Convivendo

Sinal verde para o amor? Ou seria vermelho para paixão?

“Vieste com a cara e a coragem, sem malas,

viagens, pra dentro de mim,

meu amor…”

– (Ivan Lins, Vieste)

Então, você conheceu alguém. Alguém em quem vislumbra uma nova oportunidade de relação; saudável e benéfica, talvez leve, talvez lenta, talvez isso, aquilo outro… Há tantos pensamentos, tantos “porquês” e “ses”, mas você sente que pode permitir-se ir além da teoria e partir para a prática. Então, só me resta te encorajar e dizer que, se um novo amor apareceu em sua vida, aproveite! Deixe viver!

Se você sente que está vivendo um momento especial e o cenário é propício para um namoro, uma relação bacana e positiva, que tal tentar?

Alguns sinais podem estar lhe dizendo para seguir em frente, sabia?

“Vem, nós dois vamos tentar…”

– (Caminhos Cruzados, Tom Jobim)

Respeito

Muito bem. Você conheceu uma pessoa que, além de boa companhia (e de ser tudo de bom!), respeita os seus limites, que podem incluir um início de relacionamento lento e sem cobranças, por exemplo; vocês não têm pressa e seguem ao sabor das emoções surpreendentes brindadas pela convivência ainda em estágio inicial. A cada passo, um novo grau de conhecimento mútuo. Ai, como é bom gostar de alguém!

Confiança

Não há razão para esquentar a cabeça, certo? Vocês estão se conhecendo, a passos lentos, mas cada um tem sua vida. É importante ter, cada um de vocês, um tempo para continuarem com suas rotinas. Há amigos e familiares que fazem parte de sua vida e estar com eles só lhe faz bem; você tem o seu trabalho, seus objetivos e seus interesses; continue fazendo o que lhe causa prazer; você é interessante, sua vida é interessante e estar apaixonada faz bem para a alma, coração e pele, mas há outras áreas de sua vida para cuidar, ok?

Young happy couple on beach on cliff background

Liberdade!

“Se você ama alguém, deixe esse alguém livre”, já dizia Sting em sua canção “If you Love somebody set them free”. É a mais pura verdade, sabia?

Só a liberdade nos mostra o que somos de verdade; uma pessoa livre não mente porque se respeita e se cuida; uma pessoa livre é feliz e faz os outros felizes. Se você gosta de alguém, não o prenda, ao invés disso, confie, seja coerente com seus sentimentos e tenha fé em você, ok?

Aprecie o momento

Que bom estar com alguém! Que delícia andar por aí de mãos dadas, sorriso estampando o rosto, o olhar expressivo de alguém apaixonado, o riso bobo e às vezes fora de hora, sem motivo… Que delícia amar!

Você merece! Viva esta oportunidade e presenteie-se com a aceitação de que este é o momento para livrar-se de amarras do passado, relações que lhe fizeram mal e aquele medo de errar… Esqueça isso! Tudo novo, agora!

Escreva uma nova história, com novos personagens

Uma das maneiras mais sensacionais para encontrar pessoas positivas e que nos aportará algo bom é, sem dúvida, seguir com nossas vidas em busca da realização de nossos objetivos. Sim, sim!

Quando você segue em busca de seus objetivos, sua energia está tão potente, tão vibrante, que certamente atrairá pessoas positivas e vibrantes, buscando também seus objetivos. Nesse momento, vocês descobrirão mais afinidades, poderão se surpreender com coincidências e irradiarão o bem. Aposte nisso!

Eu te desejo tudo de bom nessa nova fase de sua vida!

Sobre o autor

Claudia Jana Sinibaldi Bento

Claudia Jana Sinibaldi Bento

Olá, sou a Claudia Jana Sinibaldi Bento, metade brasileira, sendo a outra metade encontrada na Espanha… rs... e aqui compartilho o que aprendi ao longo desta trajetória, seja estudando, traduzindo, escrevendo, lendo ou conversando… ah, melhor ainda: conhecendo pessoas que me acrescentaram o que carrego como sendo meu tesouro mais precioso: conhecimento. São anos aqui e ali, onde me chamam ou aonde eu simplesmente vou, para aprender, ajudar, sentir… e assim sigo esta estrada rumo ao autoconhecimento, evolução e simplicidade! Vem comigo aprender! Ah, também quero aprender com você!

Email: [email protected]