Autoconhecimento Relacionamentos

Check list para um bom relacionamento

Mulher segurando caneta, ao lado de três caixas desenhadas em uma parede, todas com tiques, e a palavra "checklist" escrita embaixo.
123rf/melpomen
Ana Cláudia Nogueira

Parece óbvio, mas as pessoas, no geral, não são orientadas a fazer um “check list” consciente quando vão se envolver em relacionamentos interpessoais.
Passam a vida reclamando das decepções que tiveram com amigos, parentes, colegas de escola ou trabalho, parceiros afetivos e repetidamente, mantendo os mesmos padrões, se envolvem com outros e outros, acumulando infinitas frustações.

Para fazer escolhas e tomar decisões é preciso usar a razão e a emoção. Usar a máxima verdade para consigo mesmo possibilita as chances dos acertos serem maiores.

Sete portas idênticas lado a lado, seis delas são brancas, menos a terceira da esquerda para a direita, que é amarela.
Pixabay/Arek Socha

Verificando no seu íntimo o que realmente se deseja escolher, siga a análise dos tópicos como caráter, temperamento, fé, religiosidade, profissão, afeição ao trabalho, o biotipo, o tipo de beleza física e intelectual, a sincronia no aspecto sexual, no estilo de vida, no estilo estético, as condições de saúde e higiene, o grau de autocuidados físico e mental, bem como para com seus pertences, o grau de escolaridade, de intelectualidade, de interesse pelo conhecimento e pela cultura, as condições sociais, financeiras, os tipos de anseios, metas e propósito de vida. Assim, você chegará mais próximo do resultado que busca, para ver se o outro se encaixa nas expectativas de suas escolhas.

Você também pode gostar

Desde a infância, é preciso ensinar o respeito pela própria individualidade. A partir disso, é possível compreender o que se faz necessário para si e, assim, fazer escolhas e estar preparado para as consequências que decorrerão delas.

O que se quer e espera do próximo nem sempre suprem as expectativas. Vive-se em comunidade e, portanto, sempre, de algum modo, depende-se de outros para que suas escolhas aconteçam. Mas nem sempre o outro, que também tem escolhas, faz acontecer como se sonhou e desejou.

Todos tem crenças, limitações, sentimentos e o livre arbítrio. Isso permite fazer escolhas e definir onde e com quem se quer estar. E quanto menos frustrações for acumulando em relação ao outro ou em relação às expectativas, mais se respeita e se liberta dos traumas e engramas.

Portanto, fazer escolhas, acreditar e respeitar o outro e não desviar do objetivo escolhido é o grande aprendizado que desde muito cedo tem que se ter.

Acreditar em si é ter respeito e fé. Respeitar a escolha do outro também. E quando isso acontece tudo flui, porque não há empecilho, e outros caminhos se abrem para se fazer acontecer a escolha.

Fazendo o “check list” para consigo mesmo, automaticamente se estará com sabedoria atraindo o que é semelhante, em vibração.

Tópicos da “check list”:

  1. Caráter
  2. Temperamento
  3. Fé/Religiosidade
  4. Trabalho/Profissão
  5. Saúde
  6. Autocuidados/Asseio/Higiene
  7. Conhecimento/Cultura/Intelectualidade
  8. Biotipo /Beleza
  9. Virilidade/Sexualidade
  10. Condições sociais e financeiras
  11. Elegância/Estilo
  12. Anseios/Metas/Propósito de vida
Quadro escuro com linhas feitas de giz e caixas desenhadas ao lado delas. Apenas uma das caixas está marcada com um tique.
Pixabay/Gerd Altmann

Bons convívios trazem trocas, amadurecimento, crescimento conjunto e é muito prazeroso estar em convívios equilibrados, onde naturalmente tudo flui.

A confiança, a paz, o equilíbrio e a alegria se instalam e as coisas acontecem harmonicamente, como a energia da natureza.

Faça escolhas conscientes e leais e se permitirá ser muito mais feliz!

Sobre o autor

Ana Cláudia Nogueira

Ana Cláudia Nogueira

Médica formada em 1997 pela faculdade de medicina de jundiaí-são paulo.especialista pela federação brasileira de ginecologia e obstetrícia. pós-graduada em biofísica quântica e biorressonância aplicada. pós-graduada em gestão de saúde e especializada em auditoria médica pela Fundação Getúlio Vargas. atuou nos hospitais Pérola Byington - centro de referência da saúde da mulher, Hospital Maternidade Modelo Vila Nova Cachoeirinha e atua na rede Pro Matre/ Santa Joana em São Paulo. Desde sempre em busca da verdadeira saúde, da integração mente, corpo e espiritualidade já realizou diversos cursos em medicina integrativa, preventiva e funcional.

Contatos
Email: anaclaudiascarabel@msn.com
Instagram: @anaclaudiascarabel