Comportamento Convivendo

Entenda a importância da gentileza no dia a dia

Imagem do dedo polegar fazendo jóia e sobre ele uma borboleta. Ao fundo um lindo por do sol.
Gerd Altmann / Pixabay
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Imagine a rotina de duas pessoas que moram no mesmo prédio. Uma delas trabalha durante o dia inteiro. Ao anoitecer, porém, ela se dedica a outro trabalho – um empreendimento próprio. Dessa forma, seu tempo de descanso e de lazer é restrito. Ainda assim, ela não se sente estressada e irritada, porque durante todo esse período, todas as pessoas que ela encontrou a trataram bem e a ajudaram quando ela se sentiu sobrecarregada.

Já a segunda pessoa, vizinha da primeira, vive uma realidade muito diferente. Quando ela sai de casa, raramente segura o elevador para os outros, ignora o porteiro e recusa ajudar seus colegas de trabalho, porque imagina que esse tipo de atitude irá fazer com que ela perca tempo. Como consequência disso, não é sempre que seus colegas se predispõem a ajudá-la, o que lhe dá a sensação de uma sobrecarga constante. Na hora de ir embora, ela sequer dá boa-noite a quem acompanhou sua árdua jornada.

O que diferencia a rotina dessas duas pessoas é a gentileza. Embora essa virtude passe despercebida no nosso dia a dia, é ela que torna a rotina menos exaustiva e faz com que uma pessoa se sinta bem e faça o bem a longo prazo. Quem pratica a gentileza não só ajuda os outros como também recebe ajuda. Até as situações mais tensas são atenuadas com palavras de carinho e incentivo.

Há que se considerar também que, muitas vezes, a gentileza causa confusão nas pessoas. Praticar uma boa ação esperando que o outro a retribua é egoísmo. E não é nem um pouco gentil. A gentileza é uma troca que acontece naturalmente, que não deve ser cobrada ou usada como chantagem emocional. Se você está agradando a alguém só porque essa pessoa pode lhe retribuir com algum privilégio, está na hora de mudar suas atitudes.

A seguir, você vai entender com mais profundidade por que a gentileza é a tão importante no dia a dia, quem pode ser beneficiado por ela e como praticá-la da melhor forma possível. Adote novos hábitos!

Importância da gentileza no dia a dia

Se você perguntar a qualquer pessoa sobre o que ela pensa quanto a gestos de bondade e atenção, certamente ela dirá que valoriza muito esse tipo de comportamento. Nós aprendemos que o ideal é agir sempre com respeito e bondade, para não provocar sentimentos ruins em outras pessoas, sobretudo em quem não conhecemos. Mas será que sabemos identificar por que é tão importante seguir isso no dia a dia?

O bem mais precioso que podemos entregar a alguém é atenção. Precisamos reconhecer que essa pessoa existe, que está se esforçando para ser melhor a cada dia e pode precisar de ajuda para algumas tarefas. Devemos reconhecer também que é essencial ouvir o que essa pessoa tem a dizer. Todos precisam de atenção, no sentido mais puro desse gesto. E como demonstramos que prestamos atenção em alguém? Por meio da gratidão!

Uma saudação quando encontramos uma pessoa é um gesto de gentileza que demonstra o nosso respeito por ela. Ajudar um indivíduo que está com dificuldade na hora de realizar alguma tarefa é uma atitude positiva que demonstra que nos preocupamos com ele e que podemos tornar mais simples aquilo que ele precisa fazer. Para você, essas pequenas demonstrações de atenção e de cuidado podem não parecer grande coisa, mas os resultados surgem com o tempo.

Imagem de duas crianças se abrançado em um lindo jardim.
Ben Scherjon / Pixabay

Uma pessoa gentil é sempre lembrada por essa característica. É vista como alguém agradável, disposto a ajudar os outros e capaz de valorizar as relações humanas. No ambiente de trabalho, características como essas são essenciais para a valorização de um profissional. Em relacionamentos de amizade e amor, as pessoas gentis são as melhores conselheiras, aquelas que estão sempre prontas a ouvir e ajudar.

Então, a prática da gentileza no dia a dia torna-se uma qualidade fundamental para a sua personalidade. Cada vez mais as pessoas irão se aproximar de você, porque sabem que você age de forma positiva e se preocupa com o bem-estar de todos. Para sentir o que elas pensam quando lembram de você, busque na sua vida aquela pessoa que sempre te estendeu a mão, te cumprimentou e demonstrou carinho. Ela é uma boa companhia, não é?

Pensando além das relações interpessoais e no quanto a gentileza pode ser benéfica para elas, podemos analisar também como essa virtude é essencial para garantir nosso bem-estar. Quando ajudamos alguém, a resposta dessa pessoa fará com que nos sintamos satisfeitos e felizes por ajudar. Se recebemos ajuda, o bem-estar se manifesta como tranquilidade, alívio e alegria, porque alguém tornou nossa vida mais leve.

Como praticar a gentileza no dia a dia

Tendo em vista todos os benefícios que a gentileza pode trazer para você e para as outras pessoas, aprenda a incorporá-la no seu dia a dia e perceba como tudo será melhor e mais leve!

1) Cumprimente quem passar pelo seu caminho

Fazer uma saudação quando encontramos alguém é um sinal de boa educação e um ótimo gesto de gentileza. Você pode dizer apenas “olá”, e a outra pessoa já saberá que você a viu e reconhece a importância dela. Faça isso principalmente com quem é excluído pela sociedade, como funcionários de estabelecimentos ou condomínios.

2) Ofereça ajuda sempre que puder

Se você percebeu que uma pessoa está precisando de ajuda para desempenhar uma tarefa que você sabe como fazer, não hesite em se oferecer para facilitar o serviço. Você pode executar desde coisas simples, como ajudar a carregar compras e a atravessar a rua, até as mais complexas, como ensinar a usar uma ferramenta ou fornecer alguma informação importante sobre um projeto.

3) Ouça o que os outros têm a dizer

Precisamos entender que a nossa forma de ver o mundo não é única e que ouvir o que os outros têm a dizer é um ato de gentileza, respeito e desejo de evolução. Quando uma pessoa estiver falando, respeite a vez dela e aguarde para fazer comentários. Essa atitude simples será capaz de criar diálogos prazerosos e úteis para todos!

Imagem de dois senhores. Um está sentando e ouvindo o que o outro está dizendo em seu ouvido.
Szilárd Szabó / Pixabay

4) Evite conflitos desnecessários

É comum que às vezes comecemos discussões sem entender muito bem aonde queremos chegar com isso. Quase sempre nos exaltamos, deixamos o ódio tomar conta e permitimos que a irritação comande nossos pensamentos. Porém evitar conflitos desnecessários é o que garante que a gentileza virá sempre como prioridade nas nossas conversas e interações. Pense antes de discutir!

5) Reconheça seus limites

A gentileza no dia a dia deve ser praticada com as outras pessoas. Mas também devemos praticá-la com nós mesmos. É preciso que você reconheça os seus limites, para não aceitar situações que podem te prejudicar ou te estressar. Seja gentil com você mesmo e respeite suas necessidades e limitações.

Você também pode gostar

Mesmo que você não consiga perceber, a gentileza no dia a dia é capaz de modificar sua rotina e a de quem convive com você. São pequenos gestos de carinho, atenção e cuidado que conquistam o coração de todos, melhoram a nossa personalidade e promovem relações interpessoais mais respeitosas e verdadeiras. Experimente incorporar essa prática e transforme-se!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]