Xamanismo

Novas Almas Xamânicas

Mulher xama, em vestes de ritual, segurando um cetro de madeira.
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

De acordo com o site Essência Cósmica, Xamanismo é uma palavra do idioma sibério que tem como significado “aquele que enxerga no escuro”. Traduzindo da forma como esse termo é interpretado, compreende-se que Xamanismo é a ideia de que uma pessoa é capaz de transitar entre o mundo físico e o mundo espiritual, a partir de práticas específicas.

Ainda que essa transição entre os dois mundos pudesse significar uma separação entre eles, a proposta do Xamanismo é constituir uma alma em comum entre as pessoas e a Mãe Terra, criando uma conexão entre as pessoas e a consciência cósmica de cada uma.

Essa união, para as civilizações antigas, seria alcançada a partir dos quatro elementos fundadores da vida (água, ar, fogo e terra). Cada um desses elementos representaria um deus repleto de energia cósmica, mesmo antes de ser constituída uma consciência (atualmente chamada de Grade Cristalina) que abrigasse os conhecimentos individuais de cada um. 

Esses seres divinos são representados de diferentes formas e podem se manifestar com diferentes nomes, dependendo da cultura que pensou sobre como eles deveriam ser. Deuses como Zeus, Chiva e Viracocha são exemplos das inúmeras formas possíveis de encontrar a energia cósmica na crença de um povo. A partir deles, as pessoas que os cultuam seriam capazes de ampliar sua fonte de conhecimento e as próprias capacidades, aprendendo sobre o universo com uma gramática própria.

imagem de silhueta de uma mulher levantando as mãos para o céu no tempo do sol

Essa forma de conhecimento que não poderia ser compreendida por qualquer pessoa é chamada de Geometria Sagrada ou Linguagem da Luz.
Ela representa as semelhanças entre os símbolos que cada civilização atribui às divindades superiores às pessoas. Um exemplo dessa semelhança é justamente a existência de um ser com conhecimento e força mais avançados do que a compreensão humana, como um deus criador.

Apesar disso, é possível conectar-se com essas divindades não só cultuando cada uma delas, mas também a partir de um processo introspectivo de reconhecimento do Xamânico Cósmico existente dentro de cada pessoa. Quando esse processo acontece, o universo também reconhece que as pessoas estão buscando iluminação e conhecimento, permitindo o acesso a essa sabedoria cósmica. Nesse sentido, tudo aquilo que um indivíduo é capaz de produzir só é possível com a ação do cosmos sobre o processo de idealizar uma causa ou um projeto.

As Novas Almas Xamânicas são aquelas que reconhecem a força e o poder do cosmos e conseguem acessar dentro de si, em conexão com o universo, o conhecimento que tem sido abrigado desde os pleiadianos, ancestrais xamânicos responsáveis por guiar cada pessoa nessa jornada de busca, autoconhecimento e aprendizado sobre o mundo espiritual.


Você também pode gostar de outros artigos do autor: As Pedras Amuleto da Sorte

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]