Autoconhecimento

Homens podem apoiar o feminismo?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Com as discussões recentes sobre abusos às mulheres nos mais variados ambientes, desde dentro do transporte público, nas residências, escolas e até mesmo denúncias de estupros coletivos, cada vez mais são levantados debates sobre o que pode ser feito para evitar esses problemas que causam cicatrizes na vida das vítimas para sempre. Entre os variados pontos levantados, um dos principais é a questão de como o homem deve ser inserido no combate aos abusos.

Se o homem é o responsável por essas ações, então ele tem condições de ser um defensor, ou melhor, um militante do movimento feminista? Muitas mulheres defendem que apenas elas próprias tem o entendimento por completo da opressão diária que vivem na sociedade. Cobranças, exigências, injustiças, fragilidade física e vistas como objetos por muitas pessoas, realmente as mulheres tem razão quando afirmam que um homem não sabe afundo o que elas sofrem diariamente. Embora seja verdade, esse argumento não é válido para descartar o apoio masculino para que as mulheres sejam respeitadas e tenham os mesmos direitos na sociedade.

Pegando como exemplo a abolição da escravidão, outro episódio execrável da história humana, mas já extinguido socialmente falando, grandes e importantes abolicionistas foram de etnia branca. A situação é a mesma: não compreendiam plenamente o que era ser escravo, mas foram humanos suficientes para entender a angústia do irmão escravizado e junto com eles lutaram para o fim dessa prática condenável.

Se homens podem sim apoiar o feminismo e o respeito às mulheres, o que podem fazer efetivamente? A primeira coisa, por mais óbvio que possa parecer, é o respeito. Antes de mais nada, a mulher é um ser humano, assim como eu e você que lê esse artigo. Muitos homens usam um pensamento errado de respeito à mulher quando se lembra de que poderia ser sua mãe ou irmã. Isso é errado, pois elas merecem toda a dignidade simplesmente por serem seres humanos.

Esse é o principal aspecto que um homem pode fazer para melhorar a sua conduta. A outra é orientar ao próximo para que reveja suas atitudes. Devido aos inúmeros casos de machismo na sociedade, muitas das atitudes dos homens às vezes são vistas de forma natural, sem necessariamente uma maldade, mas que necessitam ser repensadas para sejam extinguidas.


  • Texto escrito por Diego Rennan da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]