Autoconhecimento Comportamento Psicologia

O que é caráter?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras
Quando precisamos buscar o significado das coisas, recorremos ao dicionário. É ele que traz todos os possíveis usos e acepções de cada termo pesquisado. Poderíamos fazer uma breve definição da palavra caráter, segundo o dicionário.

Você também pode gostar de:

De origem grega (kharaktér), a tradução é: marca, sinal, gravação. Há ainda outros significados, como podemos ver a seguir:

  • 1. Conjunto dos traços particulares, modo de ser de um indivíduo ou de um grupo; índole; natureza; temperamento: “As grandes linhas do caráter são reconhecidas desde a infância”.
  • 2. Conjunto dos traços psicológicos (positivos ou negativos) de um indivíduo, que lhe determinam a conduta e a concepção moral: “Pessoa de caráter duvidoso”.
  • 3. Firmeza moral, que determina a coerência do indivíduo ao agir, ao proceder.

Caráter

O caráter, sob um aspecto geral

Mas o que é, de fato, o caráter, além daquilo que podemos definir teoricamente? O que seria uma pessoa de bom caráter, e uma de mau caráter?

O caráter tem a ver com índole, com aquilo que você acredita ser o certo a se fazer e o que considera errado. Quando a pessoa tem um caráter bom, vai sempre se guiar por aquilo que é ético e dentro dos princípios morais. É uma pessoa honesta, que não vai se deixar levar pelo caminho mais fácil (nem sempre lícito ou ético). Já a pessoa mau-caráter é alguém que não apresenta firmeza de princípios.

Muitas vezes, somos testados(as), e nossas escolhas é que vão definir nosso caráter. Fazer o certo mesmo que ninguém esteja vendo é uma prova de que você tem um bom caráter.

O caráter, para a Psicologia

Para a Psicologia, caráter tem a ver com o primeiro tópico da nossa introdução. Nesse sentido, designa um aspecto da personalidade que é inerente somente a uma pessoa, é o conjunto de traços particulares, temperamento, gênio dessa pessoa, que vai direcionar sua maneira de pensar, agir e sentir. Essa qualidade está sujeita às condições familiares, sociais e do meio.

Caráter

E no dia a dia?

Você já se pegou em alguma situação na qual seu caráter tenha sido testado, voluntária ou involuntariamente? Por exemplo, alguém que lhe deu um troco a mais; ou um passageiro anterior que, apressado, tenha esquecido a carteira no táxi que você acabou de pegar? Ou aqueles testes de honestidade, que comumente vemos na TV ou na web?

Se sim, qual foi sua reação? Procure analisar se você, em algum momento, hesitou, pesou os prós e os contras de uma atitude duvidosa, ou se não pensou duas vezes e fez o que tinha que ser feito, sem pensar em retribuição ou ser bem visto, ou ainda, sem fazer publicidade ou alarde sobre isso.

Apenas fez o que considera certo, baseado nos princípios de honestidade e integridade. Isso é retidão de caráter. Fazer o certo sem achar que merece ser louvado por isso.

Caráter

Devemos sempre pensar a respeito das consequências das nossas atitudes, seja para nós mesmos, seja para as pessoas às quais direcionamos nossas ações. Aquele dinheiro esquecido na rua pode ser a única coisa que aquela pessoa tem, ou é valor do aluguel, da compra de um remédio que possa ser essencial à manutenção de sua vida.

E o mais importante: não devemos nos apropriar daquilo que não é nosso. Não devemos enganar as pessoas nem levar vantagem sobre os outros. Caráter, a despeito de qualquer definição metalinguística, é uma questão de respeito e empatia com o próximo, e de compromisso com o que é correto.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]