Educação dos filhos Sustentabilidade

Educação ambiental para crianças

O planeta Terra é a única casa que nós temos. Todos os recursos necessários para a nossa sobrevivência são provenientes da natureza, mas não vão durar para sempre. Isso porque nós não fazemos um uso consciente e ecológico do que está ao nosso redor e não conseguimos preservar adequadamente o que nos resta.

Felizmente, tomar consciência sobre o problema é o primeiro passo para superá-lo. Ainda não é tarde para disseminar a educação ambiental entre os adultos, que devem mudar os hábitos que adquiriram ao longo da vida, e entre as crianças, que já vão aprender a cuidar do mundo do jeito certo.

Afinal, são as crianças que vão habitar a Terra pelas próximas gerações, e é justo que elas aprendam a cuidar do planeta com mais atenção do que os adultos, nesse sentido. Quanto antes a conscientização começar, melhor! Continue lendo o artigo para saber mais sobre o tema.

A importância de falar sobre educação ambiental para crianças

Você já ouviu falar que é mais fácil aprender inglês durante a infância do que durante a vida adulta? Isso acontece porque nos primeiros anos de vida estamos mais abertos a novas experiências, não temos tanto medo de errar e conseguimos evitar os vícios de linguagem tão comuns entre os adultos.

E nós podemos levar essa explicação para outros âmbitos das nossas vidas, como a educação ambiental. Quando nos tornamos adultos, acabamos reproduzindo hábitos prejudiciais para o planeta quase sem perceber, hábitos que vieram das gerações anteriores às nossas, menos conscientes sobre essa questão.

Assim, mesmo quando percebemos que estamos fazendo algo de errado todos os dias, temos dificuldade para mudar essa parte da rotina, por mais simples que seja. Se você já pensou sobre isso, deve ter imaginado que tudo seria mais fácil se você tivesse aprendido do jeito certo desde cedo, não é?

Mãos de um homem adulto e mãos de uma criança segurando uma muda de uma planta.
Arthon meekodong / Canva

É por isso que a educação ambiental deve começar na infância. É nessa fase da vida que as crianças aprendem como o mundo funciona, desenvolvem a consciência social e agem com mais solidariedade. Logo, é o momento ideal para explicar que o mundo precisa de ajuda, para que o futuro delas seja melhor do que o presente.

Com mais disposição para aprender e para incorporar novos hábitos, as crianças assumem o compromisso de seguir as regras que protegem a natureza. Conforme crescerem, é provável que continuem reproduzindo aquilo que fazem desde sempre, com a certeza de que estão deixando uma marca positiva no mundo.

No próximo tópico, aprofunde-se nos objetivos da educação ambiental para crianças. Dessa maneira, você vai entender como esse aprendizado pode transformar a sociedade em que vivemos e o planeta que será construído pelas mãos ainda pequenas.

Objetivos da educação ambiental para crianças

Segundo a UNESCO, Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura, existem quatro objetivos principais da educação ambiental para crianças. Descubra cada um deles:

1) Conscientizar e sensibilizar as crianças sobre os problemas ambientais

Os problemas ambientais existem há décadas, mas ainda não são tão discutidos quanto deveriam. É por isso que as crianças precisam se conscientizar sobre o tema, de forma a manter os olhos abertos para essa questão no presente e no futuro. Dessa forma, é mais provável que elas sejam sensibilizadas por essa causa.

2) Fomentar o interesse das crianças em relação ao cuidado e à melhoria do meio ambiente

Além de identificar os problemas ambientais, as crianças precisam desenvolver o desejo de solucionar essa realidade. Ainda que elas não possam promover grandes mudanças sozinhas, devem se manter interessadas pela possibilidade de fazer isso quando crescerem. Ou seja, as crianças estarão sempre comprometidas com a necessidade de cuidar da Terra.

3) Desenvolver na infância a capacidade de aprender sobre o meio que cerca as pessoas

Uma mão segurando um globo espelhar que reflete um ambiente verde.
Voicu Oara de Pexels / Canva

A compreensão de quem somos é importante, mas também deve se basear no entendimento do ambiente que nos cerca. É a partir desse aprendizado que uma criança pode se reconhecer no mundo onde vive e no papel que ela deve desempenhar na sociedade, uma vez que vivemos em comunidade.

4) Ampliar os conhecimentos ecológicos das crianças

É importante que as crianças saibam o que são os recursos naturais, como os ecossistemas funcionam e como conseguimos obter itens como energia, água e alimentos. Com a educação ambiental, elas adquirem mais consciência sobre essas questões, favorecendo o uso consciente daquilo de que precisamos diariamente.

Como ensinar crianças sobre educação ambiental

Agora que você já sabe quais são os objetivos da educação ambiental, está na hora de colocar em prática esse tipo de aprendizado para os pequenos. A partir das dicas que preparamos, entenda como ensinar as crianças sobre o meio ambiente:

1) Desenvolver o contato com a natureza

O contato com a natureza é o primeiro passo para que as crianças se tornem conscientes sobre o ambiente ao redor delas. Um passeio no parque, uma viagem para a praia ou até cultivar uma horta em casa são maneiras de aproximá-las do planeta.

2) Ver animais em fazendas, viveiros e zoológicos

Para as crianças, é mais fácil compreender aquilo que elas podem ver, tocar e cheirar. Então é importante que tenham contato com animais em fazendas, viveiros e zoológicos, para que desenvolvam empatia por essa parte da natureza e pensem nessa experiência por muitos anos.

3) Ajudar a limpar parques e praias

Uma pessoa recolhendo lixo de uma praia.
doble-d de Getty Images / Canva

Acompanhadas de responsáveis, as crianças podem ajudar a limpar parques e praias, recolhendo o lixo, por exemplo. Ainda que seja obrigação das pessoas jogar o lixo no lugar certo, é fundamental que os pequenos entendam que podem fazer um gesto simples para preservar as florestas, os rios e os mares.

4) Praticar a separação de resíduos nos lixos adequados

As crianças precisam se conscientizar sobre o destino adequado do lixo que todos nós produzimos. E uma das maneiras mais eficientes de fazer isso é ensinando sobre reciclagem, com a separação de resíduos nos lixos adequados.

5) Conversar sobre os problemas ambientais

Embora as crianças ainda não possam se aprofundar em questões ambientais, devemos conversar com elas sobre isso. A partir desse processo, elas conseguem pensar sobre o assunto, formar uma opinião e desenvolver curiosidade pelo assunto. Como consequência disso, quando crescerem poderão debater sobre o tema e tomar atitudes.

Você também pode gostar

Levando em conta cada informação apresentada, compreendemos que a educação ambiental é primordial para as crianças. Elas são o futuro do planeta e precisam aprender as melhores maneiras de cuidar dele, recuperando a natureza e restaurando o equilíbrio entre pessoas e meio ambiente. Defenda esse tipo de aprendizado!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br