Autoconhecimento Convivendo Relacionamentos Toda forma de amor

Consideramos justa toda forma de amor…

“Consideramos justa toda forma de amor…”

Lulu Santos

Porque amar só faz bem…

Sabe quando o que você sente é tão imenso, puro e vem carregado de emoção que tudo o que se pode fazer é deixar viver tanto amor?

Você sorri à toa, vibra à toa e pra você, só pra você… Não é nada à toa: há uma razão muito especial que só você conhece para sentir-se assim… Tão bem e feliz!

Houve um tempo em que quando relacionávamos a palavra amor a uma imagem, logo ela nos vinha à mente assim: um casal, na praia, mãos dadas, sorrisos e a vida inteira para amar. Lindo!

E hoje? Você, quando ouve ou quando relaciona a palavra amor, tem a mesma ideia, percepção? Para você, qual a imagem que lhe vem a mente quando ouve ou lê esta palavrinha tão bendita “Amor”?

Amor: sentimento de vivo afeto e inclinação a uma pessoa para a qual se deseja tudo o que for bom.

Esta definição encontrei em um dicionário espanhol, mas isso importa? Devemos, de fato, nos prendermos às definições e conceitos, quando o sentimento por si só se explica?

Agora me lembrei do Mestre Drummond dizendo que, quando a gente explica muito… Não é amor:

“Se você sabe explicar o que sente, não ama, pois o amor foge de todas as explicações possíveis.”

Então, ame até poder mais e mais. O amor com amor se paga e aquela sensação de que tudo flui quando amamos é certeira: você não se perde se doar amor… Você não entristece e nem se queixa… O amor é poderoso e faz bem para a saúde!

Amando em tempos modernos?

Quem você ama?

amor

Quem amamos não quer dizer se estamos certos ou não, se há regras e se estabelecemos um limite entre o certo e incerto. Provável e improvável. Significa que amamos, aceitamos e o quanto fomos tomados pelo sentimento. As muitas formas deste sentimento não devem ser taxadas e agrupadas, com o intuito de proliferar ideias retrógradas e maldosas.

Interessante como, com o passar do tempo, notamos tantas coisas em desuso, fora de moda, mas esse tal do “amor” está sempre em alta!

Interessante também os caminhos em que se nasce uma relação de amor entre as pessoas, em que se estabelece um contato saudável, genuíno e agradável. O amor se manifesta em diversos tipos de relacionamentos, seja ele  de amizade, seja através de uma característica do outro em especial que lhe faz enxergar algo mais, e passada a euforia da atração, você se vê submerso em um sentimento que já não é mais conflitante e só lhe faz bem…

“O amor tem feito coisas… Que até mesmo Deus duvida…”

Ivan Lins

​Vou ter que pedir licença à Mestra Maior, Clarice Lispector, e parafrasear aqui uma coisinha pra você que ama: “Renda-se como eu me rendi, mergulhe naquilo que você não conhece assim como eu mergulhei… Viver ultrapassa qualquer entendimento.”​

Importante

O Ministério do Eu Sem Fronteiras adverte: amar faz bem para a saúde. E como!

Sobre o autor

Claudia Jana Sinibaldi Bento

Claudia Jana Sinibaldi Bento

Olá, sou a Claudia Jana Sinibaldi Bento, metade brasileira, sendo a outra metade encontrada na Espanha… rs... e aqui compartilho o que aprendi ao longo desta trajetória, seja estudando, traduzindo, escrevendo, lendo ou conversando… ah, melhor ainda: conhecendo pessoas que me acrescentaram o que carrego como sendo meu tesouro mais precioso: conhecimento. São anos aqui e ali, onde me chamam ou aonde eu simplesmente vou, para aprender, ajudar, sentir… e assim sigo esta estrada rumo ao autoconhecimento, evolução e simplicidade! Vem comigo aprender! Ah, também quero aprender com você!

Email: [email protected]