Energia em Equilíbrio

Como se proteger de pessoas negativas

Tereza Gurgel
Escrito por Tereza Gurgel
Na nossa vida diária, convivemos com muitas pessoas diferentes. Entre elas, não é raro que encontremos algumas pessoas que transmitem uma profunda negatividade e proporcionam uma sensação de inquietude ou desconforto, até mesmo pela sua simples presença. Reclamam da vida, da família, do trabalho e de tudo que existe. Nunca elogiam ou reconhecem o valor dos outros. Geralmente acabamos nos sentindo “ contaminados” por esta aura negativa, sem dar conta que nossos pensamentos e sentimentos se tornam subitamente pesados – talvez nem consigamos identificar o motivo de nos sentirmos cansados, sem motivação.

Estas são algumas atitudes que podemos tomar para proteger a nossa energia contra essa contaminação:

→ Analise a emoção negativa quando surge. Procure determinar o que (ou quem) a causou. É uma emoção sua, que você até já experimentou antes, ou é algo novo que surgiu na sua mente? Se é algo que você identifica como seu, seria bom você começar a procurar compreender o motivo e depois eliminar isto, fazendo uma terapia, por exemplo. Se não, veja se este sentimento se iniciou na presença de alguém – ou em determinado local.

Coloque uma certa distância entre você e a fonte da negatividade. Mesmo que isto não seja fisicamente possível (como, por exemplo, no ambiente de trabalho), tente reduzir ao máximo a proximidade com pessoas que causam essa sensação em você. Se isto ocorre em um local, evite-o ou fique ali apenas o tempo que for necessário.

→ Uma boa maneira de retomar seu centro é prestar atenção na sua respiração. Respirar pausadamente, com total atenção voltada à sensação do ar entrando e saindo do seu corpo, por apenas 30 segundos, já traz alívio e conforto. Mudar o foco de atenção por alguns instantes já é suficiente para que você retome o controle de seus pensamentos e sentimentos. Aqui é recomendável que você treine algumas técnicas de meditação e visualização, que ajudam e fortalecem a sua proteção.

→ Uma boa visualização pode promover um bloqueio energético contra a negatividade. Por exemplo, se seu local de trabalho ou colegas emanam sensações desconfortáveis, imagine-se envolto por uma forte e límpida bola de luz branca (ou de sua cor preferida). Pense que esta bola é seu “campo de força” contra o negativo. Procure sentir esta luz que o envolve e atribua a ela a capacidade de refletir para longe qualquer energia desqualificada que seja enviada na sua direção. Dentro desta bola de luz somente a Paz e o Amor existem. Treine bastante esta visualização até que se torne fácil acioná-la quando necessário.

→ Conheça seus limites e respeite-se. Não tente forçar situações desconfortáveis apenas para se afirmar perante terceiros. Quanto mais cedo você identifica um problema, mais rápido você toma atitudes para contorná-lo.

→ Tenha uma atitude coerente, civilizada, mas firme diante de pessoas negativas. Não se trata de criar uma “guerra& #8221; contra aqueles que não trazem nenhuma contribuição positiva. É uma questão de estabelecer para você mesmo aquilo que você não quer que faça mais parte na sua vida e manter firme sua decisão. Acostume-se a dizer “não” de forma clara e coerente. Estabeleça seus limites e preserve-os.

→ Sempre faça uma limpeza do seu corpo. Semanalmente, coloque um punhado de sal grosso em um recipiente com água e use-a para enxaguar o corpo no banho (apenas do pescoço para baixo). O sal é considerado um ótimo veículo de proteção, limpeza e purificação, desde a antiguidade.

→ Manter-se protegido contra a negatividade é importante, pois isso pode drenar sua energia e torná-lo incapaz de progredir na vida com alegria e saúde.

Finalizando, é bom saber que algumas pessoas podem estar emanando a negatividade até sem se dar conta do que fazem. Procuremos, então, evitar julgá-las e, na medida do possível, oferecer algum direcionamento para que elas busquem ajuda, a fim de se tornarem mais felizes e satisfeitas consigo mesmas.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Tereza Gurgel

Tereza Gurgel

Formada em Psicologia (F.F.C.L. São Marcos - SP). Filiada à ABRATH (Associação Brasileira dos Terapeutas Holísticos) sob o número CRTH-BR 0271. Atua na área Holística com Reiki, Terapia de Regressão e Florais de Bach. Mestrado em Reiki Essencial Metafísico e Bioenergético Usui Reiki Ryoho, Shiki, Tibetano e Celtic Reiki. Ministra cursos de Reiki e atende em São Paulo (SP).

E-mail: [email protected]
Telefone: 11 987728173
Site: mtgurgel.wixsite.com/mundoholistico
Blog: terezagurgel.blogspot.com.br
Skype: tk.gurgel