Nutrição

10 cereais para melhorar a sua alimentação

Tigela cheia de cereais, com uma maçã e uma caneca de leite ao lado.
Bigstock / cpoungpeth
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Uma alimentação saudável e equilibrada deve ser composta por todos os grupos de alimentos que existem, em quantidades adequadas. Na nossa alimentação diária, até conseguimos incluir uma grande parte deles, como proteínas, frutas, verduras, carboidratos e gorduras.

Mas há um alimento importante, a base da pirâmide alimentar junto aos carboidratos, que muitas vezes é esquecido no nosso cardápio: os cereais. Esse é o grupo que nos fornece energia, auxiliando o organismo a se reconstruir todos os dias sem dificuldades.

Além disso, os cereais são fontes de fibras e de vitaminas e devem ser consumidos em grande quantidade para garantir o bom funcionamento dos nossos corpos. Alguns deles são arroz, milho e trigo. Será que você está ingerindo esses nutrientes corretamente?

Para garantir que o seu cardápio seja o melhor possível, apresentamos, a seguir, uma diversidade de 10 cereais para incluir na sua dieta. Lembre-se de realizar um acompanhamento médico anual para verificar como anda a sua saúde!

Cereais para melhorar a alimentação

Chia

Sementes de chia dentro de um recipiente de vidro.
Pexels / Castorly Stock

A chia é um cereal bastante eficaz para quem deseja aumentar a sensação de saciedade sem comer em excesso. Ela também apresenta outras funções, como fortalecer os ossos, aumentar a imunidade, facilitar a digestão, combater o envelhecimento precoce e manter o bom funcionamento do sistema cardiovascular.

Para aproveitar os benefícios que a chia oferece, você pode ingerir uma colher de sobremesa por dia em uma salada de fruta, no mingau, com iogurte, em saladas de vegetais ou até em sucos.

Aveia

A aveia é um cereal bastante conhecido e que pode ser ingerido em qualquer idade. Ele é principalmente lembrado por ser rico em fibras, ajudando na digestão, mas também é importante para reduzir os índices de glicose e de colesterol ruim no organismo. A aveia, inclusive, também pode melhorar o humor, sendo ideal para o café da manhã.

Há muitas maneiras de consumir esse cereal sem perder os nutrientes dele. Entre elas, podemos listar: mingau de aveia, com frutas amassadas, com vitaminas, com iogurte ou com leite.

Arroz integral

Mãos segurando tigela com arroz integral e carnes secas, e uma colher.
PXFuel

Uma simples mudança no seu cardápio pode transformar a sua saúde. Já pensou em trocar o arroz branco pelo arroz integral? Além de ser menos processado, o que garante que os nutrientes do grão ainda estarão presentes no seu prato, ele combate a obesidade, o colesterol ruim e a diabetes.

Para incorporar o arroz integral à sua rotina, você não precisa descartar o arroz branco completamente. Até se acostumar a essa nova opção, você pode testar diferentes receitas e temperos, até chegar a uma que te agrade.

Linhaça

Muito procurada por quem está tentando emagrecer, a linhaça é um cereal que apresenta muitos benefícios. Para as mulheres, em especial, ela pode contribuir para a regulação dos hormônios durante a menopausa, além de ajudar na prevenção contra o câncer de mama. Ela também aumenta a resistência dos ossos, controla a diabetes e previne inflamações.

É recomendado que você ingira no máximo uma colher de sopa de linhaça por dia. Caso não goste da textura do cereal, você pode triturá-lo, para acrescentar no arroz e feijão, nas frutas, nas saladas ou até no mingau.

Amaranto

Tigela de madeira cheia de flocos de amaranto.
Pixabay / tetep_cs

Pouco conhecido, o amaranto é um cereal importante para a boa manutenção do sistema cardiovascular. Além disso, ele apresenta um benefício em comparação a outros cereais, que é a ausência de glúten. Para a recuperação muscular e contra a osteoporose, ele também é um ótimo aliado.

Caso você queira ingerir amaranto rotineiramente, pode comer até três colheres de sopa por dia desse cereal. Ele está disponível em flocos, como farinha e como milho, podendo ser transformado em pipoca.

Flocos de milho

Se você costuma praticar atividades físicas diariamente, os flocos de milho são cereais que vão te trazer muita energia. Eles também são ricos em ferro e em vitaminas, embora tenham baixos índices de açúcar. Os minerais e antioxidantes presentes nos flocos ainda garantem a fácil digestão e a prevenção contra o câncer.

Embora existam versões com açúcar dos flocos de milho, opte por aquelas que são naturais. Uma xícara de chá desse cereal é a quantidade ideal para consumir diariamente, com leite ou com frutas.

Trigo sarraceno

Trigo sarraceno.
PXFuel

Mais um exemplo de cereal sem glúten, o trigo sarraceno é uma semente rica em rutina, um antioxidante que reduz inflamações, melhora a pressão arterial e o perfil lipídico do sangue de quem o consome. Outro benefício é que o trigo sarraceno pode reduzir os níveis de açúcar no corpo de uma pessoa, prevenindo a diabetes.

A quantidade ideal de consumo do trigo sarraceno é uma colher de sopa. Ele pode ser ingerido na forma de mingau, como farinha para empanar alimentos ou até mesmo na hora de preparar pães e bolos.

Cevada

Um cereal bastante consumido no mundo é a cevada, visto que ela é um dos componentes da cerveja. Na forma de cereal, porém, ela é uma importante aliada na regulação dos hormônios da tireoide, que garantem o bom funcionamento do nosso metabolismo. Também há muitas vitaminas na composição da cevada, como as vitaminas A e K.

É possível consumir até uma colher de sopa de cevada diariamente. Você pode utilizá-la para fazer pães, massas, bolos e até salada, se ela estiver na forma de grãos. O importante é incluí-la na sua rotina!

Você também pode gostar

Centeio

Campo de plantação de centeio, pronto para a colheita.
PXFuel

O centeio é um cereal que pode melhorar consideravelmente a sua saúde, se for consumido com frequência e com responsabilidade. Os nutrientes que fazem parte desse alimento auxiliam a saúde digestiva, fortalecem a imunidade e controlam os níveis de açúcar e de gordura no sangue.

Você pode consumir até duas colheres de sopa de centeio por dia, incluindo o cereal no preparo de massas, pães e tortas, ou consumindo com iogurtes, vitaminas, sucos ou leite em si.

Müsli

Musli não é um cereal propriamente dito, mas um conjunto de nozes, frutas secas e farelo de aveia. O ideal é que ele não seja açucarado artificialmente, para manter os nutrientes de cada alimento sem prejudicar quem vai ingeri-lo. Além de fornecer energia e proteínas, ele promove o bom funcionamento do intestino.

Diariamente, você pode comer até uma xícara de chá de musli. Misturado no iogurte, no leite ou em uma vitamina, você ainda preservará os nutrientes desses cereais, conseguindo uma receita diferente para saborear rotineiramente.

Levando em consideração tudo o que foi apresentado, concluímos que os cereais são muito importantes para a nossa alimentação diária. Até mesmo quem tem alergia a glúten, por exemplo, pode consumir algumas das variedades que sugerimos. Logo, não há desculpa para não incluir essas fontes de energia e de vitaminas na sua rotina!

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para colunistas@eusemfronteiras.com.br