Doutrina Espírita Espiritualidade

Olimpíadas 2016: como contribuir para este evento?

Buscando o conceito do que vêm a ser os jogos olímpicos, encontramos algumas definições na internet como “edição de jogos olímpicos a cada 4 anos, onde jovens de centenas de países se reúnem para competir em diversas modalidades. A bandeira olímpica representa a união de raças, onde cada anel equivale a um continente:

Azul → Europa

Amarelo → Ásia

Preto → África

Verde → Oceania

Vermelho → Américas

 

Kiev, Ukraine - August 1, 2016: Summer Olympic Games In Rio De J

 

Mas qual o objetivo deste evento? Entrelaçamento de raças como os anéis de sua bandeira, união dos povos, paz e amizade. Comprovação de que todos somos iguais perante o mundo. “Fomos criados puros e ignorantes, sendo dado a cada um, segundo suas obras, centelhas divinas da criação”.

Infelizmente, observamos que este objetivo vem sendo desvirtuado, servindo muitas vezes como palanque político, cenário de degradação competitiva com uso de anabolizantes, palco de guerras, ao invés de paz.

O homem como sempre é intuído a desenvolver programas para a evolução, nem sempre o intuito é seguido. São muitos que se perdem no caminho, deixando-se levar por interesses materiais. Isto é tão evidente que a maior preocupação está centrada nos atentados que poderão ocorrer.

Como podemos então colaborar para o equilíbrio deste evento?

Qual deve ser a conduta de cada participante, atleta ou não?

Devemos apenas cruzar os braços e aguardar a manifestação das autoridades?

Passar a bola para frente sempre é mais fácil. Culpar outros por tudo o que acontece é menos sofrido. Na verdade, todos temos compromisso com a mudança para momentos melhores. Podemos e devemos fazer algo.

Onde começar?

Dentro de nós mesmos, buscando a nossa própria transformação. Com a educação de nossas crianças, mostrando a elas que brincar é melhor que ganhar. Pelo não ao racismo, não às drogas, não à disputa desleal, não à corrupção em qualquer instência.

Pensamentos de paz

Sorrisos de amor

Palavras de carinho

Gestos de gentileza.

Tudo isto pode mudar o mundo! O exemplo é o maior trunfo. Comecemos agora para que haja tempo de vermos um amanhã melhor.

Emmanuel no livro “Estude e Viva”, psicografado por Chico Xavier e Waldo Vieira, diz que:

“Se há esportes que auxiliam o corpo, há esportes que ajudam a alma….

A marcha do dever retamente cumprido.

A regata de suor no trabalho.

O exercício do devotamento ao estudo.

O salto do esforço acima dos obstáculos.

A maratona das boas obras.

O torneio da gentileza.

O mergulho do silêncio diante da injúria.

O nado da paciência nas horas difíceis.

A ginástica da tolerância perante as ofensas.

O voo do pensamento às esferas superiores.

A demonstração de resistência moral nas provas de cada dia.

Todos estes desportos do Espírito podem ser praticados em todas as idades e condições. E creia que qualquer campeonato num deles será prêmio de luz em seu coração a brilhar para sempre.”

EMMANUEL

Sobre o autor

Ivone Navas Munoz e Marcia Rubinatti

Ivone Navas Munoz e Marcia Rubinatti

Ivone Navas Munoz e Marcia Rubinatti são espíritas desde 1980 e 1988, respectivamente. Além de participarem ativamente da Doutrina, lecionam juntas há mais de 17 anos o Curso de Educação Mediúnica, primeiramente no Grupo Espírita Irmã Clara e atualmente no Grupo Espírita Irmã Diva, em São Caetano do Sul. Ambas fizeram seus cursos de formação através da Federação Espírita de São Paulo.

E-mail Marcia: [email protected]
E-mail Ivone: [email protected]