Astronomia Comportamento

Mudança da lua: como isso influência a vida das pessoas

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Você é daquelas pessoas que cortam o cabelo de acordo com a fase da Lua? Acredita que a mudança de Lua possa interferir na gravidez, indicando o início do trabalho de parto? Ou não acredita em nenhuma dessas teorias e considera a Lua apenas o satélite natural da Terra e nada mais?

Bem, o fato é que não há comprovação científica de que a mudança de Lua exerça mesmo tais poderes, mas é mais fato ainda que o satélite natural da Terra exerce um fascínio sobre todos nós.

Voltando ao passado

Não só na atualidade discutimos a influência que a Lua tem sobre nossas vidas. Essa cultura de usar as fases da Lua como referência vem desde o Período Paleolítico. Naquela época, a Lua Cheia, por fornecer maior claridade, era a fase ideal para a caça noturna.

As fases da Lua também têm certa influência nas marés. Mas esse efeito tem uma relação com o Sol – mais precisamente com o alinhamento entre a Terra, a Lua e o Sol, que é o momento em que a ação gravitacional do Sol e da Lua amplia seu efeito na massa marítima. Mas quando essas forças de atração entre os dois são opostas, não ocorre quase nenhuma diferença entre maré alta e baixa.

Graças a essa força, os pescadores costumavam usar o ciclo lunar como um determinante para a boa pescaria. Sendo assim, esse ciclo passou a ser uma referência para a marcação de intervalos de tempo e de períodos de festas e rituais, e com isso os calendários lunares passaram a ser a referência para a contagem de tempo, em especial entre os egípcios e os babilônios.

Imagem de uma floresta e ao fundo a lua cheia em uma noite estrelada.
Imagem de Syaibatul Hamdi por Pixabay

Na cultura popular

Há os que acreditam que a mudança de Lua pode, sim, influenciar diversas circunstâncias, como indicar a melhor época para plantar e fazer a colheita. Também há a crença de que cada fase lunar interfere no resultado do corte de cabelo – a Lua Cheia confere volume às madeixas; a Nova tem o poder de revitalizar a cabeleira; a Crescente é a fase ideal para quem quer ter cabelos de Rapunzel; já a Minguante tem a capacidade de afinar os fios).

Mudança de Lua e parto

Para algumas pessoas, a Lua pode influenciar a gestação e o parto (muito dessa crença se deve ao fato de que o ciclo lunar tem quase a mesma duração que o ciclo menstrual. O ciclo da Lua dura aproximadamente 29 dias). Embora não haja evidências científicas sobre esses fatos, considerados mera superstição, a força da crença popular é enorme. Segundo essa crença, a gestante pode entrar em trabalho de parto na mudança de Lua (para a Cheia).

A Lua na mitologia e no folclore

Várias lendas mitológicas fazem apologia à Lua. No folclore, a mais famosa é a do lobisomem, em que um homem comum se transforma em lobo em noites de Lua Cheia e sai para caçar outros humanos.

Na mitologia grega, cada fase da Lua tem uma deusa representante: Selene (Lua Cheia), Ártemis (Lua Crescente) e Hécate (a quem são dedicados os quartos Novo e Minguante). Na mitologia tupi-guarani, Jaci é a deusa que representa a Lua. Mesmo em culturas que não adoram deuses, a Lua tem importante papel, em especial em ciclos da vida.

Imagem de uma ponte sobre o mar em um início de noite. Ao fundo a lua chei ilumina a paisagem.
Imagem de Myriam Zilles por Pixabay

A Lua e as nossas energias

Para astrólogos e numerólogos, a Lua tem muita energia, por essa razão exerce grande influência em nossas vidas. Como a Lua tem poder sobre as marés, interferindo em grandes volumes de água, ela também influenciaria as águas do nosso corpo.

Não só o nosso corpo é influenciado pela mudança de Lua, como também o nosso humor e o nosso comportamento. Já no nosso nascimento, ficam registradas a fase, a altura e a distância gravitacional da Lua. O nosso signo lunar define aspectos relacionados à nossa sensibilidade, à nossa intuição e às nossas emoções – ou seja, aqueles aspectos profundos e ligados à nossa intimidade.

Cada fase lunar tem uma ação sobre a nossa vida. Entenda essas fases e aprenda a tirar proveito delas para planejar a sua vida.

Imagem da lua nova em um céu estrelado.
Imagem de G4889166 por Pixabay

Lua Nova

É o período ideal para dar início a novos planos e recomeços. Plante agora para colher mais pra frente. É o momento para começar aquela dieta, mudar o visual ou mesmo começar um novo emprego. Abrace situações novas e que realmente marquem um começo na sua vida ou tire aquele projeto antigo da gaveta e dê o pontapé inicial nele.

Lua Crescente

É a fase lunar do movimento, hora de investir e de regar para ver crescer. As coisas ainda não tomaram forma, mas estão sendo agilizadas. Fique atento ao que está acontecendo ao seu redor, pois é isso que vai se desenrolar até o fim dessa fase. Coisas positivas se encaminham para o sucesso. Já as negativas implicam obstáculos crescendo no seu caminho.

Lua Cheia

Essa é a fase em que tudo é aguçado. Emoções estão à flor da pele e fica difícil manter o equilíbrio. A energia dessa fase é forte, então ficamos impulsivos. Não é o momento de decidir, pois você poderá agir de forma precipitada. Apenas colha os frutos. É uma fase boa para trabalhar a sensualidade, engravidar, dar um gás na vida a dois ou conquistar um amor.

Imagem do eclipse lunar. A imagem é escura e a lua está dourada,
Imagem de ipicgr por Pixabay

Lua Minguante

É aquele momento em que as coisas perdem intensidade. Tudo fica meio chocho. Mas não se desanime, porque é uma fase excelente para fazer reflexões sobre tudo o que aconteceu e para fazer um balanço. É hora de se recolher e economizar as energias.

Não gaste tentando emplacar projetos que não foram pra frente. Apenas pare para analisar, colocar a vida em ordem, meditar e fazer a limpa na sua vida. E isso inclui pessoas tóxicas, roupas e móveis parados, que atravancam as energias da casa. Purifique-se e abra espaço para o novo, que vem logo em seguida, iniciando um novo ciclo de novas oportunidades.

Você também pode gostar

Se a mudança de Lua faz alguma diferença cientificamente comprovada nas nossas vidas, não sabemos, mas se mal não faz, não custa nada se guiar um pouco pelo seu instinto e acreditar na intuição, na força da natureza e dos astros.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br