Comportamento

Ano Novo: definindo metas possíveis para o novo ano

Quando o segundo semestre vai se adiantando e o fim de ano vai chegando, não tem jeito. É comum que todos nós fiquemos animados com a chegada de um novo ciclo. Também é possível dizer que é igualmente normal ficarmos frustrados quando o assunto é definir metas.

Quem nunca se entristeceu nesse período, ao perceber que deixou passar várias metas definidas no ano anterior?

Essa sensação é mais natural do que parece, pode acreditar que acontece com todo mundo. Para ficar mais tranquilo, você sabia que existe até um dia definido por especialistas que é conhecido como o momento em que as pessoas começam a desistir das metas de fim de ano? É o chamado “Quitter’s Day” que acontece em 19 de janeiro e foi instaurado pelos responsáveis pelo aplicativo de corridas e metas Strava.

Eles analisaram os dados e perceberam que esse é o dia em que as pessoas começam a desistir das metas do ano com mais frequência. Tranquilize-se e conheça uma série de métodos para construir e cumprir as suas metas de Ano Novo. Seja realista com os prazos e respeite o tempo de cada coisa. Neste artigo, você aprenderá métodos essenciais, como o Smart, além de conferir dicas sobre o melhor planejamento para essas metas.

Como definir metas para o Ano Novo?

Definir metas para o ano pode ser algo bem simples. Nem sempre precisa ser esse bicho de sete cabeças todo. Para que as coisas sejam mais fáceis, você pode começar inserindo metas mais realistas na sua vida. Aí você pode se perguntar: como ser realista?

Bom, comece estabelecendo prazos para essas metas. Não precisa agir com muita rigidez, mas é importante que os prazos existam para que essas metas sejam cumpridas com mais incentivos e vigor.

Mas não se esqueça, os prazos não devem ser rígidos, você não vai sempre tentar mudá-los, mas, em caso de necessidade, não há problema. O importante é acompanhar o próprio avanço e realizar um estudo de autoconhecimento muito importante.

O método Smart

15299 / Pixabay

Uma das principais dicas que se pode passar é a utilização do método Smart para a realização das suas próprias metas de Ano Novo. Você já ouviu falar desse tipo de planejamento de metas?

O método Smart foi desenvolvido no mundo corporativo, mas funciona em qualquer situação. Você pode aplicá-lo na sua vida com a mesma determinação do setor empresarial. O nome vem das iniciais dos termos em inglês: S (Específica), M (Mensurável), A (Atingível), R (Relevante) e T (Temporal).

Perceba como esses fatores de definição das metas sempre levam a pensar na objetividade dessas escolhas e dos caminhos a serem traçados. A especificidade diz respeito à clareza necessária no momento da definição dessas metas. Também é preciso medir a realidade dessas escolhas, por isso o termo “mensurável”.

A relevância está atrelada à importância dessas metas para todos os envolvidos e o impacto que elas podem causar ao seu redor no futuro. Quando se fala na questão temporal, voltamos a citar a questão do prazo e de como ele é essencial na realização dos planos.

Planeje e Replaneje

Se você viu que suas metas não deram certo da última vez, não desanime. Para o próximo ano, mantenha-se focado e com desejo de mudar tudo o que não funcionou. Afinal, metas não são feitas apenas para serem cumpridas.

O valor das metas também reside nas capacidades de mudança, no poder de estabelecer uma relação de diálogo com os seus planos para o futuro. Nunca se esqueça da importância de manter o foco e a autorreflexão.

Metas que você pode experimentar

Não importa se você já é uma pessoa acostumada a realizar uma lista de metas ou é principiante nisso, é sempre bom receber dicas e sugestões de opções para incrementar a sua própria lista. Acompanhe algumas metas selecionadas pelo nosso time.

  • Reservar uma parte do orçamento para viagens de férias
  • Fazer exercícios físicos regularmente, pelo menos 4x na semana
  • Frequentar restaurantes 2x por mês
  • Realizar mensalmente um passeio em lugares com muita natureza (praias, parques)
  • Ler pelo menos um livro de ficção por mês
  • Fazer uma doação para uma instituição de caridade
  • Doar sangue pelo menos 2x por ano

Você também pode gostar

E para fechar o assunto, aqui vai uma dica bem importante. O legal das metas é que você pode ir incrementando. Se a sua frequência de exercícios aumentou, então também aumente a meta. Nada é fechado e padronizado, pois essas ações servem para organizar melhor os seus dias e estabelecer o foco como uma ferramenta aliada na sua busca por uma vida mais saudável e cheia de objetivos alcançados.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br