Autoconhecimento

Livros que ajudam a sua mente

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Os livros são verdadeiros tesouros do homem. É através deles que a nossa mente se aprimora e se abre para o mundo. Veja aqui alguns dos livros que ajudam a desenvolver a nossa mente e a nossa alma.

  • Marcel Proust – Em busca do tempo perdido

Marcel Proust é considerado o maior escritor de toda a França. O livro “Em busca do tempo perdido” é considerado muito mais do que um simples romance. Alguns dos temas abordados são sexualidade, amizade memória, ciúme.

  • Italo Svevo – Consciência de Zeno

O livro do escritor Italo Svevo retrata com fidelidade a vida dos burgueses. Na história, Zeno, considerado um inveterado fumante, se submete à psicanálise, mas logo em seguida acaba desistindo, porque passa a não acreditar mais nos pensamentos de Freud.

  • Thomas Mann – A Montanha Mágica

O livro “A Montanha Mágica” é o segundo romance grande do alemão Thomas Mann. Nele, conta-se a história de Hans Castorp que, ao visitar na Suíça uma clínica voltada para o tratamento de tuberculosos, amadurece subitamente, passando a frequentar rodas de debates de filosofia.

  • James Joyve – Ulysses

A obra “Ulysses” é considerada o romance de todos os romances. No livro, o romance moderno se reinventa.

  • Liev Tolstói – Guerra e Paz


O Livro de Liev Tostói é uma mistura de história e literatura. O romance analisa de maneira cuidadosa a invasão de Napoleão Bonaparte no ano de 1812 e seus funestos resultados. Além disso, é feito um exame minucioso entre a vida civil desta época.


Texto escrito por Flávia Faria da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]