Autoconhecimento

Ser grato por ser

Giselli Duarte
Escrito por Giselli Duarte
Nada como exercitar a gratidão em nossas vidas. Ela não deve ser exercitada para obter algo em troca. O sentimento de gratidão é como a felicidade genuína. Ser grato independe de quaisquer situações e, principalmente, do objetivo de simplesmente agradecer. O sentimento de gratidão nos conecta com nosso ser mais profundo, equilibrando nosso emocional, mental e espiritual.

Podemos ser gratos em todas as situações de nossas vidas, pois a capacidade de aprendizado por conta das circunstâncias é inúmera. Mas, pensar na gratidão como forma de obter “mais” daquilo que se deseja, é ingenuidade.

Para exercitarmos mais do sentimento de gratidão, podemos praticar, de forma criativa, o hábito de escrever numa folha de papel um agradecimento matinal ou no decorrer do dia. Potes da gratidão, uma prece, um cumprimento etc. Exercitar a gratidão, sobretudo, enobrece a alma.

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Giselli Duarte

Giselli Duarte

Profissional de marketing, sempre foi apaixonada pelo marketing social e pela filosofia da colaboração. Em constante busca por conhecimento, estudou coaching pela LLC e participou de vivências através do programa Momenttum pela Humanity, dentre outras formações e especializações voltada ao marketing estratégico e empresarial. Reikiana iniciada e formada em nível I e II, apoia trabalhos voluntários em prol da disseminação das terapias alternativas para todos. Formou-se em Hatha Yoga pelo Centro De Estudo Darshana Vedanta Vaishnava Yoga. Com o objetivo de compartilhar o movimento das práticas de bem-estar, fundou o projeto Pranayama.

Site: pranayama.com.br/
Instagram: @PranayamaOficial
Facebook: PranayamaOficial