Autoconhecimento

Deixe a vida te transformar

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras



Transformações podem acontecer a qualquer momento de nossas vidas, sem uma prévia programação ou autorização. Mudança de cidade, de país, de carreira, o aparecimento de uma doença, o final de um relacionamento, mudança no visual, e muitas outras coisas. Mas, todos nós concordamos, que o medo do que desconhecemos fala sempre bem alto.

Nós, seres humanos, somos uma junção de tudo o que nos cerca, tudo que ouvimos, aprendemos, que nos toca, que conhecemos, que vemos, que comemos, ou seja, lugares, experiências e até mesmo pessoas. Os momentos mais decisivos acabam por nos paralisar. Mudar é essencial para nossas vidas, mas esse salto no escuro chega a amedrontar até o mais corajoso dos homens, nos faz tremer na base e deixa as pernas bambas.

É realmente libertador se deixar transformar pela vida, pelas coisas em que você acredita e por tudo que você aprendeu.

Se manter em zonas mais confortáveis e impedir que mudanças aconteçam nunca dá certo. Sempre que for necessário, a vida vai nos tirar do sério, nos virar do avesso, sem sequer um aviso e vai te pegar de surpresa, sem que você tenha se programado para isso.

Mas, veja bem. É bonito nos transformarmos, né? Todos os dias da nossa vida, a natureza acaba nos ensinando que isso faz parte do processo de viver e, em geral, as mudanças acontecem para o bem, para que outras coisas boas possam ter a chance de acontecer. E quando chegar a hora de partirmos dessa vida, iremos perceber que o que realmente faz sentido é o final para o começo, é o de trás para frente. Afinal, estamos todos aqui para viver.


Texto escrito por Flávia Faria Santos da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]