Convivendo Jardinagem Sustentabilidade

Paris tem espaços públicos para plantações de orgânicos

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Se você tem metas importantes para atingir, é bom que você tenha um bom plano para chegar até elas também, caso contrário, suas metas podem virar apenas um sonho longe de ser realizado. Os governantes de Paris, na França, parecem saber muito bem disso e decidiram chamar a população para ajudar a atingir a meta da cidade de aumentar em 1 milhão de metros quadrados a quantidade de áreas verdes na cidade.

Em vez de deixar apenas nas costas do Governo e dos órgãos públicos, Paris resolveu aproveitar os cidadãos para que eles também possam trabalhar em favor de sua cidade, afinal, eles serão beneficiados diretamente.

Através de um simples cadastro, os cidadãos parisienses que se interessam por jardinagem podem ganhar espaços públicos e um kit inicial com mudas e ferramentas básicas para começar seu jardim público. São mudas de árvores frutíferas e outras plantas de origem local. O cidadão, através de acordo firmado com a Prefeitura, ganha o direito do espaço por um período de três anos (que pode ser renovado) e deve apenas se comprometer a não usar pesticidas, pois a ideia é que a produção seja totalmente benéfica e orgânica.

Foto: Christophe Noël

Uma iniciativa simples, básica e muito promissora já que a própria população pode colocar as mãos na terra e mudar sua cidade aos poucos, com boa vontade, dedicação e senso de coletividade. É uma forma de conscientizar a todos a necessidade crescente que temos de áreas verdes nas grandes cidades, de alimentos frescos, de boa procedência e de ajudar uns aos outros. Através de iniciativas desta forma desenvolvemos um importante senso de coletividade e a aprendizagem de que a responsabilidade pelo bom funcionamento e desenvolvimento de nossas cidades não deve ficar apenas nos ombros dos governantes e das empresas públicas.

Todos nós temos responsabilidade pela cidade em que habitamos.

Todos nós temos responsabilidade pela cidade em que habitamos. Por que você não se inspira nessa iniciativa e tenta começar a fazer a sua parte no seu bairro, na sua rua ou mesmo no seu condomínio? Provavelmente, próximo a você, deve existir uma área que pode ser ocupada com muito verde e beneficiar diversas pessoas ao seu redor. Plante esta ideia!


Escrito por Roberta Lopes da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Imagens: Reprodução/Christophe Noël e Jean-Pierre Viguié/Mairie de Paris

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]