Linguagem do Corpo Saúde Integral

Linguagem do Corpo: Acidente Vascular Cerebral

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Na medicinal habitual, o Acidente Vascular Cerebral (AVC), conhecido também por derrame, é uma doença neurológica que afeta o Sistema Nervoso e pode trazer consequências como incapacidades físicas e mentais.

O AVC acontece quando a circulação de sangue é interrompida repentinamente na região cerebral. Neste caso, a doença leva o nome de Acidente Vascular Cerebral Isquêmico. Já quando a doença é causada pelo rompimento de uma artéria levando à hemorragia ou a um coágulo, chamamos de Acidente Vascular Hemorrágico.

Ainda na medicina tradicional, os sintomas são agudos e progridem rapidamente. Entre eles estão: o formigamento de um dos lados do corpo, fraqueza muscular, dificuldade para falar, confusão mental e motora, dores de cabeça agudas, perda visual de um dos olhos, perda do equilíbrio e tontura.

Os fatores de risco para um derrame podem ser vários. Entre os mais comuns estão: idade, hipertensão, diabetes, tabagismo e o vício em álcool.

Na psicanálise, Cristina Cairo em seu livro garante que o AVC reflete uma pessoa de comportamento difícil e irredutível em suas convicções.

Derrame Cerebral segundo Cristina Cairo

linguagem do corpoÉ sinal de um gênio difícil e reflete uma pessoa que prefere a morte a ter de mudar seu comportamento, que resiste, rigidamente, em suas opiniões, crenças e condutas. O derrame mostra que a pessoa vive tensa e teimosa em suas observações e críticas e constantemente atrita com outras pessoas, sobrecarregando seu cérebro com pensamentos e emoções fortes.

Não queira ser o dono da verdade! Solte esse “método” de conseguir a atenção das pessoas para si. Mostre-lhes que você também é sensível e pode ter seus medos como elas. Converse pausadamente e ouça o que os outros têm a lhe dizer. Faça de sua inteligência um veículo amistoso e flexível. Policie-se até que consiga estar livre dessa rígida personalidade e do sentimento de vítima que o domina. Não é somente o mundo que necessita de mudanças: você também necessita. Não é demérito para ninguém aceitar, humildemente, ideias e opiniões de familiares e de amigos. Somos amados pelo nosso carisma e não pelos atritos que criamos. Não é possível que você aprecie o sentimento de dó que as pessoas passarão a sentir por você! Cresça e deseje ser feliz com seus próprios sonhos e liberte as pessoas para que sigam seus caminhos, como prova de seu verdadeiro desprendimento e confiança.

livro 1

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]