Convivendo Natureza Sustentabilidade

Dia da árvore: pare, respire e celebre com consciência essa data

Um dos símbolos e bases da natureza são as árvores. De cima, o verde que destaca grande parte do nosso planeta vem da infinidade delas. São consideradas peças fundamentais no equilíbrio da vida de animais e outras plantas, por isso, é tão importante preservar a existência de todas as espécies de árvores.

Com isso, governos, entidades de preservação e demais órgãos de destaque, além da sociedade civil organizada, criaram diversas datas para relembrar a todos a importância das árvores para todo o ecossistema. Conheça a origem da data 21 de setembro, Dia da Árvore, e a sua celebração no Brasil.

Uma grande árvore num campo plano.
Alexander Kovalyov / Pexels

Qual é a origem do Dia da Árvore?

Se você quer saber como surgiu o Dia da Árvore, preste atenção aqui. Em 1872, no estado norte-americano do Nebraska, o jornalista local Julius Sterling Morton deu início a uma iniciativa de celebrar e pensar por que é importante cuidar das árvores; então, foi criado o Dia Mundial da Árvore, em 21 de março. Devido às estratégias de preservação ambiental cada vez mais urgentes, a data serviu de inspiração para diversos governos e entidades que criaram datas similares em formato nacional. A data foi se tornando cada vez mais popular, porque as árvores são importantes em nossas vidas.

Qual é o significado do Dia da Árvore?

No Brasil, a comemoração ocorre no dia 21 de setembro graças ao início da primavera no hemisfério sul (entre 22 e 23 de setembro). Desde 1965, a data foi oficialmente substituída pela Festa Anual das Árvores. Apesar dessa mudança, a população e a mídia ainda se referem ao dia com a denominação anterior.

A importância do Dia da Árvore é proporcional ao cuidado e preservação que devemos ter com as árvores, diretamente ligadas às nossas próprias vidas e à manutenção da natureza (como a permanência de temperaturas amenas e saudáveis, o fim da extinção de animais e o controle de enchentes e inundações).

Outras datas comemorativas e porque elas foram criadas?

E você, sabe qual é o dia internacional da árvore? Seguindo a tradição iniciada pelos norte-americanos, a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO) criou, em 1971, o Dia Mundial da Árvore. O dia foi oficializado na Assembleia Geral do órgão, em 2012 (21 de setembro, Dia da Árvore). A data também coincide com o início da primavera, mas no hemisfério norte. A criação de uma data internacional se deu pela necessidade de pensar em medidas ecológicas entre países, como acordos de diminuição de emissão de gases e preservação de florestas.

Uma floresta parcialmente desmatada.
mauinow1 de Getty Images Signature / Canva

É possível celebrar a data diante de tanto desmatamento?

Nos últimos anos, principalmente desde o início do atual Governo Federal, os números de desmatamento no Brasil atingiram aumentos recordes. Em 2021, o país foi responsável por 40% do desmatamento global. Não é por acaso que vários países fazem sanções ao governo brasileiro e reiteram a importância da preservação da floresta amazônica. Um desequilíbrio ecológico na região amazônica seria responsável por um desbalanceamento em todo o ecossistema global. Dada essa realidade cruel, que inclui a destruição total de biomas, como comemorar essa data? Com muita força e garra, espalhando educação e reiterando as problemáticas do desmatamento. Muitas pessoas desconhecem os efeitos nefastos dessa prática destrutiva.

Como podemos celebrar o Dia da Árvore?

Você pode espalhar materiais educativos durante o dia da árvore. Pode educar seus familiares, seus vizinhos, sua vizinhança. Mudanças importantes não acontecem do dia para a noite, e a opinião pública precisa estar ao lado de instituições e governos que defendem a preservação de toda a fauna e a flora. Mostre reportagens, documentários, depoimentos de povos indígenas e defensores da floresta, combata fake news de grupos ligados aos interesses do mercado que usa as árvores como matéria-prima de forma descontrolada. Convide amigos e familiares, plantem árvores nas suas residências e visitem parques públicos. Outra dica bem alto astral é a de realizar revitalizações de jardins e hortas comunitárias.

Benefícios que as árvores nos oferecem

Benefício das árvores para o planeta

A existência do planeta depende do equilíbrio entre todas as partes do ecossistema, e as árvores são grandes responsáveis pela manutenção da vida em diversos níveis. São responsáveis pelo equilíbrio e preservação dos biomas. As árvores protegem animais, alimentam espécies de todos os tipos, incluindo seres humanos, normalizam temperaturas e fazem fronteira de tipos de vegetações, impedindo o avanço de mares e rios.

Uma pessoa sentada próxima a uma grande árvore.
secablue de Getty Images Signature / Canva

Benefício das árvores para a saúde humana

O aumento na qualidade de vida em determinada cidade ou localização habitada está diretamente condicionado à existência de árvores. Elas ajudam na diminuição da poluição, o que reduz a possibilidade do desenvolvimento de doenças respiratórias em pessoas. Árvores também oferecem alternativas ao desenvolvimento de momentos de tranquilidade, aumentando a qualidade da saúde mental.

O que podemos aprender com essa data

Datas como o Dia da Árvore e o Dia Mundial da Árvore são essenciais no mundo globalizado. Vimos que o desmatamento e a poluição do meio ambiente não param de crescer, e que o resultado disso são os aumentos nas temperaturas, a instabilidade de enchentes e demais fenômenos, além do aumento de desastres naturais. Saber mais sobre as árvores é garantir um futuro sustentável para as próximas gerações. Com a data, aprendemos a importância de manter a natureza intacta e de viver de modo que se garanta o equilíbrio entre todas as partes que vivem e constroem o planeta.

Você também pode gostar

Espalhe a ideia de uma vida mais próxima das árvores e de todo o meio ambiente, não importa em qual selva de pedra você more. Plante árvores, cuide dos parques das suas cidades e esteja ao lado de quem luta pela preservação ambiental.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br