Autoconhecimento

Por que tentar viver o que já foi vivido?

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Na vida, as coisas nem sempre acontecem da forma que a gente planeja. E quando alguma coisa dá errado, quase sempre nos perguntamos o que poderíamos ter feito de diferente para que tivesse dado certo. Encontrando uma solução ou não, pensamos como seria bom poder voltar ao passado e fazer diferente.

Também existe a situação contrária, quando algo dá tão certo e é tão prazeroso que, se fôssemos capazes, voltaríamos no tempo para viver aquele momento mais uma vez, para curtir ainda mais alguma sensação ou emoção que talvez tenhamos deixado escapar por não dar tanto valor a ela.

Mas, mesmo se voltássemos no tempo, não viveríamos da mesma forma. Já voltaríamos mais maduros, diferentes. Seria impossível pensar do mesmo jeito, sentir do mesmo jeito, ter as mesmas reações e sensações. Então, por que tentar viver novamente o que já foi vivido? Não faz sentido.

Em cada segundo que passa nos transformamos em seres mais maduros do que éramos no segundo anterior. No minuto seguinte já não somos mais as mesmas pessoas. Nada será como antes. Se deu certo ou se deu errado, daqui para frente pensaremos como essa nova pessoa, que já não é a mesma que começou a ler esse parágrafo.

Esse pequeno texto já está fazendo com que você mude, forme uma nova opinião sobre algo, tenha vontade de coisas diferentes. Mesmo que tenha vontade das mesmas coisas, com certeza você as sentirá de outra forma.

Ficar preso ao passado é inútil. Mesmo que fosse possível revivê-lo, você já não seria mais a mesma pessoa que viveu aqueles momentos felizes pela primeira vez, então, eles já não seriam mais tão bons.

E aqueles momentos ruins, você tentaria consertar? Já pensou que isso poderia mudar todo o resto da sua vida? Quando você voltasse ao futuro, que na verdade é o presente, você poderia nem ao menos se reconhecer – sem falar da sensação horrível que se deve sentir ao perceber que você não sabe o que se passou com a sua vida daquele momento que você modificou em diante.

Não vale a pena pensar no passado. Ele já foi. Já passou. Ele é responsável por tudo o que você é hoje, por todos os seus defeitos, mas também por suas qualidades. Enquanto você pensa no passado, o seu presente passa e você nem percebe.

Você poderia estar fazendo diferente. Aproveitando mais como disse que faria. Estudando mais, saindo mais, ficando mais com a família, se exercitando mais, ou quaisquer que foram os objetivos que você prometeu a si próprio no último réveillon. Todos eles baseados em tudo o que você já viveu. Mas, em vez de estar correndo atrás deles, você está aí, pensando no passado?

O passado já foi. O presente também está indo e o tempo é incontrolável – ou você o aproveita, ou apenas existe. Você quer apenas existir ou quer viver? Seja você. Seja a versão mais genuína de você. Viva o presente e prepare-se com muita alegria para o futuro… Ele está chegando no próximo segundo.


Texto escrito por Giovanna Frugis da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]