Autoconhecimento Energia em Equilíbrio

De que forma a vida devolve em dobro as coisas boas e ruins que desejamos aos outros?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
É muito comum escutar que aquilo que desejamos aos outros pode voltar pra nós, desde desejos bons até coisas ruins. Na prática, até parece difícil compreender isso, não é mesmo? Mas a lógica não é tão complicada assim.

Essa é uma lei do universo, como aquela questão do positivo e negativo. Sabe a velha história de que o mundo dá voltas e a vida conspira, assim como as energias? E quando falamos de energia estamos falando exatamente sobre aquilo que desejamos aos outros.

Desejos internos

A lei do universo não erra
Não é preciso anotar no papel as coisas boas que você fez e desejou aos outros, esperando que a vida lhe retribua cada centavo de sua generosidade. Também não espere sentado que aquela pessoa que tanto lhe magoou irá sofrer no caldeirão da morte. Não estamos falando disso. Falamos de desejos, aqueles desejos internos que nem sempre os sorrisos expressam.

Falamos da inveja alheia, da felicidade interna em ver o outro sofrendo ou até mesmo naquela sensação de alegria ao saber que o projeto daquele velho conhecido seu não deu certo, mas que você expressou a sua força.

Lei do universo

Por mais que você talvez insista em achar que essa lei do universo não seja lá tão forte assim, é melhor acreditar que sim. Por isso, não deixe de desejar coisas boas aos seus próximos e aos inimigos, aqueles que você não gosta tanto assim. Não precisa desejar uma vida maravilhosa, mas deseje o bem e isso já vai lhe fazer bem também.

Mas deseje todas as coisas boas de coração aberto, com toda felicidade que você possa sentir por essa pessoa. Mesmo que a afinidade não seja tanta, seja grato por todo o aprendizado e pelas ocasiões que a vida lhe apresentar algumas dificuldades.

Todos estamos juntos nesse planeta e o que pode unir todo mundo é o amor. Mesmo que as notícias ainda sejam carentes de coisas boas, saiba que elas existem e que há tanta coisa boa acontecendo por aí, mas que você não sabe.

Gratidão e lei do universo

Voltando à lei do universo, comece a ser grato pelas coisas que a vida lhe apresentou. Qualquer dificuldade será construção. Não fique remoendo coisas do passado e criando expectativas com o futuro. Em vez disso, apenas entregue seus desejos ao universo. Entregue suas vontades que o melhor para você irá conspirar.

Comece a ser grato pelas situações que a vida lhe apresentar, das mais simples às grandiosas. Além disso, acredite na lei do universo. Deseje o bem aos outros, queira que os sonhos deem certo, que sejam felizes e prósperos. A inveja é um mal interno que pode destruir a sua felicidade.

Batalhe para que sua vida seja colorida e cheias de coisas boas. E acredite você merece ser feliz. Por mais que existam fases difíceis, todas elas são favoráveis para o nosso crescimento. Tudo só depende da forma como você vai levar a vida. Não é segredo, não é mistério, captou? Que sentimentos e desejos você está espalhando por aí?


Escrito por Angélica Fabiane Weise da equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]