Autoconhecimento Coaching

Perdi o emprego: como o Coaching pode me ajudar?

Em uma época de crise, como a que vivenciamos no momento, muita gente está perdendo o emprego e a dificuldade para conseguir outro é muito grande. Os contatos que tenho no mercado empresarial mostram um momento difícil e delicado em que a maioria das empresas está passando por grandes dificuldades, seja ela micro, pequena, média ou grande.

Isso sem falar na área governamental e empresas estatais que, além da crise econômica, passam por uma crise ética e moral sem precedentes na história do nosso País. Os valores morais que nos são passados pelo noticiário são que mentir e roubar faz parte da nossa cultura e que sempre foi assim. É isso que queremos passar para a juventude brasileira? Será que esse pessoal consegue dormir à noite participando de tantas falcatruas e deteriorando o sentido de ética, moral e honestidade de uma nação?

Estou citando esses pontos porque, infelizmente, eles afetam e abalam a condição psíquica e mental de todos nós, principalmente aquele que já está abalado pela perda do emprego e não sabe que caminho seguir.

Li recentemente que as empresas de colocação e recolocação profissional (os chamados Head Hunters) estão recebendo uma quantidade enorme de currículos em busca de emprego e o pior é que o pessoal se candidata para qualquer tipo de vaga, mesmo sem relacionamento direto com a formação e experiência do candidato. Isso mostra, no meu entender, desespero e desorientação no caminho a seguir, mesmo porque as contas para pagar continuam chegando, com ou sem emprego!

É aí que o Coaching pode ajudar: não na recolocação no mercado (não é papel do Coach), mas na ajuda da identificação do potencial da pessoa. Trata-se de uma ótima oportunidade para rever alguns conceitos, pensar fora do usual, buscar novos caminhos e novas oportunidades. Ajuda também a identificar habilidades e competências que abram novas portas, seja para um novo emprego ou para um negócio próprio.

shutterstock_170897903-2Um Coaching de Carreira poderá auxiliar a definir objetivamente quais são as competências atuais da pessoa e escolher as metas e objetivos profissionais a serem alcançados.  Definirá um plano de ação para se atingir a meta escolhida e também buscará identificar os obstáculos que surgirão pela frente, bem como os meios de superá-los. Adicionalmente trará um fortalecimento da confiança e autoestima, melhorando a postura com relação à liderança de equipes e com suas habilidades para se comunicar e tomar decisões.

Um bom processo de coaching pode ajudar também a identificar um diferencial próprio e pessoal para tirar a pessoa da vala comum, ou seja, sua marca pessoal!

Independente do caminho a seguir, o mundo de hoje nos obriga a utilizar os meios de comunicação digitais e pessoais da maneira mais ampla possível. O contato pessoal é ainda muito importante e pode ser decisivo, mas a mídia digital (Facebook, Linkedin, Twiter, Wahtsapp e outros tantos) se torna uma excelente ferramenta de comunicação e exposição no mercado, o famoso “networking”. As empresas buscam cada vez mais informações sobre os candidatos nas redes sociais, por isso temos que tomar cuidado com o que publicamos ou seguimos.

Como lembrete, enquanto busca as novas oportunidades de emprego ou carreira, use seu tempo para obras sociais, estudos e aprimoramento do seu conhecimento geral. Isso pode te ajudar a ser uma pessoa melhor.

Como diz o ditado popular: crises e dificuldades surgem na nossa vida como novos desafios e nos tiram da zona de conforto. Trazem oportunidades para novas descobertas, novos aprendizados e novos caminhos. Aproveite!

Sobre o autor

José Helio Contador Filho

José Helio Contador Filho

Engenheiro Politécnico/USP com especializações nacionais e internacionais, pós-graduado em Musicoterapia Organizacional e Hospitalar. Formado como Conselheiro de Administração pelo IBGC/SP, Coach internacional pelo ICI/SP e Technician em Neurobusiness pelo Instituto Brasileiro de Neurobusiness.

35 anos de experiência (nacional e internacional) como executivo na Siemens Brasil/Alemanha, Ford Brasil, Presidente para a América do Sul da Visteon Sistemas Automotivos e CEO do GRAACC Hospital de Câncer Infantil, incluindo vivência como conselheiro de diversas instituições nacionais.

Atual Sócio-diretor da HCont Consultoria, Coaching e Neurotreinamentos de Alta Performance. Palestrante, autor de livros e artigos, além de presidente voluntário das instituições filantrópicas Instituto Cândido de Desenvolvimento Social e O Semeador Instituto de Desenvolvimento Humanitário e Assistência Social.

E-mail: [email protected]
Site: www.hcont.com.br