colos que nos consolaram quando os problemas não tinham solução. Colos que nos abraçaram e nos ensinaram a fazer aquela vontade de chorar passar, pouco a pouco, mostrando que era possível sorrir novamente.

Mulher e menino negros deitados juntos.
brybree / Reshot

Um salve a todas as mães, a todas as mulheres que cuidaram de seus filhos, a todas as tias, avós, madrinhas, irmãs, professoras, babás e mulheres que cuidaram de crianças como filhos também. Não é à toa que dizem que o instinto materno está em toda mulher. Gratidão a tantos colos ofertados neste mundo afora.

Que o colo de mãe continue sempre sendo o melhor presente que um filho possa receber. E que seja o melhor presente que possamos oferecer, para nossos filhos e para todos que dele possam precisar.

Gratidão, mãe, seu colo é o melhor lugar para se estar.

Sobre o autor

Úrsula Petrilli Dutra Christini

Blogueira com formação em Life Coach, Professional Coach e Leitura de Registros Akashicos. Criadora do site/blog www.reconduza.com e autora do livro “Gratidão, Traga-Me Mais”, da Editora AGE, com lançamento em novembro de 2019. Servidora pública, bacharel em direito, assessora jurídica. Voluntária da ONG Arte de Viver e responsável pela Meditação da Lua Cheia por mais de 4 anos. Blogueira do Zh Moinhos por 8 anos.

Apaixonada pela escrita motivacional, me realizo escrevendo, com a possibilidade de tocar o outro ser humano positivamente. Uso a meditação e o Acesso aos Registros Akashicos para a inspiração de meus textos.

Por meio de meus artigos, procuro aplicar o coaching para ajudar o outro ser humano a ir do “ponto A ao ponto B” ou quem sabe do “B reconduzir ao A ou ao C”.

Acredito no poder de uma “Postura” Positiva. Não é só o pensamento positivo. É um olhar positivo, crenças positivas, emoções positivas, palavras positivas, postura positiva. Aí, sim, podemos começar a falar em poder do pensamento positivo.

Nesse tempo de Despertar, trazer palavras de Luz para este universo digital, é algo que todos nós podemos fazer!

Fica a dica ?

Gratidão ao Eu Sem Fronteiras!?

Contatos:
Email: [email protected]
Site: reconduza.com
Facebook: facebook.com/ursula.christini
Instagram: @reconduza_por_ursula
Youtube: RE CONDUZA por Úrsula Dutra Christini
Twitter: @Reconduza_com