Autoconhecimento

Cada um terá a vista a montanha que subir

As pessoas sonham, desejam, esperam, mas nem todas realizam. Por que? O que acontece quando desejo muito uma coisa, mas não consigo realizá-la? Todos nós queremos ser felizes, pelo menos é o objetivo de quase todo mundo. Corremos atrás da felicidade como um garotinho feliz corre atrás da bola. Só que algumas vezes a bola é mais veloz do que nós, nos deixa para trás, tristes e desapontados.

Criamos então um vazio, uma falta de perspectiva. Para onde foram os nossos sonhos? Ou melhor dizendo, para onde foi a nossa vontade de realizar? Será que criamos expectativas demais? Será que sonhamos muito alto? Ou será que não focamos o suficiente para que esses desejos se realizassem? Ah, que bom seria se fechássemos os olhos e desejássemos firmemente algo e tudo se realizasse como em um passe de mágica! Mas a realidade é outra.

Precisamos lutar pelo que desejamos, nos focarmos, criarmos um ambiente propenso à realização. E como fazemos isso? Nos dando a chance de nos capacitarmos, sendo perseverantes e atentos a tudo aquilo que pode nos auxiliar a realizar nosso objetivo. Ninguém constrói sem um bom alicerce, sem uma boa base. Algumas pessoas contam com a sorte, com o auxílio de alguém, mas até onde isso irá nos levar se não formos competentes o suficiente?

Acredito que tudo é possível para quem tem fé em si mesmo, se valoriza, acredita em seu potencial e se ama. É uma construção no dia a dia. É necessário aprender a se amar, se capacitar, se informar, se abastecer de elementos que lhe trarão conhecimento (sobre si e sobre as coisas que lhe interessam). Quem se ama, se cuida mais, por consequência procura se aprimorar, fica “antenado’ com o mundo, cuida da saúde, melhora seus conhecimentos, aprimora seus talentos.

Ninguém consegue escalar a montanha sem os equipamentos corretos. Se assim for, no primeiro vento a tendência é cair. Toda escalada envolve planejamento, conhecimento do local e fé em si mesmo. Lembre-se: cada um terá a vista da montanha que subir. Eu espero que sua subida seja gloriosa, sem muitas intercorrências (mas elas existem e devem ser solucionadas) e que sua vista seja a mais bela possível. E, por fim, finque sua bandeira no topo e orgulhe-se disto.

Sobre o autor

Lúcia Maria de Almeida

Lúcia Maria de Almeida

Sou formada em Administração de Empresas, duas pós-graduações na área administrativa, reikiana, esteticista facial e atualmente faço um curso de Psicanálise Integrativa. Sou colunista do site "O Segredo" e tenho duas páginas no Facebook e uma no Instagram com textos e poemas.

Contatos:

(19) 9-9199-4771 Campinas-SP.
Instagram: @palavrasamais
Facebook: facebook.com/lucia261292 | facebook.com/palavrasmais | facebook.com/Viverintenso |