Autoconhecimento Meditação Vídeos

Vício em Pornografia e Meditação

Nesse vídeo, o mestre Nisargan do Espaço Presença responde a uma pergunta de um dos seus seguidores a respeito de como a meditação pode ajudar ou não uma pessoa a se livrar de qualquer vício, especificamente do vício em pornografia.

Para Nisargan, a meditação ajuda na superação do vício, mas é interessante que as pessoas saibam que a meditação é uma prática, e que ela é para a vida. Ela nos proporciona uma consciência desperta, uma atenção e uma percepção clara do que está acontecendo ao nosso redor.

O poder da meditação é justamente este: aumentar a consciência da realidade externa e interna, a fim de ficarmos mais conscientes de nossas reações, emoções, encucações e do nosso potencial. O aumento dessa consciência tem aplicação direta em quaisquer situações da vida, inclusive em vícios, especificamente o vício em pornografia.

A meditação só ajuda a dissolver o vício quando a pessoa tem uma consciência clara das consequências negativas dessa prática. Se o indivíduo começa a se justificar, não vai alcançar essa consciência, e vai encobrir e buscar desculpas para o que, na verdade, é vício – mas que ele nem considera que seja.

A meditação faz com que nós tenhamos mais atenção ao que percebemos e menos atenção ao que pensamos. Nós pensamos muito mais do que percebemos, e a meditação reverte esse processo.

Uma pessoa que não medita acredita muito mais na sua própria mente, nas suas próprias desculpas, nos seus próprios argumentos do que aquela que medita.

Você também pode gostar

O trabalho de um meditador é dar-se conta da sua mente: a maioria das coisas que se passa em nossa mente é lixo, é perturbador e é desnecessário.

Quando o meditador percebe um pensamento que atrapalha a sua percepção, ele simplesmente aperta o botão de “desliga” e volta a sua atenção ao que está acontecendo no momento presente, tanto externa quanto internamente.

Ao ficar presente, depois de apertar o botão para desligar, ele está desqualificando aquele pensamento, não havendo espaço para brigar, tampouco para defender com unhas e dentes uma ideia, porque tudo é pensamento.

Homem deitado em cama, com mulher dormindo ao seu lado. Ele está acordado, e usando um notebook em seu colo.
123rf/Piotr Marcinski

Se o meditador combate o pensamento, ele consegue enxergar além das desculpas, passando a perceber o impacto de determinadas ações, notando coisas que normalmente ele não notaria se não praticasse esse treino em presença, em meditação.

Confiram a explicação do mestre na íntegra. No vídeo ele esclarece como a meditação pode colaborar para a superação do vício em pornografia (e outros vícios também).

Sobre o autor

Anand Nisargan

Anand Nisargan

Anand Nisargan é o criador do ESPAÇO PRESENÇA e focalizador de seus Retiros de Meditação.

Formado em Medicina na Unicamp, em 1994 abandonou seu trabalho como médico psiquiatra para tornar-se instrutor de meditação.

Bebeu da fonte do Mestre Osho em sua própria presença física e foi membro de suas comunas na Alemanha, Itália e Brasil, sendo tradutor de dezenas de seus livros e vídeos. Autor do livro “A Arte de Estar Presente”.

Site: espacopresenca.com.br
E-mail: [email protected]
Telefone: (12) 99700.5670 (Vivo | WhatsApp)