Autoconhecimento

14 dicas pra você entender o comportamento das pessoas

Eu Sem Fronteiras
Escrito por Eu Sem Fronteiras

Muitas vezes, não entendemos o comportamento das pessoas, ficamos sem reação em diversas situações que acabam em certo constrangimento. Por exemplo, quando recebemos aquele presente que não gostamos tanto, ou quando estamos frente a frente com alguém que não lhe causa boa impressão.

Existem algumas maneiras de saber se portar diante de algum episódio incomum que possa acontecer em nossas vidas, e também algumas dicas interessantes para lidar com todas as pessoas, de diferentes personalidades, jeitos e emoções.

  • Mantenha a calma perante a um grito

Quando durante uma conversa alguém se exalta e começa a gritar, o ideal é manter a calma – o famoso “contar até dez”. Se você revidar e iniciar uma discussão, pode embravecer ainda mais a pessoa. Uma ocasião semelhante a essa pode tirar o seu sono e deixar com peso na consciência por ter agido de uma maneira desagradável. Não pagar na mesma moeda é um ditado que devemos levar para as nossas vidas sempre.

  • Sinta-se à vontade

Quem nunca teve aquela reunião importante e o nervosismo tomou conta do corpo inteiro? Mãos trêmulas e frias, dores de cabeça e até suor inesperado tomam conta da nossa emoção. Para se sentir mais a vontade e menos preocupado, imagine que está diante de um bom e velho amigo e não do seu chefe ou patrão. Dessa forma, você pode conduzir muito melhor as pautas e se sair muito bem.

  • Abuse do sorriso

Além de demonstrar autoestima, confiança e bom humor, um sorriso pode cativar todos à sua volta. Para se sentir feliz, sorria para você mesmo e dessa forma, consiga conquistar o mundo ao seu redor. As expressões faciais são de extrema importância para se relacionar com alguém, seja na família, no trabalho e até em relacionamentos amorosos.

  • Esqueça o “eu acho”

Iniciar uma frase, um bate papo ou uma reunião com “eu acho” ou “me parece”, faz todos os seus ouvintes perderem a credibilidade no que você fala ou faz. Fale com firmeza para demonstrar segurança da sua parte. Repare que as pessoas que falam dessa forma não estão preparadas o suficiente para apresentar ou firmar algum assunto introduzido.

  • Repare nos olhares

Durante a piada, ou até mesmo quando contamos uma história engraçada, ou algo que nos arranque um sorriso, perceba que as pessoas sorriem olhando para as que mais se identificam ou que gostariam que estivessem felizes e que lhe fazem bem. É uma ótima maneira de saber quem realmente se importa com você, certo?

  • Lugar ideal para o primeiro encontro

Fique atento à escolha que o seu parceiro fizer quando forem ao primeiro encontro. Quando opta-se por locais onde estejam rodeados de boas energias, pessoas alegres e dançantes, geralmente é o encontro ideal. Caso o lugar não seja dessa forma, entende-se que ele não está tão animado quanto o esperado.

  • Aproxime-se ao ataque!

Suponhamos que, em uma reunião de trabalho, você está em apresentação de um novo projeto e nota que aquela mesma pessoa sempre quer interromper, atacar e criticar o que está dizendo. Aproxime-se dela! Com esse gesto, você acaba impedindo que esse alguém faça algum escândalo diante de outras pessoas.

“Você induz a fala mais baixa, serena e comportada da crítica”[/mks_ pullquote]
  • Com jeitinho, consegue-se tudo

Se pedirmos algo muito extravagante a alguém, a primeira reação é a de negação. O “não” vem forte, com uma justificativa objetiva e clara de que não teremos aquilo. Se na sequência ousarmos solicitar o que for mais simples, provavelmente o sinal será de positivo, pois naquele momento há a comparação dos dois pedidos e a escolha daquilo que mais convém.

  • Balas de mascar para o nervosismo

Se bater o frio na barriga durante um evento importante, utilize a técnica da bala de mascar. O nosso cérebro entende que estamos nos alimentando e todo o nosso sistema de emoção, segurança e tranquilidade estão ligados a isso. Você libera o nervosismo mascando algo que depois de alguns instantes pode descartar e estar mais relaxado momentaneamente.

  • Retruque menos e escute mais

Caso alguma resposta não esteja de seu gosto, não estenda. Evite perguntar novamente e retrucar. Olhe no fundo dos olhos e espere a pessoa terminar de falar. Dessa forma, você demonstra maior tranquilidade e serenidade. Além disso, obriga a pessoa a introduzir outros argumentos que ainda não foram ditos e pode até chegar a um comum acordo.

  • Trate todos bem

Está chegando aquela pessoa que você não gosta muito? Já teve alguma briga com ela? Procure não guardar mágoas e esbanje sorrisos. Tratar bem alguém que você não tenha tanta afinidade faz essa pessoa gostar mais de você e vice e versa. Com o passar do tempo, nós nos acostumamos com a presença e o comportamento de ambos melhora. Pense nisso! 

  • O poder da cor dos olhos

Se estiver conhecendo alguém, sua primeira missão é descobrir a cor dos olhos. Mantenha sempre o contato visual quando está em um debate pessoal. Se a cor é azul, verde ou mel, aumenta a química e a simpatia entre essa pessoa e você. Repare se ela está fazendo o mesmo e, dessa forma, vocês descobrem um ao outro apenas com olhares profundos e sinceros. Uma boa dica para fazer a conquista ideal, né?

  • Alegria x Estresse

Apresentam sintomas parecidos: coração acelerado e uma respiração mais ofegante. Basta encarar as situações estressantes como um desafio, saber controlar as emoções e, assim, terá uma redução no quadro negativo desses momentos e as pessoas ficaram mais alegres com sua presença.

  • Analise e mostre-se confiante

Algumas pessoas não conseguem notar se outras estão confiantes naquilo que está dizendo ou não. A última dica para entendermos melhor o comportamento das pessoas e sabermos lidar melhor com isso é mostrar-se confiante em tudo. Saber se posicionar de modo que as pessoas vejam que você é capaz de solucionar qualquer problema.

Após essa leitura, podemos reparar mais nas pessoas e em como elas se comportam diante das situações do nosso dia a dia. Vamos praticar?


Escrito por Natália Nocelli da Equipe Eu Sem Fronteiras

Sua opinião é bem-vinda, sempre que colocada com a educação e o respeito que todos merecem. Os comentários deixados neste artigo são de exclusiva responsabilidade de seus autores e não representam a opinião deste site.

Sobre o autor

Eu Sem Fronteiras

Eu Sem Fronteiras

O Eu Sem Fronteiras conta com uma equipe de jornalistas e profissionais de comunicação empenhados em trazer sempre informações atualizadas. Aqui você não encontrará textos copiados de outros sites. Nossa proposta é a de propagar o bem sempre, respeitando os direitos alheios.

"O que a gente não quer para nós, não desejamos aos outros"

Sejam Bem-vindos!

Torne-se também um colunista. Envie um e-mail para [email protected]