Transição Planetária

Os heróis morrem no anonimato

Pessoas andando na rua.
dotshock / 123RF
Vital Frosi
Escrito por Vital Frosi

Amados! Quanta ilusão alimentada pelos sedentos por fama e poder! Quanta necessidade de ser reconhecido e receber honrarias — na maioria das vezes imerecidas! Quanta idolatria aos falsos ídolos nestes tempos remanescentes da Velha Sociedade Terrana! Valores que não servem como exemplos de dignidade, moralidade e justiça para aqueles que ainda mantêm a chama viva da dignidade e do BEM SERVIR.

Os sepulcros caiados, como se referiu o Grande Mestre, ainda persistem entre nós. O desejo ardente de ser conhecido, reconhecido e eternizado por algo que nunca fez ou nunca foi. Obras fictícias que jamais existiram; ações anunciadas porém nunca executadas; objetivos traçados mas que nunca se concretizaram; e, acima de tudo, um desejo insaciável de perpetuar fama, dinheiro e poder.

Valores que nunca passam de um velho papel amarelado pelo tempo inútil nesta vida material. Tudo isso sempre termina num caixão fúnebre e solitário na completa escuridão em um cemitério qualquer. Pódio de areia que não resiste à brisa do mar nem à primeira onda da maré. Pedestais falsos que jamais sobrevivem no além-túmulo.

Os verdadeiros heróis entre os humanos encarnados não precisam de condecorações, pois o seu verdadeiro valor é sempre eterno, ou seja, pela vida continuada. Mesmo quando ele reencarna, tais valores contam créditos que o elevam sempre em cada situação de aprendizado ou de provação. São os bônus oferecidos pela Justiça Verdadeira, não aquela superficial criada para beneficiar os próprios malfeitores da humanidade.

Você acredita mesmo que existe o acaso? Por que algumas pessoas têm o infortúnio de nascer aleijadas, débeis mentais, com doenças precoces que promovem mortes prematuras e tantos outros problemas graves? Porque uns nascem e vivem na completa miséria ou em regiões conflituosas, sujeitas a catástrofes constantes, sem contar aquelas que passam por abusos inimagináveis?

Pessoa passando por um portal de luz roxa.
activedia / 123RF

Levando em conta que a vida é continuada, pois o Espírito apenas troca de corpo a cada existência, é natural que, a cada reencarnação, ele apenas continue a sua evolução como consciência. No além-túmulo, ao recuperar parte da consciência, o Espírito reconhece as suas falhas e se propõe a reajustar a caminhada, escolhendo, para isso, provas e expiações necessárias. Geralmente determina para si um caminho oposto ao vivido na existência anterior.

O algoz de ontem é sempre a vítima de hoje. Sim, ele mesmo preferiu o caminho da dor, pois esse caminho é mais curto que aquele percorrido com amor. A dor ensina e faz o polimento da consciência, por isso quase todos os Espíritos devedores escolhem passar por ela ao reencarnar.

O orgulho e a vaidade ainda não trabalhada criam a necessidade de reconhecimento público. O Espírito encarnado que ainda carece de polimento nesses predicados certamente tudo fará para que o seu ego inflado seja sempre alimentado e nutrido. E vai encontrar as oportunidades no cotidiano dos seus dias, pois o Universo lhe entrega todas as situações necessárias. Foi uma escolha dentro do seu projeto encarnatório.

activedia / 123RF

Também é notório que muitas pessoas não têm a necessidade de ser reconhecidas a todo instante. Sabem o que vieram fazer no Plano Físico e o fazem muito bem. Não têm a necessidade da aprovação por parte dos outros. Não soma nada para elas se alguém as critica ou as enaltece. Simplesmente sabem que estão fazendo aquilo que se propuseram, e o fazem muito bem.

Fazendo uma reflexão dos fatos nesta última semana, ocorreu-me exatamente isso: como a mente coletiva é controlada, sugestionada e dirigida sempre com o propósito de servir interesses bem camuflados que só as consciências despertas percebem! Várias vezes vi e ouvi a frase: VIDA DE … IMPORTA!

Perfeito! Assim é muito bom, mas o correto seria: TODAS AS VIDAS IMPORTAM!

Quem faz a vida de uns ser mais importante que a vida de outros com certeza não está respeitando as Leis Divinas. Aliás, é a mais pura e cristalina prova de discriminação! Neste ano de 2020, mais de 50 mil pessoas foram assassinadas no Brasil, mas eu só vi uma delas ganhar destaque. Não vamos entrar em julgamento se o assassinado era pai de família, mãe honrada, policial honesto, estudante exemplar, trabalhador responsável ou um marginal qualquer. TODAS AS VIDAS IMPORTAM! Mas o que você percebe? Está estampado na Mídia Trevosa e na testa de muitos seguidores seus: APENAS ALGUMAS VIDAS IMPORTAM, PREFERENCIALMENTE SE FOR A DE ALGUM MEMBRO SEU.

Você também pode gostar

Infelizmente, as últimas lições não estão sendo aprendidas por boa parcela dos alunos desta Escola Terrana. Os ceifadores estão tendo muita paciência na espera de que alguns grãos ainda se soltem da palha para que possam ser colhidos. O fogo não tardará e o tempo se esgota rapidamente.

OS HERÓIS NÃO PRECISAM DE CONDECORAÇÕES NESTA ESCOLA QUE DEIXARÁ DE EXISTIR. ELES SERÃO RECONHECIDOS COMO OS GRANDES VENCEDORES QUE ADENTRARÃO UMA ESCOLA MAIS GRADUADA.

Os heróis morrem no anonimato pois sabem que apenas fizeram aquilo que vieram fazer. E fizeram muito bem feito! Basta apenas que a sua consciência saiba disso!

Eu sou Vital Frosi e minha missão é o esclarecimento!

Namastê!

Sobre o autor

Vital Frosi

Vital Frosi

Psicoterapeuta Reencarnacionista, Orientador espiritual, Formação em Psicologia Transpessoal pela Unipaz, Mestre em Reiki pela Escola André Luiz e Celer Faculdades, Massoterapeuta pela Celer Faculdades, Médium Intuitivo Semi consciente, Palestrante, atendimentos presenciais e à distância.
Missão terrena para esta existência: O esclarecimento e o despertar espiritual.

E-mail: [email protected]
Celular: (49) 9 9128-5260 (WhatsApp)
Facebook: Vital Frosi