Autoconhecimento Coaching

Como ser um grande líder?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Não se importa com o bem-estar dos funcionários ou “Não escuta sugestões”, “Teimosia ao extremo”, “Falta de educação”, entre tantos outros. Os motivos são diversos, mas, em geral, a insatisfação é a mesma: tem muita gente por aí que não se dá bem com seus patrões.

Seja o dono de uma grande companhia ou o diretor que tem contato com a equipe, não importa. Todas as pessoas que tenham liderança sob um ou mais funcionários precisam aprender a ser grandes líderes. Talvez essa não seja uma tarefa fácil, é verdade. Mas é possível e absolutamente necessário.

Um líder não empurra a equipe para frente. Ele dá motivos para que cada funcionário tenha força e vontade para andar e evoluir por si só. Um líder deve ser admirado por sua equipe, e não temido.

Um líder é inspirador, decisivo, visionário e humilde. Sabe que boas ideias não vêm necessariamente dele próprio, mas sim daqueles que vivem diariamente seu produto ou serviço. Um bom líder sabe escutar, mas toma decisões; sabe enxergar lá na frente para prever crises, mas também dá atenção aos pequenos detalhes; é apaixonado pelo que faz, mas sabe ser cético nos momentos certos; se preocupa com o bem-estar e a felicidade dos funcionários, afinal pessoas felizes trabalham melhor.

Realmente, um líder precisa ter muitas características e, com certeza, elas não aparecem de um dia para o outro. Porém, se você é um líder, precisa trabalhar cada uma delas dia após dia. É um esforço diário e cada pequena evolução será percebida por sua equipe. Acredite!

O Eu Sem Fronteiras listou abaixo dez dicas que, em conjunto, podem te ajudar a melhorar sua liderança e a fazer com que seus liderados admirem-no e se inspirem em você.

  • Alie objetivos com valores organizacionais

Objetivos são importantes e necessários. Metas movem uma empresa e, sem elas, corre-se o risco de estagnar. Porém, metas e objetivos devem estar diretamente ligados com os valores da empresa. Alcançar algo não significa, de jeito nenhum, ultrapassar limites de convivência e de princípios éticos para que isso aconteça. Mesmo que as vitórias demorem um pouco mais para acontecer, devem vir acompanhadas de muito suor e trabalho duro, honestidade e dedicação. Mostre para a sua equipe que você está preocupado em atingir metas e ultrapassar desafios propostos, mas a forma como a empresa anda é também muito importante para você.

  • Segurança e comunicação

Tenha uma equipe onde cada membro sinta segurança de falar o que pensa, dar sugestões, críticas e possíveis soluções para problemas. Muitos líderes intimidam seus funcionários e isso os oprime. É importante que eles se sintam seguros e, de fato, membros da equipe. Mostre que não precisam ter medo de você. Seu papel é tomar as últimas decisões, mas as decisões só são postas em prática por seus funcionários, por isso cada um é importante dentro de uma organização. Afinal, sem eles, você não faria muita coisa, certo?

  • Reconheça e aproveite talentos

Reconheça os talentos pessoas de cada membro de sua equipe para extrair o melhor que cada um deles pode oferecer à empresa. Converse com cada um de seus funcionários separadamente. Pergunte o que eles gostam de fazer, o que eles gostariam de fazer, o que sabem ou querem aprender a fazer e o que não gostam de fazer. Molde-os (dentro do possível, é claro) para que cada um faça o melhor que puder e se torne um verdadeiro talento.

  • Proponha desafios

Se sua equipe está confortável com o trabalho que exerce, proponha desafios ainda maiores. Dessa forma, a organização vai crescer a cada dia. Mostre que eles próprios sentirão os benefícios desse crescimento, recebendo aumentos, tendo um ambiente de trabalho mais confortável, estabilidade profissional, maiores chances de crescimento, entre tantas outras coisas.

  • Recompense e valorize

Mesmo que resultados financeiros ainda não estejam à vista, é importante reconhecer o esforço de seus funcionários, nem que seja com uma conversa, uma palavra de agradecimento e incentivo, ou, se for possível, reconhecimento salarial ou em benefícios. Lembre-se de que um funcionário valorizado trabalha melhor, mais motivado e mais feliz. No entanto, é preciso ter cuidado. Deixe absolutamente claro que possíveis aumentos salariais ou qualquer tipo de incentivo é apenas fruto do trabalho duro. Porque ter favoritos numa equipe é muito ruim. Se isso acontecer, você perderá a confiança e o empenho do restante de seus funcionários. Então, lembre-se de reconhecer a dedicação. O favoritismo não deve acontecer.

  • Inspire-se e seja inspirador

Um grande líder é motivo de inspiração para sua equipe. Mas para ser inspirador é necessário agir como uma pessoa inspiradora. Então, sempre que possível, busque fontes de inspiração, como outros líderes famosos: Martin Luther King, George Patton, Mahatma Gandhi, Vice Lombardi, Tommy Lasorda, entre tantos outros. Sua inspiração pode vir de livros, músicas, bons filmes, ou tantas outras fontes. Uma boa forma de inspirar uma equipe, inclusive, é separar uma ou duas horas por semana para mostrar-lhes um filme, um livro, uma mensagem ou qualquer outra fonte inspiradora, para que eles voltem ainda mais dedicados ao trabalho.

  • Seja o que você quer que eles sejam

Em outras palavras, dê o exemplo. Todas as atitudes que você quer de seus funcionários devem partir de você. É como uma família: o que o pai fizer, o filho vai imitar. O que o líder fizer, a equipe vai imitar. Se você trabalhar pouco, for preguiçoso ou mal educado, sua equipe será exatamente igual. Líderes são observados o tempo todo. São como um espelho para os funcionários. Então, seja exemplo de excelência e você conseguirá uma equipe excelente.

  • Ambiente de trabalho sadio

Não abuse de seu poder, não estresse seus funcionários, não permita falta de respeito, ou qualquer outra situação degradante. O ambiente de trabalho influencia diretamente na produtividade dos trabalhadores. Então, se for um local onde as pessoas podem rir e relaxar por alguns minutos e que tenha uma energia positiva, o trabalho vai fluir melhor. Então, seja otimista, positivo e bem-humorado. Permita que o ambiente seja leve para ser produtivo.

  • Seja honesto

A honestidade é primordial. Seja honesto para que seus funcionários sejam honestos com você. Se a empresa tem prejuízo, conte a eles. Se houve lucro, fale também. Eles precisam saber a realidade. Compartilhe todas as informações que puder sobre a empresa, porque eles precisam saber onde estão trabalhando, qual o cenário atual e qual o cenário ideal. Dessa forma, você elimina possibilidades de picuinhas e fofocas internas.

  • Saiba comandar

Comandar não é ser ditador. Comandar é delegar funções, o que é essencial para uma empresa organizada, produtiva e que dê lucros. Você precisa fazer com que sua equipe entenda que você é amigo nos momentos de lazer, ouvinte no momento de dar sugestões e críticas e também comandante quando for preciso delegar funções. Essa relação completa entre líder e liderados fará com que te respeitem.


Texto escrito por Giovanna Frugis da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]