Autoconhecimento

Críticas a realidade editada

Símbolo do instagram de likes em luzes de neon
Prateek Katyal/Pexels

As redes sociais são uma estrutura composta de indivíduos e organizações, que desejam compartilhar valores e pensamentos em comum, claro que o que podemos conversar é o contrário.

Não existe nenhum tipo de divulgação, ou valores dentro dessa esfera superficial, o que podemos observar o quão terríveis são as pessoas.

Thomas Hobbes, filósofo e grande teórico do absolutismo, afirmava que o Homem era mau por natureza, e por isso pode todas as coisas, pois utiliza todos os meios possíveis para alcançar seus objetivos, o que na minha concepção o torna egoísta.

A nossa vida pode estar limitada apenas a desejos egoístas e sem nenhum propósito aparente, como disse Schopenhauer:

“Para a maioria dos homens, a vida não é outra coisa senão um combate perpétuo pela própria existência, que ao final será derrotada.”

Então, utilizando os pensamentos de ambos os filósofos, demonstro minhas críticas às redes sociais por meio de uma lista sobre o quão terrível é o ser humano.

Homem segurando celular
Adrienn/Pexels

1 – Pessoas tóxicas

2 – A falta de senso ou coletividade

3 – Pessoas superficiais

4 – Propagação de ódio e mentiras

Claro que poderia passar uma noite citando todos os malefícios que as redes sociais trouxeram, mas não quero me limitar apenas a esse campo.

Como dizia o Filósofo Polonês Bauman:

“As redes sociais são uma armadilha”

Hobbes afirmava que o homem era o lobo do homem, o que indica um grau de individualidade, e que, da mesma forma, o homem poderia se utilizar de todas as maneiras para conseguir seus desejos egoístas, derrubando o próximo ou até mesmo machucando.

A nossa realidade é limitada apenas a uma tela. Pense quando foi a última vez que você leu um livro? Você sai com seus amigos? Claro que não, o importante é o que posso demonstrar para meus seguidores e amigos virtuais; o quão “decente” é meu lar e o quanto sou uma boa pessoa. Porém no dia a dia, não consegue fazer uma saudação para o vizinho.

Novamente, parafraseando o Bauman:

Mulher encostada no sofá olhando para o celular
mikoto.raw/Pexels

“Tudo é mais fácil na vida virtual, mas perdemos a arte das relações sociais e da amizade.”

Não conseguimos manter um diálogo pessoalmente, não conseguimos demonstrar sentimentos, por qual motivo isso acontece? A resposta é simples: “Tudo é mais fácil na vida Virtual.”

Desde que as redes sociais começaram a ser um vício, pudemos observar que o ódio cresceu dia após dia. Propagar mentiras e todo tipo de preconceito é simples, aliás como será a punição para aqueles usuários? Criaremos um juiz virtual? Uma polícia virtual? Iremos deixar de viver a realidade, para vivermos presos a uma tela?

Os humanos são perfeitos em esquecer. Se compararmos a nossa sociedade atual com a sociedade de 1960 ou 1980, poderemos ver que existem mudanças enormes. Não evoluímos em nenhum ponto, apenas retrocessos são visíveis.

“Esquecemos o amor, a amizade, os sentimentos, o trabalho bem feito. O que se consome, o que se compra, são apenas sedativos morais que tranquilizam seus escrúpulos éticos.” Concordo com Bauman, quando diz que vivemos em uma sociedade editada ou melhor “uma realidade editada”.

Você também pode gostar

Esquecemos os ensinamentos dos antigos; a nossa ética é relativa, assim como o caráter dos jovens atuais, mimados e egoístas. Precisamos reverter a situação, pois, caso isso não ocorra, a próxima geração será escravizada pelas redes sociais.

Segundo a antropologia platônica, o homem é composto de três partes distintas, porém só quero enfatizar uma: “Alma Concupiscente”. Segundo Platão, seriam os nossos desejos. Utilizo desse pensamento ao meu favor: o que será que guardamos como desejo? Será que tudo isso ocorreu por essa vida editada? Acredito que sim, e posso explicar por qual motivo por meio da frase do célebre Jean-Jacques Rousseau: o homem é bom por natureza. É a sociedade que o corrompe.

Até que ponto fomos corrompidos?

Sobre o autor

Jonathan Gomes de Brito

Jonathan Gomes de Brito

Gosto de fazer leitura sobre diversos assuntos, ou seja, tudo que você tiver em mente eu posso escrever a qualquer momento de forma bastante respeitosa e que traga benefício para o leitor.

Email: [email protected]
Facebook: Jonathan Gomes de Brito
Instagram: @eu_brito88