Chakras Energia em Equilíbrio

Mantras para o Chakra do coração

chakra do coração
Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Em muitos momentos nos sentimos bloqueados, sem saber nos expressar corretamente e perdemos a noção de qual caminho devemos realmente seguir. Nessas ocasiões, é essencial trabalhar o chakra do coração (anahata).

chakra do coração

Ele é o centro de todos os nossos sentimentos, como o amor, o principal deles. Saiba como usar os mantras, com a ajuda de exercícios, para manter o seu coração em paz:

“Dar é receber”

Exercício: fique parado perto de uma árvore. Inspire e expire lentamente, sentindo o ar entrando e saindo de seus pulmões. Com a ajuda da inalação, você vai receber e sentir todo o ar limpo que a árvore filtrou. Respire e repita o mantra em seus pensamentos. Sinta a mudança acontecer dentro de você.

“Às vezes, deixar ir é a escolha mais poderosa”

Exercício: pegue uma rosa e comece a abrir cada pétala. Umas serão mais difíceis de serem removidas, outras sairão com mais facilidade. As difíceis são como problemas que não foram resolvidos, medos ou desamores… Ouça o seu coração bater e liberte-se de tudo isso. Permita-se respirar com amor e repita esse exercício uma vez a cada semana.

“Eu sou forte, estável e em paz”

Exercício: feche os olhos e cale todas as vozes que estão em tua mente. Tire todos os medos, dúvidas ou alegrias. Ouça apenas o som de tua respiração. Ouça o seu coração bater.

Lembre-se: você pode repetir esses exercícios quantas vezes quiser, mas entenda que eles não mudarão a sua vida por completo, eles te ajudarão a caminhar em paz.


Escrito por Caroline Bespalec da Equipe Eu Sem Fronteiras.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]